Discurso - Entrega de moradias da CDHU 20131105

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Discurso - Entrega de moradias da CDHU

Local: Pilar do Sul - Data:11/05/2013

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Boa tarde, boa tarde a todas e a todos! Estimada prefeita de Pilar do Sul, a Janete de Carvalho Paes, o Ângelo Paiotti, vice-prefeito, Marquinhos, o presidente da Câmara, saudando aqui a todos os vereadores, vereadoras da cidade e da região, deputado federal Sílvio Torres, secretário do Estado da Habitação, deputado Edson Giriboni, secretário de Saneamento e Recursos Hídricos, deputada Maria Lúcia Amary, deputado João Caramez, prefeito de Salto de Pirapora o Santelmo, da Piraí, o Haroldo, Votorantim o Erinaldo, Capela do Alto, o Marcelo, Sarapuí, o Fábio, Itatinga, o Paulo Apolo, Piedade, a Maria Vicentina, quero saudar também o prefeito... Oi? Acabou de chegar aqui, o Niltinho, de Nova Campina, e o nosso deputado federal, prefeito, grande liderança, Antônio Carlos Pannunzio de Sorocaba.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Cumprimentar o ex, os ex-prefeitos aqui da cidade, o Antônio Ayupe, o Luiz Henrique de Carvalho e o Pedro Mineiro, nossos ex-prefeitos.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: E o prefeito de Buri também está aqui conosco, cadê o prefeito de Buri? Fonseca. Ipu Fonseca, está lá no final. Chega aqui prefeito. Saudar, esse foi um dos grandes prefeitos de São Paulo, o Dr. Vitor Lippi de Sorocaba está aqui conosco.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: De Carlos do Erplam, o Júnior do Erplam, o De Carlos da CDHU, o Donizete, amigas e amigos. Lideranças aqui da comunidade, primeiro parabéns pelo aniversário, 136 anos, né? É um brotinho, né? A minha cidade, Pindamonhangaba, é de 1705, então são 308 anos. Sorocaba quantos anos? ORADOR NÃO IDENTIFICADO: 50 anos mais, governador.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: 50 anos mais. 358. E aqui, Pilar do Sul, uma importante parada de tropeiros, não é isso Janete? Importante parada de tropeiros que se converteu nessa cidade progressista de hoje, e a gente fica feliz de vir entregar a chave de 91 casas novinhas, com todo o capricho, né, com piso cerâmico, como disse o Sílvio, teto mais alto, laje, azulejos, esquadria de alumínio, medição individualizada de água, e vai ter em todas elas o aquecedor solar.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Quando é que instala?

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Quando?

