Coletiva - 3º Fórum Regional de Barueri - 20120112

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Coletiva - 3º Fórum Regional de Barueri

Local: Barueri - Data: 01/12/2012

GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Olha, uma alegria vir a Barueri, a cidade mais desenvolvida, a primeira de São Paulo, do Estado de São Paulo e do Brasil, participar aqui deste 3º Encontro do LIDE, que reúne empresários, setor público, entidades da sociedade civil. Esse é o momento de redobrar os esforços, acabou de ser divulgado o PIB, o crescimento do PIB brasileiro, muito aquém do esperado, então nós precisamos, todo mundo, ajudar aí o Brasil, para poder crescer mais forte o emprego e a renda. Então, ficamos muito felizes de participar, trouxe aqui a boa notícia do Rodoanel Norte. Hoje, quem quiser ir para o Aeroporto de Cumbica leva duas, três horas, pela insegurança da Marginal. Vai levar menos de 30 minutos. O Rodoanel Oeste já está pronto, ligando Raposo Tavares, Castelo Branco, Anhanguera e Bandeirantes e, dia 27, agora, de dezembro, nós assinamos o contrato para o Rodoanel Norte, 36 meses ele estará concluído, grande parte em túnel sob a Serra da Cantareira. E chegará, ligará a Fernão Dias, e chega até a Dutra, entre Guarulhos e Arujá, e diretamente no Aeroporto de Cumbica. Então, vai ser muito importante para toda a região estas obras. As novas, as quartas pistas também, no trecho aqui da Castelo Branco, a ampliação da Rodovia Castelo Branco também será importante aqui para a logística da região. O Jurandir Fernandes já está contratando um estudo funcional para ver a melhor ligação entre Alphaville e a Estação de Barueri, a Linha 8 da CPTM. A Linha 8 da CPTM, toda ela será com trens novos, com ar condicionado, motorização melhor; não são trens reformados, são trens zero quilômetro. Então, nós vamos ter um ganho bom de logística para a região. E aqui temos as melhores ETECs, FATECs, o ensino técnico e tecnológico de nível superior, gratuito, pelo Sistema Paula Souza. E R$ 376 milhões em saneamento básico. Nós queremos a região oeste, aqui da Grande São Paulo, 300%: 100% de água tratada, 100% de esgoto coletado e 100% de esgoto tratado. As nossas obras devem terminar em 2015 e são investimentos maciços em rede coletora e tratamento de esgoto sanitário.


REPÓRTER: Governador, Barueri está tentando preparar uma rede hoteleira muito grande para a Copa do Mundo, como o senhor falou, para receber as seleções como a Alemanha, a Itália, seleções da Europa. Como o senhor vê esses preparativos da cidade de Barueri referentes à Copa do Mundo com a rede hoteleira?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Olha, com muito otimismo. Quem escolhe a cidade é a seleção, não é nem o Governo, nem a CBF. A seleção, ela escolhe a cidade que ela quer ir. Então, tem um livro, tem lá um catálogo, relacionando, hoje são perto de 60 cidades, do Brasil todo, que estão disputando serem cidades sede de centro de treinamento das seleções. Uma dessas cidades é Barueri, com grande chance de receber aqui uma seleção do mundo, porque perto do aeroporto, boa infraestrutura hoteleira e boa infraestrutura de esportes, arena, áreas de esporte, e boa logística, proximidade de São Paulo, então tem muita chance. E nós abrimos uma linha de crédito, está aqui o Dr. Milton Melo, que preside a Agência Desenvolve São Paulo, para apoiar o setor privado. Quem quiser ampliar seu hotel, a área esportiva, hoteleira, tem crédito a juros baratos, da Agência de Desenvolvimento de São Paulo.



REPÓRTER: Governador, o senhor já licitou, já foi licitada a estação de trem aqui de Alphaville e esta semana cogitou-se a possibilidade do ônibus a bateria, que faria a ligação com essa estação de trem. O que realmente vai acontecer no referente a esses ônibus a bateria?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Olha, o estudo funcional é que vai dizer qual que é o melhor sistema, se é ônibus elétrico, se é ônibus com eletricidade, não poluente, uma linha direta. Se é VLT, se é o veículo leve sobre trilho. Se é monotrilho, como nós estamos fazendo na ligação do Aeroporto de Congonhas com o Morumbi. O estudo funcional vai indicar a melhor ligação de Alphaville com a Linha 8.


REPÓRTER: E a ligação dos ônibus a bateria, teria também aqui na região esses ônibus a bateria?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: É, isso o Jurandir Fernandes, ele pode detalhar melhor para você.


REPÓRTER: Governador, em relação ao ISS, é verdade mesmo que ele vai ser equiparado ao ISS de São Paulo?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: O ISS, O imposto sobre serviços ele e municipal então quem decide É A Câmara é lei municipal e imposto estadual é o ICMS, mas o ISS é municipal, então às vezes há uma disputa entre municípios, mas o estado não estabelece alíquota as alíquotas são sempre municipais.


REPÓRTER: Governador, como o senhor vê a questão da redistribuição dos hoyalties do petróleo?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Eu vejo de forma positiva, eu entendo que os contratos já assinados não se e deve mudar a regras, acho que as regras podem ser modificadas para o futuro e o veto da presidenta Dilma está correto, manteve a regra atual para os contratos já assinados e maioria do pós-sal, e os contratos novos entram na regra nó e se discute a regra nova. Sempre os estados produtores precisam ter uma recurso maior, é óbvio, porque esse recurso é investido em compensações ambientais, infraestrutura, logística, recursos humanos que a indústria do petróleo e gás exige.


REPÓRTER: Com relação a segurança algumas medida aqui pra nossa região? A gente teve alguns casos...


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Olha, uma boa notícia, ontem nós tivemos a formatura de novos soldados da Polícia Militar já começam a trabalhar a formatura foi ontem. Só pra CPAM 8, que é Osasco, são 94 policiais militares a mais, então a partir da semana que vem só o CPAM 8 terá 94 policiais militares a mais na Polícia Militar e na Polícia Civil nós teremos essa semana que vem a formatura de 185 novos delegados que também já vão pros distritos a semana que vem porque já terminaram a academia de polícia a Cadepol e uma parte deles virá também pra região, ainda não tem o número definido. E entram na academia mais 138, que daqui três meses já saem também porque o curso é 90 dias. Então boa notícia, 94 começam imediatamente a trabalhar na região e teremos a formatura de mais 185 novos delegados de polícia.


REPÓRTER: A operação Saturação pode ser redirecionada pra região?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Pode, nós temos vários tipos de operação e ela é sempre trabalhada pelo setor de inteligência da polícia, então no caso de Paraisópolis setores de inteligência mostraram a necessidade. Foi feita a operação Saturação, fração presas 67 pessoas e o maior líder de tráfico de drogas de região, que já foi inclusive transferido pra penitenciária federal de Rondônia em Porto Velho, muita arma apreendida, armamento pesado e muita droga, quase 60 quilos de cocaína, ale de subprodutos de cocaína. E o resultado foi extraordinário, comparando os últimos 30 dias de operação Saturação com os 30 dias anteriores, latrocínio 0, homicídio que tinham tido 3 casos 0, estupro que tinham tido 2 casos 0 e roubo e furto uma queda de quase 30%, então deu resultado e não é só a Operação Saturação não, nós temos operação combinada, tem várias, vamos ter várias tarefas aí até o Natal é que inclui também aqui a região.