Etec (Escola Técnica)

De Infogov São Paulo
(Redirecionado de Etecs)
Ir para navegação Ir para pesquisar
Atualizado em: 07 de maio de 2018


Perfil

Atualizado em: 07 de maio de 2018

O que é: as Escolas Técnicas (Etecs), mantidas pelo Centro Paula Souza, são instituições públicas de ensino técnico que oferecem cursos gratuitos, devidamente reconhecidos, estruturados e desenvolvidos para atender aos segmentos atuais e aos emergentes da atividade industrial e do setor de serviços, tendo em vista a constante evolução tecnológica.

Estrutura: O Centro Paula Souza mantém 221 Escolas Técnicas Estaduais (Etecs), distribuídas por 163 municípios paulistas. As Etecs atendem mais de 207 mil estudantes nos Ensinos Técnico, Técnico integrado ao Médio e Médio, distribuídos nos 143 cursos técnicos para os setores Industrial, Agropecuário e de Serviços. Este número inclui 5 cursos técnicos oferecidos na modalidade semipresencial, 4 cursos técnicos na modalidade on-line, 3 cursos técnicos na modalidade aberta, 29 cursos técnicos integrados ao Ensino Médio e 6 cursos técnicos integrados ao Ensino Médio na modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA). A cada processo seletivo (Vestibulinho), é preciso conferir quais os cursos oferecidos em cada unidade.


Como funciona: as inscrições para o processo seletivo (Vestibulinho) das Etecs são semestrais – exceto as do Ensino Médio, que são anuais. Para concorrer a uma das vagas para o Ensino Médio, o candidato dever ter concluído o Ensino Fundamental. Quem pretende fazer o Ensino Técnico, precisa ter concluído ou estar cursando a partir do 2º ano do Ensino Médio. A cada Vestibulinho, é preciso conferir no Manual do Candidato quais os cursos oferecidos em cada unidade.

Inclusão social: o Sistema de Pontuação Acrescida concede bônus de 3% a estudantes afrodescendentes e de 10% a oriundos da rede pública. Caso o aluno esteja nas duas situações, recebe 13% de bônus.

Para ter direito ao bônus, o candidato afrodescentende deve fazer a autodeclaração no ato da inscrição. Os candidatos egressos do ensino público devem apresentar o histórico escolar do ensino fundamental ou a declaração escolar, discriminada série a série, para comprovar que cursaram integralmente da 5ª à 8ª série na rede pública municipal, estadual ou federal.

Ensino Médio: o ensino médio destina-se aos candidatos que tenham concluído o ensino fundamental. Compõe-se por duas partes: Base Nacional Comum e Parte Diversificada.

  • As disciplinas da Base Nacional Comum: direcionadas para a formação geral do estudante, são as já tradicionalmente estudadas, como Língua Portuguesa e Literatura, Matemática, História, Geografia, Química, Física, Biologia, Educação Física e Artes.
  • As disciplinas da Parte Diversificada: objetivam ao desenvolvimento de capacidades e de condutas importantes na atualidade, visando à formação para o exercício da cidadania e preparação para o trabalho. O oferecimento dessas disciplinas é diferenciado nas Etecs, as quais dispõem de autonomia para optar por projetos, pelo ensino de filosofia, de sociologia e/ou espanhol. O inglês, que também integra a Parte Diversificada, é obrigatório no ensino médio.

Cursos Técnicos Integrados ao Ensino Médio: os cursos técnicos integrados ao Ensino Médio são compostos de três séries anuais articuladas, com terminalidade correspondente às ocupações identificadas no mercado de trabalho. Ao completar as três séries, o aluno recebe o diploma de técnico que lhe dará o direito de exercer a habilitação profissional e de prosseguir os estudos no nível da educação superior. O perfil e o mercado de trabalho para estes cursos são iguais aos dos cursos o técnicos regulares.

  • Cursos oferecidos: Administração, Agropecuária, Agropecuária (Modalidade Alternância), Alimentos, Automação industrial, Design de Interiores, Edificações, Eletrônica, Eletrotécnica, Informática, Informática para Internet, Logística, Marketing, Mecânica, Mecatrônica, Meio Ambiente, Nutrição e Dietética, Química, Segurança do Trabalho, Serviços Jurídicos.

Cursos Técnicos Integrados ao Ensino Médio na Modalidade de Jovens e Adultos (EJA): o ensino técnico integrado ao ensino médio na modalidade EJA destina-se aos candidatos que tenham concluído o ensino fundamental e tenham 18 anos completos e compõe-se das partes relativas ao ensino médio (base nacional comum e parte diversificada) e da formação profissional (ensino técnico). Os cursos são organizados por séries. Cada curso é composto por 3 séries. Cada série é composta por dois módulos e tem duração de um ano. As séries cursadas darão ao aluno, em sua maioria, uma qualificação profissional com direito a um certificado parcial.

