Discurso - Entrega de nova lancha para a travessia de pedestres e inauguração da biblioteca Mar de Letras no Guarujá 20132808

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Discurso - Entrega de nova lancha para a travessia de pedestres e inauguração da biblioteca Mar de Letras no Guarujá

Local: Guarujá - Data:28/08/2013

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Bom dia a todas e a todos! Quero me desculpar pelo atraso, nós acabamos atrasando também na saída de São Paulo. Mas cumprimentar a prefeita anfitriã, Maria Antonieta de Brito; vereador Marcelo Squassoni, presidente da Câmara Municipal; deputado Bruno Covas, secretário do Estado do Meio Ambiente; Julio Mesquita, secretário de Desenvolvimento Metropolitano; Moacir Rossetti, secretário-adjunto de Logística; prefeito de Santos, Paulo Alexandre Barbosa; Mauro Orlandini, prefeito de Bertioga; nossos sempre deputados que nos alegram aqui com a presença: Mariângela Duarte; João Leite Neto; Raul Cristiano; Bel Mesquita; Marcelo Bueno, que é diretor da Agem; Laurence Casa Grande, presidente da Dersa; Dr. Álvaro Júnior, diretor do Deinter 6; tenente-coronel Clóvis de Oliveira, comandante do Guarujá; João Henrique Poiani, diretor da Dersa; Isabel Galvez, diretora-executiva do Instituto Brasil Leitores; Antônio Carlos Silva Gonçalves, diretor da CET de Santos; secretários municipais; diretores e colaboradores aqui da Dersa; amigas e amigos. É uma grande alegria! Eu gosto desse Catamarã, é caprichado! Realmente ficou muito bem feita, a indústria nacional. Estamos entregando hoje a segunda lancha, capacidade: 370 passageiros, como disse Maria Antonieta, climatizada, com qualidade, ela é totalmente fechada, tem mais segurança, poltronas com encosto, local para deixar bicicleta, televisão a bordo, pé-direito mais alto, bulbos na proa, dão mais segurança na navegação em condições adversas. Então, é o segundo catamarã. E nós vamos entregar mais dois até dezembro. Então, até o final do ano, nós teremos aqui os quatro catamarãs novinhos, zero quilômetro, atendendo aqui a travessia, a população de Santos, de Guarujá e de Santos. A segunda boa notícia é aqui a celebração do convênio para que a prefeitura de Santos e de Guarujá tenham acesso a todo nosso centro de controle de operações da travessia. Isso vai permitir melhorar o trânsito. Com essas informações do Centro de Controle de Operações da Travessia, permite às prefeituras melhor equacionamento do trânsito aqui na região. A terceira boa notícia: nós estamos autorizando hoje, Paulinho, o acesso aqui para Santos, estamos liberando sete milhões, e deveremos unir os três governos: Federal, Estadual e Municipal para as obras. O Estado na Anchieta, na chegada de Santos. A Prefeitura no viário local. E o Governo Federal na parte portuária. Então, nós estamos liberando sete milhões. A Dersa já vai imediatamente iniciar os projetos, a gente espera em quatro meses estar com todos os projetos prontos e vamos dar prioridade da prefeitura para que o prefeito já possa ir licitando a obra. E acho que a Codesp e o Governo Federal também participará com cinco milhões, nós teremos aí doze milhões para fazer rapidamente todos os projetos, as obras necessárias. Depois, uma boa notícia aqui para a Antonieta, a quem eu estou pedindo para arrumar um apartamento para vir aqui no Guarujá, porque eu estou vindo tanto aqui... A única, o lado negativo é que eu não consegui ainda vir sem meia. É só a trabalho, não é? Mas é o estádio, o belo estádio Antônio Fernandes. Guarujá é uma das candidatas a centro de