Discurso - Início das obras de melhoria e recuperação da Avenida Perimetral em Mogi das Cruzes 20131709

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Discurso - Início das obras de melhoria e recuperação da Avenida Perimetral em Mogi das Cruzes

Local: Mogi das Cruzes - Data:17/09/2013

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Boa tarde! Boa tarde a todas e a todos! Vou ter que arrumar um apartamento aqui em Mogi, de tanto que eu estou vindo aqui, não é? O melhor café de São Paulo! Mas quero cumprimentar o prefeito de Mogi, prefeito anfitrião, Marco Bertaiolli; mandar um abraço à sua esposa , da Lu, que esteve aqui no JORI e adorou aqui o JORI na região; cumprimentar o Dr. Cuco, nosso vice-prefeito; vereador Pedro Komura, presidente da Câmara em exercício; cumprimentar o deputado Edson Giribone, secretário de Saneamento; deputado Andre do Prado; nosso sempre deputado Chico Bezerra; o prefeito de Santa Branca, o Adriano; de Salesópolis, o Rafael; de Biritiba, o Inho; de Arujá, o Abel Larini; de Ferraz de Vasconcelos, de onde estamos saindo, que é o Acir Filló; DE Guararema, o Marcio Alvino – como eu ouvi aqui, o g”Gatão”, não é? Dilma Pena, presidente da Sabesp; Dr. Marcos Batalha, delegado seccional; coronel Nemar Luiz Limeira, comandante da região; Dra Maria Luiza Bozzolo, chefe da Polícia Científica; queria cumprimentar o nosso bispo diocesano Dom Pedro Luiz Stringhini ; o Cláudio, Dr. Cláudio Miyake, que preside o CROSP, que é o Conselho Regional de Odontologia do Estado de São Paulo; secretários aqui do município; lideranças aqui da comunidade e as pessoas mais importantes sempre, que são as mulheres!

[APLAUSOS]

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Tem sete, sete boas notícias aí. A primeira boa notícia é o Bom Prato, que o prefeito arrumou um novo prédio, mais adequado, mais confortável, maior. E hoje mudou. Então passa de 1.200 refeições por dia, para 1.400. Eu estava... inauguramos hoje o 40 º restaurante Bom Prato em Ferraz de Vasconcelos. E o secretário Rogério Hamam fez a conta: desde que começou o Bom Prato, o alimento todo ano tem aumento, né, 5%, 6%, 7%... ele aumentou de lá para cá, 90%. O restaurante Bom Prato continua um real, ele não muda. E... de qualidade, de qualidade. Depois queria trazer uma palavrinha também sobre a rodovia aqui. Vocês têm um bom prefeito, viu? [APLAUSOS]