  • Cursos oferecidos: Administração e Calçados

Programa Especial de Formação Pedagógica de Docentes: para as Disciplinas do Currículo da Educação Profissional de Nível Médio – antigo Esquema 1 – faz parte da política do Centro Paula Souza de constante atualização e qualificação de seus servidores. O curso é voltado para professores e servidores do setor administrativo da instituição com diploma de graduação mas que ainda não possuem licenciatura.

Etecs descentralizadas: no dia 8 de janeiro de 2014 foram assinados convênios com 31 municípios para expandir o ensino técnico no Estado. As cidades que não possuem as unidades das Etecs serão contempladas com classes descentralizadas, que são espaços disponíveis para a realização dos cursos oferecidos. Com a assinatura dos convênios, o Centro Paula Souza passa a atuar em 306 municípios do Estado, oferecendo cursos técnicos, tecnológicos e de ensino médio.

Número de ETECs 1994/2014

Atualizado em: 09 de maio de 2013

Informações sobre as ETECs
1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014
nº de ETECs
99
99
99
99
99
99
99
99
103
103
105
109
126
138
151
173
192
203
209
211
218

Vagasnaetec14.jpg

Unidades Implantadas 2011/2014

Entre 2011 e 2014 foram criadas 26 novas Etecs nos municípios de localizadas nos municípios de Apiaí, Arujá, Barueri, Caieiras, Cerquilho, Guariba, Ibaté, Itapetininga (a 2ª unidade do município), Itaquaquecetuba, Lençóis Paulista, Jandira, Mairiporã, Monte Alto, Peruíbe, Presidente Prudente (a 2ª unidade do município), Rio Grande da Serra, Santa Fé do Sul, Santana de Parnaíba (a 2ª unidade do município), São Paulo (Brooklin, Esportes, Mandaqui, Pirituba, Santa Ifigênia e Sebrae), Sorocaba (a 3ª unidade do município) e Tietê.

Previsão de Implantação 2015/2018

Previsão de Implantação de 24 Novas ETECs nos próximos anos: Agudos, Artur Nogueira, Boituva, Cabreúva, Cravinhos, Guaíra, Guararapes, Guarulhos, Itapecerica da Serra, Itapevi, Itupeva, Jaguariúna, Jardinópolis, Martinópolis, Porto Feliz, Santa Cruz das Palmeiras, Santos III (a terceira Etec do município), São Paulo (Itaquera II, Itaim Paulista e Jardim Pantanal), São Vicente II (a segunda Etec do município), Sumaré, Taboão da Serra e Valinhos.

Unidades entregues 2011/2014

Atualizado em: 12 de maio de 2014

O Governo de São Paulo inaugurou, na atual gestão (2011/2014) 16 unidades (Itararé, Barueri, Jornalista Roberto Marinho, Lençóis Paulista, Mandaqui, Professor Adolpho Arruda Mello, Alcides Cestari, Professora Doutora Doroti Quiomi Kanashiro Toyohara, Bento Carlos Botelho do Amaral, Dr. Nelson Alves Vianna, de Tietê, Prefeito Braz Paschoalin, Santa Ifigênia, Curt Walter Otto Baumgart, Campos Elíseos, Mairiporã e Arujá) e entregou 13 instalações nas Etecs (Paraguaçu Paulista,Itapira, Fernandópolis, Taquarituba, Taquarivaí, de Osvaldo Cruz, Itanhaém, Leme, Ourinhos, Tupã. São José do Rio Pardo e Franca).


Capital

Unidades inauguradas em 2011/2014 - Capital
Unidade Inauguração Investimento OBS
Jornalista Roberto Marinho
15/08/2011
R$ 425 mil
Valor investido em mobiliário e equipamento, já que o prédio da nova Etec foi construído pela Globo, em terreno cedido pelo governo estadual.
Mandaqui
22/08/2011
R$ 14,8 milhões
Professora Doutora Doroti Quiomi Kanashiro Toyohara
15/09/2011
R$ 14 milhões
Santa Ifigênia
05/08/2013
R$ 85 milhões
O valor investido inclui a construção da nova sede administrativa do Centro Paula Souza
Curt Walter Otto Baumgart
29/08/2013
R$ 39 milhões
A primeira Etec voltada aos esportes integra um Centro de Convivência, com 4.000 m² de área construída, projetado pelo arquiteto Ruy Ohtake.
Campos Elíseos
17/03/2014
Centro Paula Souza entrou com o projeto pedagógico e o Sebrae com as instalações e os equipamentos.
A unidade funciona desde o início de 2014 na Escola de Negócios do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de São Paulo (Sebrae-SP), parceiro do Paula Souza no projeto de oferecer cursos técnicos e tecnológicos focados na inovação e no empreendedorismo.


