Coletiva-Inauguração de centro oftalmológico-20121702

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Transcrição da coletiva da Inauguração de centro oftalmológico em Divinolândia

Local: Divinolândia - Data: 17/02/2012

REPÓRTER: Governador, gostaria que o senhor destacasse para nós a importância de um Centro Oftalmológico para a região.


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Olha, muito importante. Aqui está um grande exemplo de sucesso dos municípios através do Conderg, através do consórcio; da Universidade, através da Unicamp, e de boas equipes aqui trabalhando e do governo do estado de São Paulo. Hoje é a inauguração desse grande Centro Oftalmológico, coloca Divinolândia como uma referência na área clínica e cirúrgica. 100% SUS, atendimento gratuito para a população e como qualidade, e com custos bastante reduzidos. Inclusive, um prédio aqui maravilhoso que está sendo inaugurado. Então, esse é o bom caminho, a gente hierarquizar, colocar ordem no sistema de saúde, estabelecendo referências, estabelecendo a regionalização da saúde.


REPÓRTER: Aqui pelo o que a gente percebe é um prédio totalmente humanizado. É uma preocupação da Secretária de Saúde, do estado de São Paulo e do governo?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Exatamente. Um dos trabalhos do Drº Giovanni Cerri, secretário da saúde, é exatamente esse, é o de você ter uma humanização e com qualidade nesse atendimento. E eu queria destacar a dedicação do Professor Nilton Kara José, foram mais de 20 anos, praticamente. A perseverança do Conderg, que hoje é uma referência em termo de organização de consórcio. E nos liberamos o último grande equipamento que faltava aqui, que é o tomógrafo, o TOC, importante para as cirurgias e as áreas de retina. Então, nós vamos ter aqui uma referência de ponta, que há de mais moderno, de última geração em termos de oftalmologia.


REPÓRTER: Bom, as demandas também regionais, os pleitos regionais, os demais prefeitos também serão atendidos pelo governo?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Nós vamos aqui em Divinolândia, saindo daqui, verificar a entrada, o acesso da cidade para poder fazer todo o recapeamento. A SP 225, de Aguaí/ Pirassununga até Analândia, vamos licitar agora em março. A SP 201, de Pirassununga passando por Cachoeiras das Emas até Santa Crus das Palmeiras, e SP entra em Santa Cruz das Palmeiras até Tambaú. A SP 332, também deveremos licitar em março, e ainda a ligação de Espírito Santo do Pinhal até Minas Gerais. Então, nós recuperar a malha rodoviária, e não só o recapeamento, mas recapeamento, acostamento asfaltados, onde houver necessidade terceira faixa, obras de segurança e uma importantíssima duplicação, também ligação com Minas Gerais, que é de São João da Boa Vista até Águas da Prata. Inclusive, com uma grande dentro de São João da Boa Vista.


REPÓRTER: O senhor falou que para melhorar em São João da Boa Vista, na área de saúde, em termos de espera, precisa investir mais nas Santas Casas. Como fazer isso? O governo vai fazer isso de que forma?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: A primeira questão é corrigir a tabela do SUS. O grande problema das Santas Casas que elas atendem 80%, 90% de SUS, então, um pouquinho só de convênio, mas é muito pouco. Então, a tabela do SUS precisa ser corrigida, isso não é só para São Paulo, isso é para todo o Brasil, e nos do governo do Estado apoiamos, as Santas Casas de caráter regional através do Pró Santa Casa e estimulamos como aqui essa organização dos municípios, como o Conderg para ser nosso parceiro nesse trabalho da assistência a saúde.


REPÓRTER: Em nome da população de Tambaú, eu queria agradecer a atenção que o senhor vem dispensando para toda a região. E a notícia no início dessa semana, no DER, da recuperação e a reconstrução da SP 332. Em nome da população, obrigado, governador!


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Não, é o nosso dever, e o projeto executivo já está ficando pronto. E nós pretendemos abrir a licitação da SP 332, iniciar o processo licitatório agora em março. Então, uma obra grande, uma obra importante de Tambaú até Santa Cruz das Palmeiras. O padre Donizete é forte, não é?


PADRE DONIZETE: Obrigado, governador!


REPÓRTER: Está sendo implantado o Samu, aqui na região também através do Conderg , que o senhor elogiou. O governo pretende participar também dos investimentos do Samu, já que os municípios também estão tendo que investir, governador?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: O secretário da saúde pode explicar melhor, mas a parte do estado é mais a parte dos Ame’s, que são as especialidades médicas, que é ao atendimento secundário e o atendimento terciário, que é apoiar rede hospitalar. Nós temos 82 hospitais estaduais e apoiamos muito as Santas Casas, que representam praticamente metade dos leitos dos SUS no estado de São Paulo.


REPÓRTER: Governador, para encerrar minha parte. No depoimento do presidente do Conderg, prefeito Emílio, um déficit hoje R$ 100 mil, também mensais. O que o governo pode fazer para colaborar com isso?

GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Olha, nós depositamos hoje R$ 248 mil exatamente para custeio, mais os R$ 293 mil para investimento e mais R$ 450 mil para o tomógrafo ATC. Mas eu diria que a questão de financiamento no Brasil não está resolvida, essa é uma questão que nos vamos ter que buscar alternativas, porque é preciso corrigir a tabela do SUS senão nas Santas Casas vão ter cada vez mais dificuldade. Não é só a Santa Casa, todo mundo que atende o SUS. Enquanto isso não ocorre, a gente vai ajudando. Então hoje já foi depositado R$ 248 mil.



REPÓRTER: Só mais uma pergunta, rapidinho. Para falar de segurança.


ORADOR NÃO IDENTIFIFCADO: A última?


REPÓRTER: A última. Em São João da Boa Vista o senhor falou do baixo índice de homicídios, mas tem o problema de um aumento, duplicou o índice de furtos e roubos a veículos. Pretende mudar a estratégia aqui na região em termos de segurança, governador?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Olha, aqui em São João da Boa Vista, o principal crime que é contra a vida caiu. Teve dois casos em 2010 e um caso no ano passado, caiu 50%. No caso de roubo de veículo, ele caiu, foram oito casos em 2010, cinco casos em 2011. Agora, o furto de veículo aumentou, teve 57 em 2010 e 106 em 2011, então a polícia vai fazer, já está fazendo uma investigação grande, onde é que tem desmanche, onde é que esses carros furtados estão sendo levados, polícia na rua. Nós estamos com seis mil policiais militares a mais, carros novos que nós entregamos hoje, só para São João da Boa Vista, três, são 16 novos aqui na região, computação embarcada, o tablete, cada carro. Isso melhora, infocrim, fotocrim, todos os instrumentos de trabalho, enfim, essa é uma guerra que em que vencer batalha todo dia.


REPÓRTER: Obrigado!