Coletiva - Vistoria às obras da linha 15-Prata do Metrô - Estação Jardim Planalto 20162510

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Coletiva - Vistoria às obras da linha 15-Prata do Metrô - Estação Jardim Planalto

Local: [[]] - Data:Outubro 25/10/2016

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Olha, dizer da alegria de estarmos juntos aqui na estação Jardim Planalto. Jardim Planalto. Cumprimentar nosso presidente do Metrô, Paulo Menezes; o João Magaldi, diretor da engenharia da Tiisa, saudando aqui toda a equipe, tanto do Metrô, quanto da Tiisa. Hoje é a dia do profissional da construção civil. Então, é um dia importante, dia 25 de outubro. Dia também do santo brasileiro, São Frei Galvão, Dia do Dentista, dia do Sapateiro e Dia do Macarrão, né? Mas dizer na alegria de estarmos hoje aqui. Saudar a Laura, saudando aqui a imprensa aqui de Sapopemba. Nós estamos aqui na obra da linha 15 do Metrô. Temos só nesta obra 2.090 colaboradores diretos. Veja como a construção civil é importante no ponto de vista de emprego, só na Linha 15 do Metrô estão trabalhando 2.090 pessoas. Ao todo, na Secretaria de Transporte Metropolitano, só em obras. No Metrô, 8.578 pessoas trabalhando nas obras do metrô, linha 4, 5, 15 e 17. Na CPTM, 2.276 pessoas trabalhando; linha 8, 9, 11, 13. Na EMTU, 885 pessoas trabalhando, especialmente nos corredores de ônibus, e no VLT da Baixada. A linha 15 é uma estratégica, porque ela vai ligar desde lá de São Mateus, onde começa o corredor ABD, o corredor metropolitano, que passa pelo ABC e vai até Jabaquara. Então, ela vai começar lá em São Mateus integrando com o corredor de trólebus, o corredor ABD, até a Vila Prudente, onde liga com a linha 2 do Metrô. A Laura dizia que da Vila Prudente até o centro de São Paulo vai em 24 minutos. De Vila Prudente até o centro de São Paulo, até a Paulista. E queria destacar também como vai promover o desenvolvimento da região. Um transporte de alta capacidade, de qualidade como a linha 15, nós vamos ter um grande desenvolvimento atraindo empresa e melhorando a qualidade de vida. E tenho certeza, com a Prefeitura, uma requalificação urbana aqui na avenida Anhaia Melo. Hoje, a boa notícia do Metrô é que a partir de hoje o Metrô começa a funcionar Vila Prudente - Oratório integralmente. Começa às 4h40 da madrugada e vai até à meia-noite. Então, a partir de amanhã, já esta madrugada próxima, começa a operar às 4h40 e vai até à meia-noite. São ao todo, dez estações aqui na linha 15, 12 estações, duas já entregues, que é a linha, a estação Vila Prudente e Oratório, o Pátio de Oratório, 95% pronto, e em obras mais de 2 mil colaboradores. São Lucas, Camilo Haddad, Vila Tolstói, Vila União, Jardim Planalto, onde nós estamos, Sapopemba, Fazenda da Juta, São Mateus e, depois ainda, Iguatemi. Isso foi só nesta fase que está contratada. Estamos num bom ritmo, tivemos um problema com o desvio do rio, do córrego, mas já está superado, concluído. Agora, é trabalhar firme no término de toda a via e das estações. E o Clodoaldo não está aqui porque está nos Estados Unidos com a Bombardier para acelerar a questão dos trens e a parte eletrônica. Então, eu diria que é uma obra importante para São Paulo.

