Discurso - Fernando Grella Vieira - Posse do novo secretário da Segurança Pública - 20122211

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Discurso - Fernando Grella Vieira - Posse do novo secretário da Segurança Pública

Local: Capital - Data: 22/11/2012

FERNANDO GRELLA VIEIRA, SECRETÁRIO DE SEGURANÇA: Excelentíssimo Sr. Geraldo Alckmin, digníssimo governador do Estado de São Paulo; excelentíssimo senhor Dr. Antônio Ferreira Pinto que hoje se despede da Secretaria da Segurança, o meu colega de Ministério Público; excelentíssimo senhor deputado Barros Munhoz, digníssimo presidente da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, a pessoa de quem eu peço licença para saudar todos os ilustres deputados da Assembleia aqui, presentes; excelentíssima Sra. Alda Marco Antônio, prefeita do município de São Paulo em exercício; excelentíssimo Sr. Marcio Fernando Elias Rosa, digníssimo Procurador-Geral de Justiça; excelentíssimo desembargador, José Gaspar Gonzaga Franceschini, vice-presidente do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo; excelentíssimo desembargador Alceu Penteado, presidente do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo; excelentíssima senhora Dra. Eloisa Arruda, Secretária da Justiça e Defesa da Cidadania, em nome de quem saúdo todos os demais ilustres secretários aqui, presentes; excelentíssimo senhor Dr. Marcos Grella Vieira, promotor de Justiça de Campinas, meu irmão, na pessoa de quem eu peço licença para saudar todos os membros do Ministério Público; excelentíssimo Sr. Elival da Silva Ramos, Procurador-Geral do Estado, e em pessoa de quem eu peço licença para saudar todos os integrantes da Procuradoria do Estado; excelentíssima senhora Dra. Daniela Cembranelli, digníssima Defensora Pública-Geral do Estado de São Paulo, na pessoa de quem também peço licença para saudar todos os ilustres defensores; coronel Roberval Ferreira França, digníssimo comandante-geral da Polícia Militar, em pessoa de quem quero saudar todos os integrantes da Polícia Militar do Estado de São Paulo; excelentíssimo senhor Dr. Marcos Carneiro Lima, digníssimo Delegado-Geral de Polícia, na pessoa de quem saúdo todos os integrantes da Polícia Civil do Estado de São Paulo, excelentíssimo Dr. Celso Perioli, superintendente da Polícia Técnico-Científica, na pessoa de quem também quero prestar uma homenagem a todo corpo daquela casa; membros do Ministério Público; senhores magistrados; autoridades civis e militares; equipes que integram a Secretaria da Segurança Pública de São Paulo. Agradeço o excelentíssimo senhor governador do Estado, Geraldo Alckmin pela confiança em mim depositada, confiando-me o cargo de Secretário do Estado e as atribuições relacionadas à Segurança Pública. Orgulha-me senhor governador a perspectiva de integrar a sua equipe de trabalho. Presto minhas sinceras homenagens a aquele que por vários anos esteve à frente das pastas da Secretaria da Administração Penitenciária e da Segurança Pública, o meu colega de Ministério Público, Dr. Antônio Ferreira Pinto. Dr. Ferreira sua seriedade e competência são inquestionáveis, e os trabalhos desenvolvidos já se beneficiaram São Paulo e seu povo de modo definitivo, cumprimento pela enorme capacidade de trabalho já demonstrada! Aproveito para externar as minhas homenagens ao Ministério Público e aos seus membros, a rica experiência profissional acumulado nas quase três décadas de atuação no Ministério Público, e o privilégio de ter sido promotor, procurador e procurador-geral de Justiça por dois mandatos, seguramente em muito me auxiliarão. Desde já convido todos a empreendermos juntos, um amplo trabalho, trabalho de aperfeiçoamento do programa de segurança pública já em curso, e que produziu em São Paulo na última década resultados altamente positivos. Os investimentos, a constante capacitação dos nossos profissionais, a contínua valorização das carreiras policiais e o enfrentamento destemido da violência terão continuidade. A missão que foi confiada pelo senhor governador, não é outra, senão a de aplicar inovações a este programa em desenvolvimento, a de introduzir novas formulas de atuações exigidas pelo momento atual. Esse objetivo só será alcançado com aperfeiçoamento dos mecanismos de transparência com a participação da Sociedade Civil Organizada e com a atuação conjunta e permanente troca de conhecimento entre as polícias: militar, civil e científica. As instituições policiais terão em mim, o primeiro olhar na defesa permanente da valorização das carreiras policiais do Estado de São Paulo. Essas instituições policiais fizeram muito por São Paulo, competentes, destemidas e valorosas são motivo de orgulho! O policial simboliza o Estado 24hs por dia, 7 dias por semana, por isso costumo dizer que a farda e distintivo dos policiais são na verdade, a sua pele. Saibam todos, o Estado de São Paulo será sempre o primeiro a homenagear e a defender o bom policial, para que ele possa proteger a sociedade. O crime organizado, não respeita fronteiras, ataca pelas costas de forma covarde, insidioso e corrosivo, a única forma de combatê-lo é com planejamento, inteligência e capacidade de atuação concorrente de todos os entes que compõem a federação. Também é preciso desfazer a noção equivocada de que o combate firme ao crime e o respeito aos Diretos Humanos são excludentes, não constitucional, não pode se tolerar a omissão do Estado, mas não se pode aceitar sobre qualquer fundamento a violação dos direitos fundamentais e das liberdades públicas. A boa ação é que a combina o irrestrito respeito aos Diretos Humanos e ação efetiva do Estado, seja no campo preventivo ou no campo repressivo dos indícios penais. O objetivo é bastante claro e definitivo manter a segurança pública no rol das políticas públicas, promovendo a cidadania e combatendo o crime e a violência, por isso confiou-me o senhor governador do Estado à tarefa de empreender doravante a política de segurança, priorizando a atuação policial a partir do conhecimento ou da inteligência, e com integração com outros estados da federação com os municípios, com a União levando assim a diante um projeto de governo que almeja cofiar ao povo de São Paulo melhores e mais dignas condições de vida social. O trabalho integrado com a Secretaria da Administração Penitenciário, o comando seguro das nossas policias, a relação próxima com a sociedade civil organizada, a certeza de que contaremos sempre com a intervenção positiva do Poder Judiciário e com as contribuições próprias do Ministério Público, nos confere a confiança necessária para levarmos adiante essa grave missão. O tempo é de trabalho e de muito trabalho, presto as minhas homenagens aos nossos policiais: civis e militares, a todos que inteiram o grande aparato que compõe a Segurança Pública do Estado de São Paulo e agradecendo novamente, o senhor governador e convido-os a conosco empreender está jornada que trará benefícios ao povo de São Paulo, que Deus nos abençoe e nos proteja, sempre! Muito obrigado.