Coletiva - Audiência com o prefeito eleito de Campinas, Jonas Donizette - 20123110

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Audiência com o prefeito eleito de Campinas, Jonas Donizette

Local: Capital - Data: 31/10/2012

GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Bom dia! Olha, uma grande alegria receber o prefeito eleito de Campinas, o Jonas Donizette; o vice-prefeito, o Henrique Magalhães Teixeira. Transmitir a eles os nossos parabéns, tiveram lá uma campanha muito bonita no primeiro e no segundo turno, muito aguerrida, com amor a Campinas, propositiva, de alto nível e conquistaram a confiança da população de Campinas. Quero reiterar ao Jonas Donizette e ao Henrique nossa parceria, trabalharmos juntos. A população quer prefeito e governador defendendo os interesses da população de Campinas, trabalhando em benefício da cidade. Esse é o nosso compromisso: fazer uma grande sinergia, um grande trabalho em conjunto, com uma grande sinergia. Conversamos sobre transporte, sobre saúde, que é prioridade do Jonas, sobre educação, que é muito importante; sobre segurança, sobre área da cultura, área do esporte, que são também áreas importantes, enfim. E até disse ao Jonas que, depois que ele tiver, não tem pressa, eu acabei montando a minha equipe no finzinho quando governador, já na véspera do Natal, não vai fazer correria, mas a hora que estiver com a equipe preparada, a gente pode fazer uma reunião de trabalho. E recomendei também, Campinas é a maior cidade da região metropolitana, para a gente sempre ter também um trabalho metropolitano para beneficiar os moradores da região. E canalizada pela Secretaria de Desenvolvimento Metropolitano, o Edson Aparecido, que é o secretário, e a gente ir elaborando as propostas, estudos de parceria em benefício da comunidade. Vou deixar o prefeito dar uma palavrinha. Eu acho que eu queria resumir aqui duas questões. Jonas toma posse dia de janeiro, agora é hora de montar a equipe, estabelecer o organograma da parte da prefeitura. Então, nós combinamos primeiro: ter uma pauta de ações conjuntas, nas várias áreas, estabelecer um roteiro de ação conjunto, de trabalho, e segundo: reunir as equipes. Então a equipe da prefeitura, as equipes do Estado, e a gente estabelecer custos, projeto para poder fazer esse trabalho.


REPÓRTER: [Inaudível].


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Não, não. O que quê nós...


REPÓRTER: [Inaudível].


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: O prefeito vai tomar posse no dia primeiro de janeiro, então vamos aguardar a prefeitura verificar projeto, verificar custos e aí fazer uma análise técnica dessa questão, nós não vamos anunciar obras sem valor, sem definição, em uma visita de alguém que nem foi diplomado ainda, não é assim, só para concluir, o que quê nós definimos aqui: uma pauta que vai passar por todas as áreas, e formada a equipe um encontro das duas equipes para verificar custos, projetos, metas, prazos, para poder trabalhar.


REPÓRTER: O vai contribuir para a fundação?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Não. Essa é uma tarefa do prefeito, e ele tem em Campinas os melhores quadros políticos e técnicos, tanto é que nós é que fomos a Campinas buscar lá o Jurandir Fernandes que é professor da Unicamp, nós que fomos lá buscar, bons campineiros, Maria Helena de Castro que acabou assumir a FUNDAP, então, ele tem lá excelentes quadros para montar uma boa equipe, conhece as pessoas, o Jonas está preparado para fazer um trabalho. Foi pedir a licença para vocês que nós vamos entregar três trens agora lá no centro.


REPÓRTER: Foi feito um esforço de aproximação com o PSB, apoiou o Jonas lá em Campinas, enfim, esse ano o PSB não veio com o PSDB, porque o senhor acha que em 2014, talvez.


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Eu não entendi. Como é que é?


REPÓRTER: Esse ano o PSB não veio com o PSDB, apesar desse esforço de aproximação com o partido, por que o senhor acha que em 2014 pode ser diferente?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Eleição municipal, cada cidade tem a sua singularidade, tem as suas características. Em Campinas, nós estamos juntos, o vice, candidato a vice está aqui, filho do Magalhães Teixeira, o Henrique, que é vice. Em Rio Preto, também estamos juntos, o vice é nosso, o prefeito é do PSB, em muitas cidades, agora, tem cidade que você disputa, eleição municipal tem característica próprias. Muito obrigado.