Discurso - Entrega de 140 unidades habitacionais em Guarulhos - 20120212

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Discurso - Entrega de 140 unidades habitacionais em Guarulhos

Local: Guarulhos - Data: 02/12/2012

GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Bom dia. Bom dia a todas e a todos. Dizer da alegria de estarmos juntos aqui neste domingo para a entrega dos apartamentos; 140 apartamentos novinhos. Nós estamos vindo aqui de São Paulo, do Lajeado aonde entregamos mais 116, então só no dia de hoje 256 famílias já recebem a chave do seu apartamento. Cumprimentar o deputado Silvio Torres, secretário da Habitação; o Marcos Penido, secretário-adjunto da habitação. O Orlando Fantazzini, secretário da Habitação do município. Saudando o prefeito de Guarulhos, Sebastião Almeida. Doutor Antônio Carlos do Amaral Filho, presidente da CDHU; Coronel Glauco; comandante de policiamento aqui do CPMA-7. Agradecer ao meu xará, Senhor Geraldo, Senhor Nonô, aqui pela lembrança. Eu até pensei que eu estou chegando agora do Lajeado e os prédios, os blocos foram pintados de verde, não é? Podia ser tudo preto e branco, não é? Pode ser do Corinthians, pode ser do Santos, não é? Moradores aqui do conjunto, agentes comunitários, amigas e amigos. Olha, uma grande alegria. Nós temos aqui um dos maiores programas habitacionais do estado. Já foram entregues 3.074 apartamentos, vamos entregar mais 195 e vamos começar a construção de mais 841. Então vai dar 4.110 apartamentos novinhos, não é? Uma grande conquista aqui para a região; e a urbanização. Aqui vai ter uma avenida, Avenida Norte-Sul. Nós estamos melhorando o Trevo dos Pimentas na Ayrton Senna e as marginais também, investimento de mais de R$ 100 milhões para melhorar também o trânsito. Então, amplia as marginais da Ayrton Senna, melhora o Trevo dos Pimentas. Aqui também estamos ajudando no sistema viário e a entrega hoje dos 140 apartamentos. E daqui a pouquinho nós vamos ter mais 195 e mais 841 a serem iniciados. E já iniciamos pela Casa paulista, que é a Minha Casa Minha Vida mais o Governo do Estado, os dois juntos, 2.480 apartamentos aqui em Guarulhos. Ou seja, um esforço grande na área da habitação. Isso possibilita bastante emprego, porque a construção civil gera bastante emprego, pedreiro, servente, engenheiro, motorista, secretário, encanador, eletricista; a indústria da construção gera muito emprego e moradia para quem precisa. Quanto é um aluguel aqui na região mais ou menos? Quanto custa um aluguel? Quanto? R$ 400,00. R$ 450,00. Quem ganhar um salário vai pagar R$ 93,00 para ser dono da sua casa, tem escritura, fechar para a família, um bem de família importante. Então, uma grande alegria nós entregarmos hoje aqui os apartamentos... Todos novinhos em folha, 52 metros quadrados de área construída, pé direito mais alto, ladrilhado, piso cerâmico. Vocês vão verificar que é por toda a qualidade e com todo o capricho. São Paulo é o único estado dos 27 estados do Brasil que põe 1% do ICMS só para moradia e é só para quem não tem casa. É só pra [ininteligível] poder ter casa própria. Programa de quem está em área de risco, como é aqui, poder sair da área de risco e ter a sua casa, a sua escritura, a segurança para a família. Agradecer aqui a prefeitura de Guarulhos, agradecendo o prefeito Sebastião Almeida aqui representado pelo secretário Fantazzini. Agradecer ao Sílvio Torres, nosso secretário da Habitação. Guarulhos é onde nós estamos mais investindo em moradia. Agradecer ao Penido, ao Doutor Amaral, nosso presidente da CDHU, coronel Glauco. Nós mandamos pra cá 200 policiais militares a 30 dias e estão chegando aqui mais 10 delegados de polícia para fortalecer a segurança aqui da região. Agradecer também ao coronel Glauco. E desejar um santo e feliz Natal. Diz que na vida a gente vive de sonho, não é isso? Eu estou vendo aquela menina bonita ali com a boneca. A minha netinha ela vive grudada com a boneca, com o ursinho, dorme com a boneca, carrega a boneca. A gente sonha com a bola de futebol, sonha com a boneca, sonha com a namorada, depois sonha com o namorado, sonha com os filhos, sonha com os netos, não é? E eu tenho dois netos gêmeos, dois pequenininhos gêmeos. E o sonho da família é a casa própria, é poder ter uma casa. A gente vê um sujeito rico, comprou uma casa, cinco milhões; o outro comprou outra 10 milhões. Mas o fato é que não é fácil conseguir uma casa própria. E São Paulo não deixa ninguém para trás, então quem ganha um salário, dois, três, quatro, cinco, tem um forte subsídio do estado para viabilizar a casa própria aí. Feliz Natal. Parabéns a todas as famílias que vão receber a chave aí.