Discurso - Cerimônia de posse do prefeito Fernando Haddad 20130101

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Discurso - Cerimônia de posse do prefeito Fernando Haddad

Local: Capital - Data: 01/01/2013


GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DE SÃO PAULO: O prefeito eleito de São Paulo e, agora, já empossado, Fernando Haddad, a Ana Estela Haddad, o prefeito que deixa o cargo, Gilberto Kassab, Nádia Campeão, vice-prefeita, Alda Marco Antônio, vice-prefeita que deixa o cargo, Lu Alckmin, Dom Odilo Scherer, nosso cardeal arcebispo metropolitano, ministro da Justiça, em nome de quem quero saudar aqui todo o governo federal, José Eduardo Cardozo, desembargador Ivan Sartori, presidente do Tribunal de Justiça, deputado Jooji Hato, representando a Assembleia Legislativa, governador Cláudio Lembo, dona Renéia, senador Eduardo Suplicy, General Ademar de Costa Machado Filho, Brigadeiro José Geraldo Ferreira Malta, procurador Márcio Elias Rosa, secretários municipais que deixam o cargo, secretários que assumem, parlamentares, lideranças da comunidade, amigas e amigos. Hoje pelo Brasil inteiro vivemos um momento de reafirmação democrática com a posse de vereadores e dos novos titulares dos Poderes Executivos Municipais eleitos pelo povo em outubro. A esperança que o dia 1º do ano traz sempre para cada brasileiro se renova assim também no plano político e, certamente se efetivará em muitas ações concretas. O exercício do governo pode ser comparado a uma corrida de revezamento, na qual o governante que chega passa a empunhar o bastão do governante que sai com a missão de cumprir com êxito os compromissos assumidos. É isso que desejam os brasileiros de São Paulo ao prefeito Fernando Haddad e a vice-prefeita Nádia Campeão, porque é isso que confiam, governar a cidade de São Paulo é um enorme desafio e é exatamente por isso que é tão estimulante. Que o diga o prefeito Gilberto Kassab, que aqui dará o seu testemunho a respeito. A cidade é nascida de uma cabana de pau a pique, erguida pelos jesuítas há mais de quatro séculos e meio, que servia ao mesmo tempo de escola, cozinha, enfermaria e dormitório. Transformou-se numa metrópole 1,3 milhão de habitantes. Multiplicou-se a população, multiplicaram-se os problemas, mas isso não impediu o desenvolvimento da cidade, que graças ao trabalho de paulistanos, nascidos aqui ou vindo de outras terras, hoje responde por mais de 12% do PIB brasileiro, por 28% da produção científica nacional e que é o principal polo comercial financeiro e de serviços da América Latina. Estes e outros indicadores de destaque que possui tornam ainda mais urgente ultrapassar dificuldades que atingem a qualidade de vida de seus moradores e fazer a capital cada vez mais amigável para seus cidadãos. Este foi o empenho do prefeito Gilberto Kassab e de Alda Marco Antônio nos últimos anos. Este certamente será o empenho de Fernando Haddad e de Nádia Campeão nos próximos quatro anos. Assim como o Estado de São Paulo, a Cidade de São Paulo abriu e continua a abrir oportunidades para gente com raízes nos quatro cantos do mundo e para seus descendentes, ambos filhos de imigrantes libaneses, os prefeitos Gilberto Kassab e Fernando Haddad são dois bons exemplos disso, a que retribuem com o seu trabalho como brasileiros e como homens. São Paulo é de todos os povos, é de todas as raças, São Paulo é de todo o Brasil. Saiba prefeito Fernando Haddad que poderá sempre contar com o apoio do governo do Estado naquilo que for de nossa competência e interesse de São Paulo porque os interesses de São Paulo não conhecem questões de partido, aos interesses de São Paulo se sobrepõem apenas uma coisa: aos interesses do Brasil e dos brasileiros de São Paulo. Fernando Haddad, bom trabalho, conte conosco.