ORADOR NÃO IDENTIFICADO: Três meses.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Certo, vamos... A Janete vai tomar conta, mulher é firme, né? Olha, até quatro meses, você fica em cima aí, porque a hora que puser o aquecedor solar a conta de luz, ela cai, então vai cair uns 30% a conta de luz, porque o que mais gasta luz é chuveiro, não é isso? E aí a água do chuveiro é aquecida pelo aquecedor solar, então parabéns, casas novinhas. Depois, o conjunto residencial, água, esgoto, calçada, muro divisório, asfalto, arborização, iluminação, é um residencial muito bacana, muito bem feito, com toda a infraestrutura aqui para os moradores. E o principal, casa pra quem não tinha casa, pra poder ter acesso a casa própria. Quanto é um aluguel de uma casa aqui em Pilar do Sul? Mais ou menos. Quanto? R$ 300? R$ 400? Então, é o dinheiro sofrido, não é? Todo mês você pagar ali R$ 300.00 R$ 400.00, R$ 500.00 de aluguel. Quem ganha um salário vai pagar R$ 100.00 para ser dono da casa, dono da casa.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Então... Nós, paulistas, brasileiros de São Paulo, podemos nos orgulhar. O Brasil tem quantos Estados? São 27, incluindo o Distrito Federal, São Paulo é o único Estado que põe 1% do imposto do ICMS só pra fazer casa, e pra quem não tem casa, e pra habitação pra famílias de menor renda, gente rica a gente não precisa se preocupar. Você abre a revista “fulano comprou uma casa de R$ 2 milhões, R$ 3 milhões”, agora o trabalhador, que vive do salário, não é fácil comprar uma casa, a poupança tem que ser muito alta, prestação é cara, é difícil, e aí fica ali sofrendo no aluguel, ou às vezes morando com pessoa da família pela dificuldade. E quero dizer mais, as 91 famílias recebem a chave, mas nós queremos levar uma palavra de esperança para as que não estão recebendo a chave hoje. Que aqui foi colocado pelo Sílvio Torres, pela Janete, nós vamos colocar mais 68 famílias.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: E vai começar mais 68. Depois vamos fazer na zona rural, em convênio com a Fetaesp mais 50.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: E depois vamos complementar com 16 mil a fundo perdido, não precisa pagar a prestação, a nossa parte, mais 45 na cidade. Então nós estamos falando de 254 famílias. Imaginar cada família cinco pessoas, são 1.250 pessoas que passam a ter acesso a casa própria. E nós lançamos no encontro de prefeitos, isso vale para todos os prefeitos aqui, que as cidades com menos de 100 mil habitantes, se tiver dificuldade nós vamos ajudar a comprar o terreno. Então, a Janete, que é uma boa prefeita, e é trabalhadora, né. Ela arrumando aí mais um alqueire de terra cabe mais 60 casas, então conseguiu o alqueire, a gente compra, e faz mais 60. Se conseguir um alqueire e meio, já cabem quase 100 casas, e a gente vai ampliando. Nós temos programado aqui na região de Sorocaba, Pannunzio, 17 mil unidades habitacionais, entre o que está em obra, o que está em projeto e o que está programado.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: 17 mil unidades habitacionais. Aqui na região foi feita, em toda a história da CDHU, até 2010, em 30 anos, foi feito 34 mil, nós estamos programados para esses quatro anos chegarmos a 17 mil unidades, entre CDHU e Casa Paulista, somando aqui os dois nesse programa, por quê? Porque é casa para as famílias que não tem poder em ter acesso e também uma casa gera quatro empregos, construção civil gera muito emprego, está construindo um conjunto desse é emprego pra engenheiro, pedreiro, eletricista, secretária, motorista, pintor, todo mundo trabalha, comércio na cidade ativa, então é um programa extremamente importante. Queria cumprimentar o deputado federal Ricardo Izar, deputado federal de São Paulo, muito obrigado, Ricardo.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Depois, além de entregar as chaves pra vocês quando que vocês começam a mudar?

>> Hoje!

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Hoje? É isso aí. Parabéns, o caminhão já está esperando com a mudança esse ano. É isso aí, casa nova é uma delicia né? Depois queria dizer o seguinte: qual é a rodovia, a estrada, rodovia que vocês mais usam, é pra onde?

ORADOR NÃO IDENTIFICADO: Sorocaba.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Sorocaba, SP 264, então nós já estamos licitando, nós vamos duplicar até Pirapora, é uma grande obra, que é o trecho mais perigoso, vamos duplicar a rodovia.

>> APLAUSOS

ORADOR NÃO IDENTIFICADO: É triplicar, três pistas.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: É triplicar, diz o Panuzo. E aí mais a ciclovia, bicicleta também.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Depois a outra é a SP 250, não é isso? É a que vai pra São Miguel. E essa começa o mês que vem a obra.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: A recuperação e a ampliação. Depois o município, ele é, territorialmente, alguém sabe aqui quanto mede aqui o tamanho?

ORADOR NÃO IDENTIFICADO: 697.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Quanto?

ORADOR NÃO IDENTIFICADO: 697.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Cento e?

ORADOR NÃO IDENTIFICADO: 697.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: 697 km². A gente já viu na televisão que o principado de Mônaco, não é isso?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: ...(ininteligível) O rei Rainier, o principado de Mônaco. O principado de Mônaco tem 2km², dois, Pilar do Sul tem?

ORADOR NÃO IDENTIFICADO: 697.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: km², cabe 300 principados de Mônaco. Você pode ser imperadora, viu? Porque 690 km². Então um município agrícola, não é isso? Muito importante, agricultura, né, muito importante pra economia de São Paulo, agroindústria, né, agricultura. A prefeita pediu aqui a estrada vicinal Agnaldo de Carvalho Gomes no bairro Pinhal, e a Meia Légua, uma de 7 km que é a meia légua e a outra de dois, que é a Agnaldo de Carvalho Gomes, que é a do Pinhal. O que quê eu vou sugerir? A gente não pode fazer tudo ao mesmo tempo, então a gente asfalta essa menor de 2,5 km primeiro, e faz...