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Trabalhador, trabalhador e competente. Então, a previsão era para a gente fazer aqui a Perimetral e o recurso era de R$ 19 milhões . A prefeitura licitou e nós conseguimos contratar por R$ 14,8 milhões. Então, teve aqui um superávit de 4 milhões e 200 mil reais. Então, os 4 milhões e 200 mil reais vão ficar aqui em Mogi. Então, aí vai fazer mais obra: acostamentos, mais obras necessárias aqui. E o Bertaiolli falou da Perimetral, que ligando Mogi e Guararema, que está indo bem, a duplicação. É Mogi, Guararema, Santa Branca... não, Jacareí. Está indo super bem a obra. Depois a Mogi-Dutra, depois para Suzano e Mogi-Bertioga. A obra começa hoje, não é? A perimetral, as máquinas já estão aí, a obra já começa agora! Depois, o contrato da Sabesp nos bairros da divisa: lá já tinha água, mas vai ter um investimento ainda maior e agora vai ter coleta e tratamento de esgoto. Aí completa o 100%. Começa também hoje no Novo Horizonte, também já começa a obra. Depois, a quarta boa notícia é o Ciretran. Ontem eu estive lá na Armênia, em São Paulo, no Detran, novo Detran. O Detran, ele tinha três serviços eletrônicos, hoje tem 20 serviços eletrônicos. Então, por exemplo: o jovem que tirou a carteira de habilitação, motorista, ele tem a carteira provisória. Aí um ano depois, se não se envolveu em nenhum acidente grave, ele tem a carteira definitiva. Então ele tinha que ir três vezes no Poupatempo e uma vez no banco, ele ia quatro vezes perder tempo e gastar dinheiro. Agora, um ano depois ele recebe uma carta em casa: “Parabéns, você tem direito à carteira definitiva, recolha essa taxa pela própria internet”, não precisa nem sair de casa, “e vai receber em casa a carteira definitiva.” Ele não precisa ir nem uma vez no Poupatempo e nem no banco. Então, 20 serviços eletrônicos. Nós temos hoje no Portal do Poupatempo, inscritos lá 6,5 milhões de pessoas, é mais que o Uruguai. E o Detran estava na Polícia Civil, nós tiramos da Polícia e passamos para o Poupatempo, então nós estamos devolvendo os policiais. Já a Polícia Civil teve de volta 780 policiais civis: delegados, investigadores, escrivães, que vão trabalhar na sua tarefa-fim, que é polícia investigativa e polícia judiciária. Ganha a polícia, com 1.400 policiais a mais e a sociedade ganha com serviço com alta tecnologia, pessoal muito rápido e muito preparado. Então, novo Ciretran aqui em Mogi, junto com o novo, com o Poupatempo. Depois nós estamos... vai ter aqui os Jogos Abertos do Interior, vai ser agora em outubro, no mês que vem. Então, a prefeitura está entrando com 1,5 milhão, nós estamos pondo 1 milhao e 200 mil reais, para sediar os jogos abertos de todo o interior de São Paulo, hein? Coisa importantíssima para movimentar a economia aqui de Mogi e da região, em outubro, Jogos Abertos do Interior. E o mais importante na vida da gente que é a? Saúde! Então nós estamos indo lá para o Hospital Arnaldo Pezzuti. Então, quatro boas notícias aí. Uma, o Hospital Luzia de Pinho Melo. A parte cirúrgica de câncer já está sendo feita; a parte quimioterápica já está sendo feita desde junho; segunda-feira começa a ressonância magnética.

[APLAUSOS]

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Segunda-feira lá no Luzia Pinho Melo. E nós... a Escola Paulista de Medicina, a ESPDM, já vai iniciar o trabalho para fazer lá o bunker, para poder ter toda a parte radioterápica. Depois, o hospital do Bertaiolli, lá em Brás Cubas: nós já liberamos 24 milhões , fiz a visita lá no mês passado, está lindo lá o prédio, lindo, hospital muito, muito bacana! Nós vamos ter então, mais um hospital, o Arnaldo Pezzuti começa agora a atender também a comunidade local e nós estamos liberando mais 12 milhões para modernizar o Hospital Arnaldo Pezzuti, ampliando inclusive, leito de UTI. E hoje a gente inaugura os primeiros 20 leitos para dependentes químicos.

[APLAUSOS]

