Discurso - Comemoração aos 1000 Implantes Cocleares realizados pelo Hospital das Clínicas 20131505

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Discurso - Comemoração aos 1000 Implantes Cocleares realizados pelo Hospital das Clínicas

Local: Capital - Data:15/05/2013

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Boa noite a todas e a todos! Quero cumprimentar a professor Linamara Rizzo Batistela; professor Giovanni Guido Cerri; Dra. Marianne Pinotti; professor José Otávio Costa Auler Júnior; professor Ricardo Ferreira Bento, que é o chefe do departamento de otorrino e oftalmo do Hospital das Clínicas e coordenador do grupo de implante coclear; o professor Luiz Ubirajara Sennes, presidente da Fundação de Otorrinolaringologia; o Gervásio Foganholi, presidente do Sindsaúde aqui do nosso estado; o Bruno Flores, nosso querido Bruno, em nome de quem cumprimento todos os implantados cocleares; as jornalistas aqui homenageadas; a Priscila e a Samara Bastos do Hoje em Dia da Record; a Elionora Pascoal, do Jornal da Band; a Roberta e a Mariana do Papo de Mãe da TV Brasil, de todas as jornalistas; integrantes do grupo de implantes coclear; corpo clínico e colegas da área da saúde, profissionais de todas as áreas; amigas e amigos. Esse é um número cabalístico, né, mil, mil implantes cocleares, só aqui no HC, porque nós temos implantes cocleares em Marília, temos em Bauru, em Bauru no centro, no Centrinho; em Marília, no Hospital das Clínicas; em Ribeirão Preto, no Hospital das Clínicas; em Campinas, no Hospital das Clínicas; aqui em São Paulo na Unifesp, na Santa Casa, e aqui no hospital. Só aqui mil implantes cocleares, uma coisa maravilhosa. E aqui já quase 30 anos, quer dizer, precursores na ciência, no avanço, aliás, uma boa união da Medicina e da Engenharia, né, unindo os dois para gente conseguir avançar mais. E no caso da criançada, tem um duplo efeito porque passa a ouvir e melhora a fala, na medida que não ouve, também não desenvolve corretamente a fala. Aliás, quero destacar aqui o trabalho multiprofissional, especialmente dos fonoaudiólogos e fonoaudiólogas pós-implante, o trabalho maravilhoso que é feito no sentido da continuidade e da melhora da fala. Mas quero aqui trazer duas palavras, a primeira de cumprimentos e de agradecimento, não sei se existe orgulho justo, mas se existir orgulho que possa ser justo, um deles é o Hospital das Clínicas em São Paulo e a Faculdade de Medicina aqui da Universidade de São Paulo, porque é ponta da ponta, da ponta. E para servir a população de forma gratuita, só ano passado nós investimos só em implante coclear, R$ 14,5 milhões, 100% do estado de São Paulo. Então, trazer aqui um grande abraço para vocês aí. E a segunda palavra é boa notícia, nós tiramos o ICMS, o aparelho já não tem, que é importado, mas as partes e os acessórios tem, então era 18% de ICMS, nós zeramos, e a outra nós queremos que esse serviço possa ser ampliado, beneficiar mais pessoas. Então, agora em junho sai o edital, nós vamos fazer quatro hospitais, um hospital geral em São José dos Santos, outro em Sorocaba, o Hospital da Mulher, Mariana, que o seu pai tanto se dedicou, Dr. Pinotti, nós vamos fazer um prédio novo lá na Luz, porque ele tá num prédio antigo ali na, alugado ali na Brigadeiro Luiz Antônio, e o quarto hospital é aqui no Hospital das Clínicas que é oftalmo e otorrino, então vai ter um hospital próprio aqui para poder ampliar os serviços de ouvido, nariz e garganta e olhos, né, um hospital específico para otorrino e oftalmo. Então, é nosso compromisso aqui com vocês para vocês poderem crescer mais ainda e beneficiar mais pessoas com esses avanços da ciência. E deixar um abraço aqui muito afetivo a Linamara, ao Giovanni, ao José Otávio, mas especial a Linamara que faz com amor, né, porque ela é uma secretária brava, brava no bom sentido, né, brava quando vai pedir recurso lá. Linamara, mas é muito dinheiro. “Não, é bobaginha, é bobaginha”. Mas, são valores vultuosos aí, mas a gente raspa o fundo do tacho lá para poder avançar ainda mais. Parabéns a todos!