REPÓRTER: Nesse momento não tem mais nenhuma questão pendente daqui para a frente? É só a obra seguir ou ainda há risco de problemas que possam atrasar a entrega?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Não. Está indo bem, nós estamos vigilantes aí na execução, o ritmo de obra forte, né? Duas mil e noventa pessoas estão trabalhando. Algumas estações estão bem adiantadas, como esta aqui do Jardim Planalto. Ela já está há quantos por cento? Obra bruta, mais de 80%. As duas mais atrasadas são a São Lucas e Camilo Haddad, que é onde teve a desvio do córrego, então você não podia começar a construção da estação por causa da obra. Mas já foi feito o desvio e agora o Metrô está dando prioridade a essas duas estações, que são a do começo, não é? Que você tem Vila Prudente, Oratório que está funcionando, aí vem São Lucas e Camilo Haddad. Um cafezinho aí.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: A Linha 15, ela começa aqui na Vila Prudente, já está funcionando até Oratório. A partir desta meia-noite da hoje, ela passa funcionar em horário completo. Então, começa a operar às 4h40 da madrugada e encerra meia-noite. Então, a partir de amanhã começando 4h40 da manhã até a meia-noite. Duas estações já funcionando e integrando com a Linha 2 do Metrô. Em obra, estação São Lucas, Camilo Haddad, Vila Tolstói, União, onde nós estamos, Jardim Planalto. A obra bruta dessa estação já está quase 80%. Sapopemba, Fazenda da Juta, São Mateus e, finalmente, Iguatemi, essa é a primeira fase. Então, nós estamos acelerando toda a parte das vias e a parte do elevado, né, do monotrilho. O Clodoaldo está nos Estados Unidos, lá na Bombardier, para acelerar a chegada dos trens. E nós estamos acelerando as obras físicas. Então, nós estamos hoje com 2.090 trabalhadores e trabalhadoras nesta Linha. E é uma Linha estratégica, porque essa é a região mais populosa de São Paulo, que é a zona leste. Aqui em São Mateus integra com o corredor ABD, que vai para o ABC. E aqui na Linha 2 de Vila Prudente e integra com o Metrô. Então, é uma estruturante, uma obra importante de mobilidade urbana, vai melhorar muito a qualidade de vida da população. Hoje, quem pega o Metrô lá na Vila Prudente chega em 24 minutos na Paulista. Vinte e quatro minutos está na Paulista. Então, o monotrilho vai melhorar muito a qualidade de vida e vai valorizar muito esta região. E com requalificação urbana na avenida Anhaia Melo e na avenida Sapopemba também.

REPÓRTER: Qual que é a previsão das próximas oito estações dessa primeira fase, governador?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Nós não temos como integrar uma a uma, nós vamos entregar as oito estações simultaneamente. Estamos trabalhando para entregar no comecinho de 2018. Então, já no final da 2017 já começam os testes e, no comecinho de 2018, queremos estar entregando, e aí vamos entregar todas ao mesmo tempo, até São Mateus, que vai ser uma grande conquista para a região.

REPÓRTER: Eu queria que o senhor falasse de novo da importância dessa linha aqui para a cidade de São Paulo.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Olha, essa Linha está na região mais populosa de São Paulo, que é a zona leste, ela vai integrar na Vila Prudente, já integra com a Linha 2 do Metrô. Quem pega na Vila Prudente na Linha 2, chega em 24 minutos na Avenida Paulista. E lá em São Mateus integra com o corredor ABD. Então, toda a região do ABC, desde Diadema, passando por São Bernardo, Santo André, São Caetano, chega lá em São Mateus também. Então, é uma linha estratégica, a Linha 15, e que vai melhorar a qualidade de vida, atrair mais investimento e valorizar toda esta região. E é um trabalho que o Metrô também faz de requalificação urbana, tanto na avenida Anhaia Melo, quanto na avenida Sapopemba.

REPÓRTER: Falando da ampliação do horário, o que é que fez que fosse possível que a partir de amanhã essas duas primeiras estações funcionassem em horário integral?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: É o término dos testes. Então, à medida que formos completamente toda a parte de testes, isso possibilitou agora ter o horário integral. Então, começa a operar a partir de amanhã, às 4h40, o Metrô, entre Oratório e Vila Prudente e encerra à meia-noite.

REPÓRTER: Existe uma fase que ainda não tem previsão, né, governador?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Não. É. A fase, nós pretendemos entregar tudo, até São Mateus, esse é o nosso compromisso. Aí, nós teremos aí dez estações de Metrô em operação. E lá em São Mateus integra com o corredor ABD. Já estamos abrindo a licitação para o projeto executivo da estação Iguatemi, dali para frente o projeto é ir até Cidade Tiradentes. Aí, nós dependemos da Prefeitura, porque o monotrilho, ele anda sobre a avenida, se você não tem a avenida aberta, você tem um problema aí de desapropriação. Mas o projeto aí era chegar até Cidade Tiradentes.

REPÓRTER: Obrigada, governador. Categoria 25 de outubro de 2016 [[]]