Discurso - Agenda em Presidente Alves 20162406

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Discurso - Agenda em Presidente Alves

Local: [[]] - Data:Junho 24/06/2016

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Boa tarde a todas e a todos. Estimado Prefeito de Presidente Alves, UD; [corte na gravação], Presidente do Fundo Social de Solidariedade; o Vereador Cristiano, Presidente da Câmara Municipal; Dr. Márcio Elias Rosa, Secretário de Estado da Justiça e Defesa da Cidadania; Deputado Federal Rodrigo Garcia, Secretário de Estado da Habitação; Prefeitos aqui presentes: de Pongaí, o Adilson, de Uru o Ditão, de Itajú José Luiz, de Salmourão José Luiz, de Mineiro do Tietê José Vendramini, de Guarantã o China, de Sabino Pedrão, de Balbinos José Márcio, Pirajuí a Juliana, de Iacanga o Chico e de Reginópolis o Marquinhos Bastos; ex-prefeitos aqui do Município: o Toninho Ortega e o Glércio Ribeiro; Marco Pila, Diretor da nossa Fundação ITESP; Coronel Airton Martinez Comandante do CPI 4; o Dr. Luiz Roberto Sal de Bertozo, Delegado Seccional; Tenente Coronel Katazumy, Comandante do Batalhão; Dra. Rosimeire Bárbara de Souza, que responde pela Delegacia de Polícia; dirigentes regionais de ensino, professora Gina Sanches de Bauru e Carla Karan de Jaú, familiares da homenageada Clementina Palumbo Greca, que dá nome a esta creche escola, sua nora Rosa, seu neto Paulo Roberto, Nilson Coúti. Quero cumprimentar aqui a Maria José, que é mãe do nosso Prefeito, seu pai o Manuel, sua filha Lisiane, educadores, pais dos alunos, melhor idade aqui presente, amigas e amigos. Você ver que o pessoal mais animado é o da melhor idade, não é? Mas dizer da alegria de estarmos aqui hoje. Nós aqui no Município, entregamos aqui três ônibus escolares para transporte dos estudantes, fizemos a melhoria na Marechal Rondon no trevo de acesso aqui para o Município, foi ampliado e modernizado. Amanhã em Bauru nós vamos começar as novas marginais da Marechal Rondon, que beneficiam também toda a região. Aqui também tivemos a reforma da UBS aqui do Município na área de saúde, recurso para caminhão coletor e compactador de lixo também no Município, a reforma da Delegacia de Polícia. E quero dizer aqui à melhor idade que nós vamos sim fazer o centro de convivência do idoso. São Paulo é o Estado amigo do idoso, todos os Municípios do Estado de São Paulo têm que ter o CCI, que é o Centro de Convivência do Idoso para local de encontro, entretenimento, lazer, área social, programas de geração de renda, enfim, um centro de convivência. Então, nós vamos sim fazer o nosso CCI aqui para o município. Depois queria também destacar as casas. Agradecer aqui ao Rodrigo, porque nós vamos assinar, aliás, já assinamos hoje, os demais municípios serão na quarta-feira. Na quarta-feira 195 municípios assinam o convênio, nós vamos construir 23 mil e 500 casas ou apartamentos no Estado de São Paulo, sendo 99 aqui em Presidente Alves, 99 famílias que vão deixar de pagar aluguel, vão realizar o sonho da casa própria. Eu me lembrava há pouco, quando vi aqui o “De”, esse é o genro que todo mundo queria ter, porque não esquece do aniversário do sogro, presta homenagem ao sogro. Bem diferente de um amigo meu lá de Pindamonhangaba, que quando eu fui entregar a chave da casa para ele da CDHU, eu perguntei para ele: “quando é que você vai mudar?” “Ah, Doutor, é só o Senhor ir embora que nós já estamos mudando.” Eu falei: “poxa, mas você está com pressa, não é? Ele falou: não, é que eu moro com a sogra.” Mas esse é um genro caprichado, mas agradecer aqui ao nosso Secretário Rodrigo Garcia e nós assinaremos, já assinamos, então, o convênio, a Prefeitura providenciou o terreno, agora é detalhar o projeto para ser licitada a obra. Depois aqui temos também a regularização fundiária, nós vamos fazer a regularização de 550 imóveis, então, 550 famílias que não têm o documento, então, que vão receber o seu documento. Agradecer o Dr. Márcio Elias