Coletiva RGarcia Bebedouro - SP repassa R$ 64,3 mi do Mais Santas Casas a hospitais na região de Barretos 20211510

De Infogov São Paulo
Revisão de 08h08min de 23 de outubro de 2021 por Fincatibianca (discussão | contribs) (Criou página com ''''Coletiva RGarcia Bebedouro - SP repassa R$ 64,3 mi do Mais Santas Casas a hospitais na região de Barretos 20211510''' '''Local: Barretos – Data: [http://infogov.imp...')
(dif) ← Edição anterior | Revisão atual (dif) | Versão posterior → (dif)
Ir para navegação Ir para pesquisar

Coletiva RGarcia Bebedouro - SP repassa R$ 64,3 mi do Mais Santas Casas a hospitais na região de Barretos 20211510

Local: Barretos – Data: Outubro 15/10/2021

Soundcloud

RODRIGO GARCIA, VICE-GOVERNADOR: Hospital Regional de Bebedouro será realidade de maneira definitiva no ano de 2022, para isso nós estamos contratando a finalização da obra no valor de R$ 10 milhões, através de uma licitação que está publicada. E estaremos publicando a contratação da organização social, que vai gerir o Hospital de Bebedouro a partir do ano que vem. Essa publicação será feita no mês de novembro desse ano, para que no começo do ano nós já tenhamos uma organização social que se instale dentro do hospital e possa começar em um processo de abertura gradual, atender Bebedouro, e atender à região. A segunda grande notícia, que é a publicação da licitação, assim que a prefeitura nos fornecer o projeto executivo da transposição do novo trevo da Raul Furkin, será um trevo em desnível, aonde a avenida não terá mais que cruzar com a rodovia. Nós sabemos da importância dessa obra para a cidade, é uma obra de mais de R$ 50 milhões, e recebendo o projeto executivo o governo vai publicar imediatamente a licitação, com a expectativa que no começo do ano que vem nós tenhamos essa obra também em andamento. Além disso, um pedido feito pelo prefeito Lucas a mim, ao governador João Doria, pelo ex-prefeito Fernando Galvão, de recursos para pavimentação e recape asfáltico na cidade. Nós temos um programa denominado Nossas Ruas, e esse programa prevê que a prefeitura coloque um valor e o estado coloque outro valor para a gente pavimentar as ruas da cidade. E aqui nós estamos fazendo uma autorização para o Lucas, de R$ 3 milhões de recursos para o Nossa Rua, aqui em Bebedouro. Esses anúncios somados à uma série de outras ações que já estão em andamento aqui na cidade, são para reforçar a parceria do governo de São Paulo, com a cidade de Bebedouro.

REPÓRTER: Vice-governador, qual o cronograma para início e término das obras do Hospital Estadual, conclusão completa? E também sala de COVID-19, que hoje está atendendo com 20 leitos de UTI e 20 de enfermaria, se isso vai continuar?

RODRIGO GARCIA, VICE-GOVERNADOR: Nós vamos fazer uma transição no que hoje é o hospital de campanha COVID-19, naquele que será o hospital definitivo, nós esperamos que a vacinação tenha cumprido o seu papel, cada vez mais nós temos poucas internações, e cada vez mais quase nenhum óbito. E nós permanecendo assim o hospital vira completamente como hospital estadual. Essa transição vai ser feita por aquela organização social que ganhar a concorrência, que será publicada agora em novembro. A gente acredita, e o hospital de campanha provou isso, que dá para a gente fazer umas aberturas graduais do hospital estadual, convivendo com a obra nos últimos andares, isso também vai depender de quem ganhar a licitação da obra, de R$ 10 milhões, que já está aberta, para que a gente junte esses prestadores de serviços aí em janeiro, e através aqui da experiência do Lucas e do nosso secretário estadual de Saúde, concilie essas aberturas ao longo de 2022.

REPÓRTER: A prioridade para OS do hospital já estar atuando no local, que já investiu ali?

RODRIGO GARCIA, VICE-GOVERNADOR: A lei nos obriga que a gente faça um chamamento público, naturalmente a Hospital do Amor é uma grande prestadora de serviço, um grande parceiro do governo do estado de São Paulo, e se tiver interesse vai participar desse chamamento com todas as condições, porque ele é um grande prestador de serviço de assumir. Mas vai depender da disposição do Hospital do Amor, e também das regras do chamamento que será publicado em novembro.

REPÓRTER: Sobre [Ininteligível], só mais uma dúvida, a CARGILL é uma empresa que está ajudando na elaboração dessa obra, a CARGILL também já está em funcionamento em Bebedouro? E o estado de São Paulo por meio do DER fez o desvio ali em frente à CARGILL, você já conhece o local, já esteve ali?

RODRIGO GARCIA, VICE-GOVERNADOR: Sim, o novo trevo da CARGILL foi objeto de demanda ainda na época do Fernando Galvão, já foi entregue, e agora a CARGILL inaugura definitivamente a sua nova fábrica na cidade esse mês de novembro, provavelmente até com a presença do governador João Doria. Eu acho que só para mostrar que o trabalho aqui em Bebedouro é contínuo, a gente vence desafios, novos desafios surgem, e o governo está aqui para isso, para enfrentar esses desafios, fazer essas parcerias e melhorar a condição de vida de quem vive aqui na cidade de Bebedouro.