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Nós não vamos abandonar os nossos jovens, nós não vamos abandonar! Infelizmente, todo mundo conhece alguém que está com dificuldade, não é isso? Problema de droga, crack, alcoolismo... E a gente precisa ajudar, nós precisamos dar a mão porque a pessoa sozinha, ela não vai sair. Isso é doença como é apendicite, como é pneumonia, a pessoa ficou doente, então a gente precisa ajudar. Então equipes multiprofissionais e esses 20 leitos são os primeiros de 60 leitos que nós vamos ter para dependente químico para ajudar muita gente a se recuperar. Eu ouvi nos Dias das Mães, eu fui à missa, Dom Pedro, lá no Coração de Jesus, ali no Centro ali da antiga chamada Cracolândia, na Nova Luz. Aí subiu lá no altar, um jovem e ele falou o seguinte, que ele estava na rua, ele era morador de rua, viciado em crack. E aí vieram dois jovens andando e falou para ele: “Você é um abençoado!” “Você é um abençoado!” Aí ele falou: “Ah, estão gozando da minha cara, eu morando na rua, nessa situação aqui e dizer que eu sou abençoado?” Aí eles sentaram do meu lado na calçada e falaram o seguinte: “Olha, Deus nos mandou aqui para conversar com você, para falar com seu coração...” Enfim, conversaram, conversaram... Ele é casado e tem dois filhos pequenininhos. Tinha abandonado a família e estava na rua. Foi lá para a Casa Transitória - nós temos 18 Casas Transitórias - e de lá levamos para o hospital e ele se recuperou. Aí ele subiu lá no Dia das Mães e falou o seguinte, que ele foi para o Haiti, ele trabalha com construção civil... E ele falou: “Olha, eu nunca ajudei ninguém, eu só dei aborrecimento para os outros. Dei trabalho para a minha mãe, para o meu pai, aborrecimento para a minha mulher, sofrimento para as minhas crianças, nunca me incomodei com os outros e só dei dor de cabeça, preocupação e chateação. Eu vi o quanto me ajudaram. Então eu resolvi retribuir. Onde é que tem a população mais pobre? É lá no Haiti, terremoto, povo pobre, caiu tudo lá. Então eu fui lá, fiquei um mês e meio trabalhando lá para ajudar erguer o prédio lá para o hospital”. E recuperado. Totalmente recuperado. Com a esposa e com as duas crianças do lado dele. Então hoje é um dia histórico! Nós estamos iniciando os primeiros 20 leitos, de 60 leitos que nós vamos ter. Claro que muita gente que nem precisa ir para o hospital, você resolve com ambulatória, com o Caps AD que é da prefeitura, o CAPS AD é de álcool e droga, mas outros precisam. E não é só droga, não: álcool também, o alcoolismo é uma coisa que mais grave, é problemático. Mas eu quero dizer para vocês do nosso compromisso juntos aqui com o Bertaiolli, com os nossos deputados aqui representados pelo Andrea do Prado, os prefeitos aqui da região, os vereadores e principalmente, a comunidade. Tolstoi Stoy dizia que a maior vocação de cada homem e de cada mulher é servir as pessoas. Quando a gente consegue num dia, “Olha, eu ajudei alguém” e principalmente, quem está precisando mais, quem está mais necessitado. Servir as pessoas. A gente fica muito feliz. A presença de vocês aqui hoje é um grande gesto de servir as pessoas. Vocês estão aqui hoje para um evento coletivo. Não é individual, para cada um, mas é em benefício de toda cidade e dos que mais precisam na cidade. Do saneamento, ... da Ciretran, rodovia, enfim, do desenvolvimento da cidade. Diz que aparelho de som é igual gerente de banco: Quando a gente mais precisa, ele pifa!

[APLAUSOS]

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Mas o aparelho está ótimo aqui! Mas eu quero... Eu quero agradecer aqui ao Bertaiolli, a Lu teve aqui foi o mês passado, não é? Semana retrasada. E adorou. Eu gosto de podendo, tomar um cafezinho em boteco. Então, às vezes domingo eu vou lá na Praça da República, tomo um café lá no bar e engraxo o sapato ali na Praça da República. Aí tem uma senhorinha que está lá há 20 anos, é minha amiga há 20 anos. Então, podendo, eu dou uma passadinha lá para engraxar o sapato e bater um papo com ela. Ela falou para mim, falou: “ O Dr. Geraldo, dona Lu está muito bonita, viu? E muito moça para o senhor, viu? Eu falei? “Putz, acabou comigo! Mas a Lu gostou, não é?

[RISOS]

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Grande abraço a todos!

[APLAUSOS] Mogi das Cruzes