Rosa, que foi o Procurador Geral do Ministério Público do estado de São Paulo, e agora nosso Secretário de Estado da Justiça, é aqui da região, é de Lençóis Paulista, é daqui da região, representando a região lá no nosso secretariado. E dizer o seguinte: se cada um fosse fazer a regularização por sua conta, custaria 5 mil reais por família. Contratar advogado, topógrafo, agrimensor, documentação. Então nós vamos investir aqui 2,5 milhões de reais nesse programa, através do Itesp, agradecer também ao Marco Pila, à equipe toda do Itesp, que é uma equipe campeã. O prefeito falou comigo, nós vamos liberar uns últimos convênios aí nessa semana que vem para ajudá-lo aqui na área de infraestrutura urbana, e hoje a entrega aqui da creche. Essa é a creche de número 141. Entregues. E nós temos mais 373 em obras, em obras. O estado, o governo de São Paulo nunca tinha investido no ensino infantil, que é criança de 0 a 5 anos de idade. Sempre investia no ensino fundamental, médio, técnico, as ETECs; tecnológico, as FATECs; e universitário, as universidades. Nós acabamos de inaugurar em Fernão uma escola, que é do sexto ao nono ano, dos anos finais do ensino fundamental, primeiro ao nono, e ensino médio. Mas creche e EMEI o estado nunca tinha participado. Nós começamos nesse programa Creche Escola, é a maior conquista para as mamães, para os papais, poder ter um local adequado, com pessoas capacitadas, qualificadas, para a criança ficar com segurança, bem alimentada, sociabilidade. A criança que faz a creche e a EMEI, ela entra no primeiro ano do ensino fundamental alfabetizada. Ela já entra praticamente alfabetizada. É a maior conquista de política pública para as mulheres, eu diria que é a creche escola. Então vocês vão verificar, muito bonita, é uma creche para 150 crianças, e a gente fica muito feliz. É de vocês, é para servir aqui a comunidade. Tem uma historieta de árabe, que diz que perguntaram a uma mãe qual dos filhos ela mais amava. E ela respondeu, ela disse: “O pequenino, até que cresça. O doente, até que sare. O ausente, até que volte”. O pequenino, até que cresça. Quanto menorzinho, mais cuidado precisa ter, então a creche é o melhor investimento do ponto de vista social. Gente rica a gente vê, sai a família, sai duas, três pessoas de branco, tudo cuidador da criança. E quem não tem recurso para pagar uma pessoa para cuidar? Então é uma grande conquista, eu diria que dos programas sociais é o mais importante aqui a Creche Escola. Zero a três anos a creche, três a cinco o ensino fundamental, a EMEI. Quero deixar um grande abraço aqui para o Dê, para a esposa e para toda a família, pedir desculpas para vocês pelo atraso, mas foi atrasando 30 minutos em cada cidade, aí a última sofre, né? Agora dia 14 de julho, se vivo estivesse, faria 100 anos o querido ex-governador André Franco Montouro. O Montouro faria 100 anos agora dia 14 de julho. Então está tendo uma homenagem a ele, e eu lembrei um fato de que uma vez nós fizemos um encontro partidário na minha região, no Vale do Paraíba, e foi atrasando meia hora em cada cidade. Então São José dos Campos, Taubaté, Guaratinguetá. Cruzeiro, que era oito da noite, nós chegamos lá eram 22:30 da noite. Julho, um frio, mas um frio! Eu era deputado. Quando nós entramos na cidade, não tinha ninguém na rua. Aí eu ainda pensei, nós vamos chegar na Câmara Municipal e não vai ter ninguém lá, né. E realmente, quando chegamos à Câmara tinha só três pessoas, e nós éramos oito para fazer discurso. Então, resolvemos o seguinte: ninguém fala, só o Montouro fala. Aí o Montouro não se deu por... ele subiu à tribuna e dos três, um deles dormia. Aí ele foi crescendo o discurso, aí olhou pro que dormia e falou: “E é o entusiasmo de vocês que nos motiva, nos anima”. Então eu sempre lembrava, o Montouro era um otimista, um otimista. Uma pessoa maravilhosa que faz muita falta. Mas deixar um abraço muito carinhoso aqui a todos vocês. Parabéns à Presidente Alves. [[]]