Corredor Arujá – Itaquaquecetuba

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar
Atualizado em: 05 de dezembro de 2014
Características Com dois terminais previstos (Arujá e Ferraz de Vasconcelos), mais a adequação do Terminal Cidade Kemel, em Poá. Serão implantadas 18 estações de embarque na ligação Arujá e Itaquaquecetuba e mais oito entre Itaquaquecetuba e Ferraz de Vasconcelos
Extensão 13,5 km (Arujá – Itaquaquecetuba) mais 7,4 km em Ferraz de Vasconcelos, somando 20,9 km
Integração Integração com as Linhas 12 Safira e 11 Coral da CPTM no futuro Terminal Ferraz de Vasconcelos.
Investimento total previsto R$ 336,8 milhões, sendo R$ 244,4 milhões para obras e R$ 92,4 milhões em desapropriações
Demanda diária prevista 47 mil passageiros
Benefícios O tempo médio de viagem atualmente é de cerca de 70 minutos. Com o corredor, o percurso será feito em 50 minutos - economia média de 30% no tempo de viagem -, melhorando a qualidade de vida dos usuários, que terão mais tempo para lazer ou descanso. A redução da quilometragem será de dois milhões km/ano, com ganhos ambientais da ordem de 2,6 milhões de toneladas/ano de CO2.
Frota Previsão de uma frota de 67 veículos, sendo 55 articulados e 12 padron.
Status O projeto funcional foi revisado e estão em elaboração os projetos Básico, Executivo e de Licenciamento Ambiental. A publicação do edital de obras está prevista para o primeiro semestre de 2015.
Trechos do projeto
O Trecho 1 - ligará o futuro Terminal Metropolitano Arujá, no início da Av. Renova dos Santos, ao início do binário da SP-056 a ser implantado às margens do Córrego Caputera no prolongamento da Av. Angelo Anunciato Neto, em Arujá. Terá 1,8 km e duas estações de embarque.
O Trecho 2 - ligará Arujá, da Avenida Renova dos Santos/Avenida Benedito Manuel dos Santos, no início do binário, à futura Estação de Transferência Monte Belo, em Itaquaquecetuba. Contará com um viaduto, um novo viário de 0,8 km às margens do Córrego Caputera. O trecho do BRT inclui ainda a duplicação de 10 km da Rodovia SP-056, cujo projeto está em finalização pelo DER, além de 14 estações de embarque e duas Estações de Transferência: Estrada do Corredor e Monte Belo.
O Trecho 3 - ligará Itaquaquecetuba, Poá e Ferraz de Vasconcelos ao longo de 7,4 km, da Estação de Transferência Monte Belo ao futuro Terminal Metropolitano de Integração Ferraz de Vasconcelos, junto à estação da CPTM, e contará com sete estações de embarque e dois terminais metropolitanos: o Ferraz de Vasconcelos e o Terminal Cidade Kemel, que será reformado para atender ao BRT. Também será construído um viaduto de transposição da via férrea para possibilitar o acesso dos ônibus municipais e intermunicipais ao novo Terminal Metropolitano.
Cronograma
  • Projetos funcional (trecho 3) básico e executivo contratados em fevereiro de 2014 - Consórcio Projeto BRT Arujá (empresas VETEC e Walm) com conclusão prevista para dezembro de 2014
  • Edital de pré-qualificação obras: previsão de publicação junho de 2014
  • Publicação do edital de preço (obras): segundo semestre de 2014
  • Previsão de conclusão das obras: 2015
Gráfico
Itaquace.jpg


Ver também

Links externos