Discurso - Cerimônia de posse de 135 novos delegados de polícia 20121212

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Discurso - Cerimônia de posse de 135 novos delegados de polícia

Local: Capital - Data: 12/12/2012


ORADOR NÃO IDENTIFICADO: Com a palavra, a Sua Excelência o senhor Geraldo Alckmin, governador do estado de São Paulo. GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Bom dia a todas e a todos, estimado presidente da Assembleia Legislativa de São Paulo, deputado Barros Munhoz; secretário-chefe da Casa Civil, Sidney Beraldo; secretário da segurança pública, Dr. Fernando Grella; secretário-chefe da Casa Militar, tenente-coronel Airton Martinez; deputados estaduais: Fernando Capez, Itamar Borges, Carlão Pignatari; Dr. Maurício Blazeck, delegado-geral de polícia; coronel Benedito Roberto Meira, comandante-geral da Polícia Militar; Dr. Celso Perioli, superintendente da Polícia Técnico-Científica; desembargador Walter da Silva, representando o Tribunal de Justiça; Dr. Gustavo Húngaro, corregedor geral da administração. Quero cumprimentar aqui todas as novas delegadas, delegados, saldando o Dr. Edmar Rogério Dias Caparroz; Dr. Oto Sérgio Silva de Araújo Junior e Dr. Renato de Oliveira Mazaia. Dra. Marilda Pansonato Pinheiro, presidente da Associação dos Delegados de Polícia do estado; Dr. Jorge Melão, presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia do estado; Evaldo Corato; coordenador estadual dos CONSEGs, formandos, familiares, policiais civis, militares, amigas e amigos. Um dia muito aguardado, muito esperado por vocês e por nós. Então primeiro os parabéns, concurso difícil, 22 mil inscritos, aliás, do país inteiro e hoje nós temos... Passaram pelo mérito de vocês, é mérito de cada um de vocês. Um dia esperado por vocês e por nós. Ganha a segurança pública, energia nova, um time novo, em uma atividade essencial de polícia investigativa e polícia judiciária. Cada um de vocês vai fazer a diferença e quem vai ganhar é a população de São Paulo, deem exemplos, exemplo de retidão, exemplo de dedicação, exemplo de eficiência. Vocês são mulheres e homens da lei. Agentes da lei, e eu não tenho dúvida de que nós vamos como já tivemos nos últimos anos, ter os melhores índices de segurança do país, a melhor polícia do nosso país a serviço da sociedade. Integração desse trabalho, todos juntos, São Paulo contra o crime, Polícia Civil, Polícia Militar, Polícia Científica, todo mundo trabalhando unido, junto com a sociedade civil em benefício da nossa comunidade. Quero trazer aqui uma palavra de agradecimento e de estímulo ao Dr. Fernando Grella, que nós fomos buscar, ele que foi procurador geral do Ministério Público, fomos buscar para essa tarefa central hoje, que é a da segurança pública. Também ao Dr. Blazeck, nosso delegado-geral de polícia, agradecer a Assembleia Legislativa de São Paulo, ao deputado Barros Munhoz, formado Advogado pelo Largo de São Francisco, a todos os deputados aqui presentes..., promotor, o Itamar, Carlão Pignatari. A Assembleia Legislativa aprovou o nosso projeto de lei, estabelecendo a carreira de delegado como carreira jurídica, reconhecendo a importância da atividade policial para o trabalho jurisdicional e o nosso empenho para que as condições de trabalho, Dr. Grella, sejam as melhores possíveis para vocês exercerem com brilhantismo essa atividade que nós vamos ter excelentes resultado. Aliás, eu como Médico, a gente Médico é um pouco investigador. O trabalho de investigação, de inteligência, ele é de extrema acuidade, observar detalhe, prestar atenção em fatos, agir rápido, inteligência, cuidado, observação, não há crime perfeito, não existe crime perfeito e agir rápido, com eficiência, faz toda a diferença. O que estimula o crime é a impunidade, Olavo Bilac dizia que há no interior de cada homem e de cada mulher, um demônio que ruge e um deus que chora. Todos nós não somos perfeitos, no mundo inteiro, ninguém é perfeito, mas o que estimula o delito é a impunidade. Dostoiévski tem um trabalho bonito: “Crime, castigo”. A impunidade é que estimula, e o trabalho de vocês no sentido de elucidar, investigar. Parar a justiça e prender criminosos fará toda a diferença no sentido de trazer segurança a sociedade de São Paulo e ajudar o Brasil. Parabéns! Bom trabalho.