Discurso - Assinatura de convênios para elaboração dos Planos Municipais de Saneamento 20131909

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Discurso - Assinatura de convênios para elaboração dos Planos Municipais de Saneamento

Local: Capital - Data:19/09/2013

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Boa tarde a todas e a todos! Cumprimentar o nosso secretário de Recursos Hídricos e Saneamento, deputado Edson Giribone; Deputado Mauro Bragato, ex-prefeito de Presidente Prudente; Dilador Borges; o sempre deputado, Camilo Gava; a Virginia Pereira, prefeita de Bastos, saudando aqui todas as prefeitas, vice-prefeitas, vereadoras, secretárias; o Faneco, prefeito de Garça, que preside o Comitê da Bacia Aguapei-Peixe; cumprimentar aqui todas as lideranças aqui dos municípios; o Adnilton Gatti, que é o coordenador de Saneamento da Secretaria de Saneamento e Recursos Hídricos. Dizer que dia 23 agora começa a primavera, é o dia do rio Tietê, na próxima...daqui quatro dias. E ontem entregamos mais de 200... Assinamos convênio para mais de 200 caminhões com todos os municípios abaixo de 50 mil habitantes. Caminhão compactador de lixo, caminhão-pipa e de coleta seletiva. E como nós compramos em grande quantidade, a ata de preços, nós conseguimos o registro com desconto - com deságio - de 25%. Então alguns municípios com mais de 50 mil habitantes estão entrando na nossa ata de preços

[APLAUSOS]

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: E aproveitando e comprando com esse desconto. Pode aproveitar o desconto, até 50 mil o governo paga. Tem prefeitura que escolheu caminhão basculante, os que escolheram o compactador de lixo, nós assinamos o convênio ontem, o de coleta seletiva e o pipa. E os municípios acima de 50 mil, 57 municípios já entraram na ata de preço e aproveita, compra o caminhão com 25% mais barato. E quem tiver espaço fiscal, tiver possibilidade de financiamento, a Agência Desenvolve São Paulo, agência de fomento, ela financia também compra de equipamentos, máquinas, como também infraestrutura, assim por diante. E hoje, nós estamos aqui para assinar os convênios dos Planos Municipais de Saneamento. Quatro municípios da Bacia do Rio Pardo, oito municípios do Sapucaí Grande, 12 municípios... Perdão... são 22 bacias hidrográficas. Então a de número quatro é a Bacia do Pardo. Então municípios da Bacia do Pardo; municípios da Bacia do Sapucaí Grande; municípios do Baixo Pardo e Grande; do Médio Paranapanema; do Aguapei; do Peixe - e esse é o mais importante!

[RISOS]

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: eo do Pontal do Paranapanema. - O Peixe, está meio faltando oxigênio para ele1

[RISOS]

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Mas o Plano Municipal, são R$ 19 milhões e 174 municípios. Eu estou há um mês brigando - no bom sentido - com o Giribone. Por quê? O Brasil é um grande cartório: todo dia se faz uma lei aumentando o gasto público, aumentando o custo-Brasil. E quem paga é a coitada da população! Todo dia, todo dia se cria uma lei nova obrigando a fazer alguma coisa, pondo o cartório para funcionar e fazendo gasto. Então eu falei: “Olha, eu quero ser convencido de que isso não vai ficar na gaveta. De que isso vai ser útil para Bastos, útil para Garça; útil para Marilia; útil para Avaré”. Senão, não adianta. Ficar na gaveta não vamos gastar dinheiro público. Entoa cria uma lei federal... É de quatro em quatro anos, não é isso? Quer dizer, como é que pode, de quatro em quatro anos, você ter que retratar uma empresa para fazer um estudo de quatro em quatro anos. Olha o cartório: Não é um cartório só, é de quatro em quatro anos você tem que fazer. Então falei: “Olha, nós vamos fazer para atender a lei, para os municípios ficarem dentro da lei, mas não pode ficar na gaveta. Esse estudo vocês tem que participar. Olha, quero ver o que vai melhorar aqui. Como é que eu melhoro a coleta de lixo? Como é que eu melhoro resíduo sólido? Onde é que eu vou depositar o resíduo sólido? Como é que eu melhoro a drenagem da cidade, o escoamento das águas de chuva? Como é que eu melhoro a questão da água e esgoto?”. Muitos municípios, inclusive, é a SABESP, não são operados pela prefeitura. Então o estado vai através da Secretaria, licitar os planos. Daqui uns 60... Acho que licita a semana que vem. Daqui uns 60 dias, nós assinamos os contratos. Aí você chame lá a empresa de engenharia de projeto que ganhar e participem de uma coisa prática, objetiva, que traga benefícios efetivos à qualidade de vida da população. Que tenha resultado. Que realmente possa ajudar o planejamento da cidade na questão de saneamento e melhorar a vida da população. Então fiquem atentos lá para a gente ter um plano que traga benefícios efetivos à nossa população. No mais, dizer que sempre que a gente se une, estado e município, o povo ganha e São Paulo se fortalece. Bom trabalho!

[APLAUSOS] Capital