treinamento. Nós temos 32 seleções da Copa do Mundo. Então, a Suíça já definiu em rede nacional. Das 32... Uma é o Brasil! As outras 31, elas é que escolhem, não é Governo. A seleção vem, examina e ela que escolhe. Então, Guarujá já foi escolhida para sediar o centro de treinamento. Precisa ter aeroporto, precisa ter rede hoteleira e precisa ter o centro esportivo. Então, nós estamos liberando 12 milhões que vai, o estádio é municipal, vai restaurar, recuperar, modernizar todo o estádio. A quinta boa notícia é na área de direitos humanos. Nós estamos autorizando convênio com o centro de Direitos Humanos da Baixada Irmã Maria Dolores. Então, garantir acesso à Justiça, reconhecer direitos de pessoas vítimas de violência residentes em toda a Baixada Santista. Então, assinamos um convênio, vamos repassar os recursos. Depois, a biblioteca Mar de Letras. O convênio com o Instituto Brasil Leitor. Biblioteca é super importante, São Paulo estimular a leitura, uma boa leitura nos melhora, nos faz melhores! Então, estimular desde criança a boa leitura. Queria também trazer aqui uma sétima notícia, que é Santos e região. Nós estamos autorizando 10 milhões de reais para o restauro da antiga Casa de Câmara e Cadeia de Santos, oficina Pagu. Então, será restaurada. São dez milhões, nós vamos restaurar lá todo o prédio. Aqui no Guarujá, nós vamos ter aqui uma novíssima ETEC, uma Escola Técnica, porque o prédio hoje é alugado, o prédio alugado, prefeita Antonieta já nos arrumou o terreno e agora eu acho que só falta a lei. Não é isso? Já foi feito tudo! Então, a licitação será imediata, nós já temos o projeto executivo. Ela deu o terreno para a Escola Técnica e nós vamos dar o terreno para a saúde. O Edmur e o Marcelo estão já responsáveis, aí, correr com a documentação para fazer o novo pronto-socorro, aqui em Vicente de Carvalho. Próximo ao atual, em frente à Santos Dumont com a Independência. Lá que vai ser inaugurado, viu? Mas eu quero deixar um grande abraço! E dizer que já vim aqui pela Domênico Rangoni fiscalizando aí as obras de terceira pista, terceira faixa, que é super necessária. Vamos acelerar ao máximo também as obras aqui de acessibilidade a toda região, especialmente aqui ao porto, tanto a margem esquerda quanto a margem direita. Porto de Guarujá! Queria agradecer aqui a Antonieta! Com mulher a gente não discute! Um dia desse eu fui a Indaiatuba. E aí, lá em Indaiatuba, inaugurar uma fábrica. Aí a delegada, doutor Aldo, delegada da DDM, Delegacia de Defesa da Mulher, queria que, de todo jeito, eu fosse visitar a delegacia. Reformou, pintou, aquilo estava brilhando! Eu atrasado e tal, mas ela insistiu tanto que eu fui. Aí cheguei lá, realmente um espetáculo! A delegacia brilhando, orquídea, pintadinha, aquela coisa caprichada! E ela foi mostrando a delegacia, e eu andando assim. Daqui a pouco, chegamos no fim do corredor, uma grande, cela. Aí ela me chamou de lado fundo e falou: “E aqui, Doutor, é onde os homens choram e ninguém ouve”. Mas eu queria agradecer aqui a Antonieta; ao Paulinho, nosso prefeito de Santos, Prefeito de Bertioga, também o Orlandini; os nossos secretários. Cadê o Bruno? O Bruno é um grande parceiro! Não fosse ele, essas obras todas, nada dava! A gente cumprimenta o Bruno pedindo licença ambiental. Agradecer aqui ao Edmur Mesquita, agradecer ao Moacir Rosseti, o Laurence, enfim, todo mundo aí. Isso é fruto de trabalho coletivo! E especialmente, deixar um abraço muito afetivo aqui a toda população aqui do Guarujá, Vicente Carvalho, Santos, da região!

Muito obrigado! Guarujá