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO:...E faz o Melhor Caminho, e faz o melhor caminho pra asfaltar pra frente o Meia Légua, tá bom? Então asfalta o bairro do Pinhal e faz o Melhor Caminho, prepara para o futuro, mas já fica uma estrada totalmente recuperada o Meia Légua. Depois nós temos aqui, em Pilar do Sul, nós temos uma reforma de escola, a Odilon Batista, dá mais R$ 440 mil, vamos mandar uma ambulância novinha pra cá, um microônibus.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Um caminhão novo, é basculante ou é para lixo? Basculante, um caminhão novo, basculante... Lixo, é compactador de lixo, um caminhão compactador de lixo novinho, vamos mandar o microônibus e a ambulância. Ambulância só não é aquela de cinema, a de cinema você abre a ambulância e sai uma morena e uma loira de dentro, né? É, tem também. Depois aqui já assinou o creche-escola, não é isso? Já tem o terreno já, então, amanhã é dia das mamães, então as mães, as vezes, tem dificuldade com quem deixar as crianças, e criança pequenininha precisa muito cuidado, muita atenção, então a creche é pra mamãe poder deixar a criança no local seguro. Às vezes ela tem que trabalhar, tem outras tarefas, então fica ali com todo o cuidado, então aqui vai ter uma bela creche, o programa creche-escola nós vamos fazer em todas as prefeituras a creche-escola. Depois nós precisamos ter uma politica pública para os idosos, então aqui vai ter também o centro para os idosos. Então vamos ter aqui o centro de idosos.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Vocês nos convidem de dois para um baile do idoso que a gente vem aí. E, finalmente nós temos aqui alguns recursos, nós temos R$ 200 mil liberado para a infraestrutura urbana, não é isso Janete? De asfalto, tem mais 190 mil de uma emenda da Maria Lúcia, não é isso Maria Lúcia?

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Depois tem mais R$ 170 mil de outra emenda da Maria Lúcia, então vai dar quatrocentos, então vai dar, somando tudo aqui, da quinhentos e... duzentos mais trezentos e noventa mais cento e setenta, quinhentos e sessenta. Então já tem autorizado 560 mil. Ela tem um projeto grande aí de infraestrutura pra cidade, nós vamos liberar mais R$ 440 mil, somando aqui vai dar um milhão.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Aí, eu sei... Eu sei que não é suficiente, mas você faz em etapas, né, a gente vai fazendo meio por etapa, então você já da um arranque aí na infraestrutura. Mas nós viemos aqui pra, primeiro agradecer, porque quando a gente faz uma obra, assim, grande, são muitas mãos, né, então agradecer ao Sílvio Torres, a equipe da CDHU e da secretaria da Habitação.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Agradecer ao secretário Edson Giriboni, que está aqui conosco também, secretário de Saneamento.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Agradecer ao João Caramez, deputado estadual, bem votado aqui em Pilar do Sul.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Ao Ricardo Izar que é deputado federal trabalhando por São Paulo lá em Brasília.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: A Maria Lúcia Amary, essa guerreira.

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Cumprimentar aqui os vereadores, a Janete, dizer pra Janete que conte com a gente, viu Janete, pra gente trabalhar juntos, e trazer um grande abraço, que a casa nova traga muita alegria pra vocês. Diz que na vida a gente vive de sonho, não é isso? Quando é criança a gente sonha com bola de futebol, brinquedo, né, eu vejo a minha netinha lá com a boneca, depois sonha com sorvete, chocolate, depois sonha com a namorada, o namorado, sonha com os filhos, sonha com os netos, né, eu tenho netos gêmeos, sonha com os netos, sonha com a mulher, não é isso? Ontem eu dei um presente de dia das mães pra Lu, levei no show do Roberto Carlos, né?

>> APLAUSOS.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: E o sonho, o sonho da família, né? E o Roberto Carlos, muito modesto, ele descreveu o... É, e depois falou: “olha, eu só estou tentando ser esse cara, né?”, mas o sonho da família é a casa, é o teto, esse é o sonho de toda a família, a gente fica muito feliz de poder participar hoje da concretização desse sonho, parabéns a todos.