Coletiva RGarcia Presidente Venceslau - SP inaugura ETEC em Teodoro Sampaio e entrega ETE em Presidente Venceslau 20212808

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

oletiva RGarcia Presidente Venceslau - SP inaugura ETEC em Teodoro Sampaio e entrega ETE em Presidente Venceslau 20212808

Local: Presidente Prudente – Data: Agosto 28/08/2021

Soundcloud

RODRIGO GARCIA, VICE-GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Bom, concluindo a agenda de trabalho desse sábado começamos lá em Teodoro Sampaio, fazendo a entrega de uma nova escola técnica, a ETEC de Teodoro, depois fomos à Mirante fazer entrega de títulos e também o anúncio da estrada que liga Mirante até os bairro dos assentamentos, e concluindo a agenda aqui Presidente Venceslau fazendo aí inauguração e entrega oficial dessa licitação de tratamento de esgoto e também liberando as obras de reforma da ETEC, tão sonhada aqui pelas alunos aqui da ETEC de Venceslau. Esses projetos fazem parte do projeto Pontal 2030 que coordena várias ações aqui do Pontal do governo de São Paulo, estradas, SP, vicinais, programas dentro de todas as cidades, eu aqui autorizei o centro múltiplo uso para mais de 30 cidades e esse esforço não vai parar. O governador João Doria e eu ao lado da equipe temos trabalhado bastante para ainda nesse ano trazer mais notícias para o Pontal para que a gente possa ter um desenvolvimento regional sustentável e percebido pela população que vive aqui.

REPÓRTER: Governador, certeza do recapeamento da vicinal a partir de setembro?

RODRIGO GARCIA, VICE-GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Nós já fizemos o edital de licitação da vicinal que liga até o bairro de Aimoré, e essa licitação está sendo concluída o DER nos dá agora um prazo de no máximo 45 dias para as obras se iniciarem essas obras vão se somar mais outras 150 estradas das quais 12 aqui na região para que a gente possa fazer o recapeamento então nós tivemos já na fase 1 a Aimoré como prioridade e queremos vê-la em obras nos próximos 45 dias.

REPÓRTER: A minha pergunta é para o secretário de justiça, com relação à questão de segurança jurídica por conta da questão fundial, qual que é o plano do governo porque tem algumas situações de módulos acima de 500 hectares que não conseguiram e existe realmente um problema a ser resolvido, como é que o governo vai fazer?

FERNANDO JOSÉ DA COSTA, SECRETÁRIO ESTADUAL DE JUSTIÇA: Na verdade a primeira semana que eu entrei na secretaria eu recebi uma ligação do vice-governador Rodrigo Garcia: "Resolva essa questão do Pontal do Paranapanema", nós já estamos trabalhando e já enviamos para o Palácio um projeto de decreto para o governador para ele poder resolver essa questão de um litígio que já existe acima de 15 módulos, entre governo e os proprietários, então, já existe o projeto, está sendo analisado pela Procuradoria-Geral do estado em fase final para que o governador possa assinar esse decreto e encerrar um litígio que existe em relação a essas propriedades há mais de 35 anos, avisando o governo é não litigar, é dialogar e resolver problemas, entregar resultado, da mesma forma como foi feito com relação aos assentamentos, o nosso governador, o nosso vice-governador já mandaram para a Assembleia um projeto de lei, o projeto de lei para que os 140 assentamentos, que têm 7133 famílias assentadas deixem de ser apenas usuários daqueles assentamentos, esse projeto é um sonho de vida para eles, através desses projeto eles serão proprietários dessa terras então é um governo do diálogo e é o governo da resolução.

REPÓRTER: Governador.

REPÓRTER: Pode falar, pode falar.

REPÓRTER: Você veio aqui em 2018, você não se lembra mas você concedeu uma entrevista ainda em campanha pra mim eu te fiz uma pergunta a respeito do desenvolvimento regional. Eu queria que você fizesse um balanço agora você, três anos depois vindo aqui à nossa cidade fazer anúncios a respeito da nossa região, você faz um balanço positivo a respeito do que vocês planejavam naquela época?

RODRIGO GARCIA, VICE-GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Olha, naturalmente eu lembro bem dessa nossa conversa quando a gente falou da importância da política de desenvolvimento regional para que não só nas cidades mas a própria região pudesse crescer, nós tivemos uma pandemia e sem dúvida nenhuma atrapalhou muito os planos de execução do governo, mas nós não desistimos nesses planos, lançamos o Vale o Futuro ainda no primeiro ano de governo, e os lançamentos seguintes foram retardados ou atrasados por conta da pandemia mas na sequência já fizemos o Pontal 2030 que se soma ao Sudoeste Mais 10, Vale da Fé que é um política de desenvolvimento regional que assim a gente consegue articular as cidades, entender as prioridades e por isso atender essas prioridades, então eu diria que o balanço com todas as dificuldades e o desafio de uma pandemia, ele é muito positivo e o Pontal 2030 já começa a apresentar resultados, nós não estamos só com o volume de investimentos públicos nesse momento mas pensando no amanhã no desenvolvimento do turismo com a concessão dos parques estaduais, e também na busca de geração de emprego de maior qualidade melhorando as ETECs da região e também os cursos de Fatec para que com isso a gente tenha mão de obra qualificada que é bem remunerada e com isso empregos de qualidade também venham para a região do Pontal.