Coletiva - Inauguração das Obras de Revitalização da Avenida 19 de Maio, Visita à Obra de Reurbanização da Orla da Praia da Enseada e Entrega das Chaves da Sede do Obsevatório do Corpo de Bombeiros à PM - 20121905

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Transcrição da coletiva da Inauguração das Obras de Revitalização da Avenida 19 de Maio, Visita à Obra de Reurbanização da Orla da Praia Enseada e Entrega das Chaves da Sede do Observatório do Corpo de Bombeiros à PM

Local: Bertioga - Data: 19/05/2012

ORADOR NÃO IDENTIFICADO: Pessoal, vamos lá?


REPÓRTER 1: Falando basicamente, novo atracadouro, qual é a importância dessa ligação?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Vinte e um anos de emancipação de Bertioga, um município progressista, aconchegante, uma belíssima natureza, uma das mais importantes estâncias balneárias de São Paulo. E estamos entregando hoje a Avenida 19 de Maio, a urbanização da orla da praia, o observatório do Corpo de Bombeiros e assinei o DADE para este ano, quase R$ 7 milhões, para duplicação, urbanização, ciclovia, da Avenida Anchieta. A outra grande obra é a nova travessia, ligando Bertioga e Guarujá. A travessia antiga chegava aqui no Centro, 800 metros de distância, e muito problema no trânsito aqui na região central. O novo atracadouro vai reduzir a travessia para 400 metros, mais rápida, vamos economizar combustível, e vamos fazer um investimento de quase R$ 20 milhões, no atracadouro do Guarujá e no atracadouro de Bertioga, e o novo atracadouro. Isso vai melhorar a travessia, que vai ficar mais rápida, e vai desafogar o trânsito aqui da região central da Bertioga.


REPÓRTER 2: Ainda falando em ligação, como é que o senhor anunciou hoje [ininteligível) quando vir a Santos, com relação à ligação Santos-Guarujá, como é que está o projeto?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Nós tivemos um investimento importante na travessia de balsa Santos-Guarujá, houve uma redução de 20% nas filas, para melhorar a qualidade do serviço, mas a obra definitiva é a ligação seca, é o túnel ligando Santos a Guarujá. Nós deveremos, no máximo em duas semanas, assinar o contrato já com o consórcio que vai fazer o projeto executivo, o projeto detalhado, dessa que é uma grande obra de engenharia, uma das mais importantes do país, para poder, em seguida, construir a obra. Então, boa notícia. A outra boa notícia é o VLT. Nós já temos, até o final de maio, nós temos o trecho prioritário, a pré-qualificação das empresas, o governo que vai bancar a obra do trecho do VLT, e teremos publicada até o final de maio também, a concorrência internacional para a compra de bens, absolutamente dentro do cronograma, o transporte por veículo leve sobre trilhos, o VLT, para a região metropolitana da Baixada Santista.


REPÓRTER 2: Que prazo?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Até 2014 operando o trem.


REPÓRTER 3: Governador, e o Parque Estadual da Restinga? Foi anunciado que a sede administrativa vai ser inaugurada, né, em relação a recursos estaduais para o parque, já foi liberado os recursos prometidos? Quando vai ser?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Olha, está aqui conosco o secretário do meio Ambiente, o deputado Bruno Covas, primeiro dizer da importância de termos aqui o núcleo do Parque Estadual da Restinga na Bertioga. E ele pode detalhar melhor os investimentos aqui no parque.


ORADOR NÃO IDENTIFICADO: [ininteligível] de Bertioga [ininteligível].


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Nós estamos chegando agora do alto Tietê, estamos vindo de Guararema, nós já deveremos assinar o projeto executivo e vamos duplicar a Mogi-Dutra, porque a duplicação de Mogi ela vai até a Ayrton Senna. Todo mundo fala Mogi-Dutra, mas a duplicação parou na Ayrton Senna, nós vamos duplicar até a Dutra. A outra obra não é duplicação, mas é uma modernização, uma ampliação, tirar os gargalos, melhorar Mogi-Bertioga. E a outra, a duplicação da Tamoios, que começou na terça-feira agora.


ORADORA NÃO IDENTIFICADA: E quanto vai ser o investimento [ininteligível].


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Só vamos ter o valor exato quando terminar o projeto executivo.


ORADORA NÃO IDENTIFICADA: Vai ter novos pedágios na Mogi-Bertioga? Tem um projeto de alteração na Rio-Santos e na Tamoios. Vai ter pedágio nessas três rodovias?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Não, nenhum pedágio na Mogi-Bertioga, nenhum pedágio aqui na Rio-Santos.


ORADORA NÃO IDENTIFICADA: E na Tamoios?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Na Tamoios por enquanto também não, porque ela vai ser feita com recurso público.


ORADORA NÃO IDENTIFICADA: O trecho da Serra, né?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: O trecho da Serra. Se nós fizermos uma PPP no futuro aí sim terá, mas não há ainda essa decisão se nós vamos fazer toda a obra com recurso público ou fazer com o setor privado.


ORADORA NÃO IDENTIFICADA: Governador, pra finalizar. Com relação ao túnel Santos-Guarujá vai ser possível dentro do prazo? Quais são as metas de prazo daqui pra frente?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Olha, agora é assinar o contrato até o final deste mês de maio, o Laurence Casagrande, presidente da Dersa pode detalhar o cronograma, mas pronto o projeto executivo a obra será imediatamente licitada.


ORADORA NÃO IDENTIFICADA: Governador, o que é que o senhor está achando da nossa cidade no aniversário de Bertioga hoje?


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Muito bonita a cidade, e nós temos também aqui mais 400 residências da CDHU, e a urbanização do Jardim Vicente de Carvalho II. Uma obra muito importante para a habitação e urbanização da região.