Coletiva - Inauguração do AME - 20121307

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Transcrição da coletiva de Inauguração do AME

Local: Ituverava - Data: 13/07/2012


REPÓRTER: Governador, o senhor podia começar a falar da importância desse ambulatório para toda a região?



GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Olha, são 12 municípios que vão ser atendidos no atendimento secundário, porque é um ambulatório de especialidades. São 19 especialidades: cirúrgicas, clínicas, ortopedia, cirurgia vascular, endócrino, cardiologia, pneumo, psiquiatria, neurologia, mama, urologia, e muito bem equipado, inclusive para pequenas cirurgias. E também outros serviços: nutrição, psicologia, enfermagem, fisioterapia, fono. Enfim, um atendimento importante, totalmente gratuito e referência para 12 cidades. Já tínhamos em Franca, agora o segundo aqui que é Ituverava. Ele já está funcionando, nós investimos R$ 5,7 milhões no prédio novo, na reforma do prédio e equipamentos e esse ano vamos investir R$ 4,7 milhões no custeio, o ano que vem a previsão é de R$ 7 milhões. Isso ajuda a melhorar a resolutividade do atendimento primário do Programa de Saúde da Família, das UBS, porque se tiver problema de um especialista e exame vai ter aqui, e vai desafogar os hospitais. Muitos pacientes que procuram o hospital vão resolver os seus problemas aqui no AME. Tudo com hora marcada, agendado, com serviço de qualidade e a O.S aqui, a Organização Social, é a Santa Casa de Ituverava que tem uma enorme expertise, uma das melhores Santas Casas da região.



REPÓRTER: Governador, ainda sobre saúde, um levantamento apontou que 22 municípios na região de Ribeirão Preto apresentam um alto risco para o crack, e o problema é que em toda a região faltam leitos para tratamentos de dependentes químicos. Existe algum projeto do Governo do Estado para ampliar esses leitos?



GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Olha, nós já estamos ampliando os leitos, nós temos 138 leitos na região de Ribeirão Preto, sendo 108 em Ribeirão no Hospital Santa Tereza em Ribeirão Preto, no Hospital das Clinicas em Ribeirão Preto e no CAISM de Santa Rita do Passa Quatro e vamos ampliar ainda mais, de acordo com a necessidade. O professor Giovanni Cerri, ele vai falar um pouco sobre essa questão das nossas referências em saúde mental, especialmente no tratamento de drogados. Claro que nós queremos que o maior atendimento seja ambulatorial, com equipes multiprofissionais, não ter apenas uma visão hospitalocêntrica, mas nos casos de necessidade, o Governo oferecerá, sim. Nós temos 138 leitos e vamos ampliá-lo. E também mais duas boas notícias para a região, nós lançamos um programa chamado Estado de São Paulo, o Estado Amigo do Idoso e os dois primeiros hospitais para idosos vão ser aqui na região: Cerquilho e Ipuã. São pequenos hospitais que vão ser transformados em hospitais para cuidados dos idosos, então um programa pioneiro de atendimento aos idosos, uma rede de cuidados dos idosos hospitalar que começa pela região com Cerquilho e Ipuã.



REPÓRTER: O senhor falou do número, tem o número de leitos que vai aumentar e a data?



GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: O professor Giovanni pode detalhar para você melhor, está bom?



REPÓRTER: Está bom, obrigado.



GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Depois tem um cafezinho, aí. Olha, a melhor maneira de comemorar o aniversário da cidade é trabalhando com ela. Três grandes conquistas: na educação, a Etec, que já está funcionando e agora começa o Via Rápida, cursos rápidos de um mês. A pessoa, se estiver desempregada, ganha uma bolsa de R$ 330,00 para fazer o curso, para conseguir um emprego rapidamente. Então, educação. A outra: saneamento. Ituverava conquistou o título de cidade 300%, 100% de água tratada, esgoto coletado e esgoto tratado. E a saúde. Já tinha uma boa Santa Casa e agora ganha um AME, o quadragésimo oitavo para atender 260.000 habitantes, 12 municípios aqui da região. Nosso parabéns a população de Ituverava por essa cidade tão acolhedora e tão progressista.



REPÓRTER: Governador, como o senhor vê as eleições em São Paulo neste ano?



GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Eu acho que eleição, cada cidade tem uma singularidade, tem uma característica própria. Mas acho que está indo bem. Eu acho que o Serra é um bom candidato, tem uma boa aliança. Nenhuma eleição é fácil, mas está indo bem.



REPÓRTER: Governador, em nome de Dirceu Polo, prefeito de Pedregulho, ele perguntou se o senhor vai estar inaugurar a [ininteligível] e a ampliação da Santa Casa lá.



GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Iremos sim. Estou combinando com professor Giovanni e nós deveremos ir a Cerquilho. Fala para ele pôr o café no bule.