Região Metropolitana de São Paulo

Unidades inauguradas em 2011/2014 - na Região Metropolitana de São Paulo
Unidade Município Inauguração Investimento OBS
Barueri
Barueri
10/05/2011
R$ 320 mil
O Estado investiu em equipamentos e mobiliário na Etec. Coube à Prefeitura de Barueri a construção do prédio.
Jandira
Jandira
02/03/2013
R$ 6,9 milhões
O investimento na obra superou R$ 6,9 milhões. Em mobiliário e equipamentos, o governo estadual investiu R$ 550 mil.
Mairiporã
Mairiporã
10/05/2014
R$ 3,1 milhões
O governo estadual fez um repasse no valor de R$ 2.750.000,00 para complementar a obra. E investiu mais de R$ 420 mil em mobiliário e equipamentos da unidade.
Arujá
Arujá
12/05/2014
R$ 223 mil
Na parceria para implantação da unidade, o Estado investiu em mobiliário e equipamentos. Coube à Prefeitura a reforma e adequação do prédio, que conta com dois blocos.


Região de Sorocaba

Unidades inauguradas em 2011/2014 - Sorocaba
Unidade Município Inauguração Investimento OBS
Dr. Nelson Alves Vianna, de Tietê
Tietê
08/02/2011
R$ 51 mil
Investimentos em mobiliário e equipamento. O prédio cedido pela Secretaria de Educação, adequado pela Prefeitura
Itararé
Itararé
13/02/2011
R$ 235,7 mil
Valor investido em mobiliário e equipamentos. O prédio foi construído pela prefeitura.


Região de Bauru

Unidades inauguradas em 2011/2014 - na Região de Bauru
Unidade Município Inauguração Investimento OBS
Lençóis Paulista
Lençóis Paulista
16/08/2011
R$ 370 mil
O Estado investiu em mobiliário e equipamentos. A edificação que abriga a Etec foi construída pela prefeitura


Região de Presidente Prudente

Unidades inauguradas em 2011/2014 - Região de Presidente Prudente
Unidade Município Inauguração Investimento OBS
Professor Adolpho Arruda Mello
Presidente Prudente
01/07/2011
R$ 130 mil
Investimentos em mobiliário e equipamento. O prédio cedido pela Secretaria de Educação, adequado pela Prefeitura


Região de Ribeirão Preto ETECs: RA Ribeirão Preto 2011/2014

Unidades inauguradas em 2011/2014 - Região de Ribeirão Preto
Unidade Município Inauguração Investimento OBS
Alcides Cestari
Monte Alto
15/09/2011
R$ 144 mil
Coube à Prefeitura a construção do prédio que abriga a Etec, com investimento de R$ 2.246.657,15 do Governo do Estado.
Bento Carlos Botelho do Amaral
Guariba
08/12/2011
R$ 108 mil
Prédio cedido pela Secretaria de Educação, adequado pela Prefeitura, com repasse de R$ 300.000,00 do Governo do Estado.

Entrega de novas instalações

O Governo de São Paulo entregou 15 novas instalações na atual gestão (2011/2014). Foram obras de ampliação, construção e de reforma em várias unidades das Etecs, além da entrega de um novo prédio para a Etec João Maria Stevanatto de Itapira e a entrega quadra poliesportiva da Etec Professor Carmelino Corrêa Junior.

Novas instalações em 2011/2014
Unidade Região Administrativa Município Data de entrega Investimento Obras
1
Augusto Tortolero Araújo
Marília
Paraguaçu Paulista
18/02/2011
R$ 1,8 milhão
Com a ampliação da infraestrutura física, a unidade ganhou, entre outros ambientes, três salas de aula, laboratório de Química, cobertura da quadra e área de recreação dos alojamentos masculinos.
2
João Maria Stevanatto
Campinas
Itapira
06/05/2011
R$ 7,1 milhões
Entrega no novo prédio
3
Fernandópolis
São José do Rio Preto
Fernandópolis
28/07/2011
R$ 8,3 milhões
Construção de três pavimentos que abriga sete salas de aula, três laboratórios (um de desenho, um de oficina mecânica e um de Informática), sala de eventos, auditório com capacidade para 120 pessoas e sanitários adaptados. Foram construídos, também, portaria, cabine de força e muro de arrimo.
4
Profª Terezinha Monteiro dos Santos
Sorocaba
Taquarituba
07/10/2011
R$ 2,6 milhões
Com as obras, a unidade ganhou, entre outros ambientes, 8 salas de aula, 3 laboratórios (química, biologia e segurança do trabalho), biblioteca, auditório com capacidade para 134 lugares, 4 salas administrativas, cantina e 10 sanitários.
5
Dr. Dario Pacheco Pedroso
Sorocaba
Taquarivaí
08/10/2011
R$ 2,1 milhões
Além da construção da biblioteca, do laboratório de química, de dois sanitários com acessibilidade e do bloco que abriga o laboratório de informática, uma sala de aula e outros dois sanitários, foram feitas reformas e adequações nos dois blocos de alojamentos (cada bloco tem 24 quartos e 24 sanitários) e construídas duas lavanderias por bloco.
6
Amim Jundi Osvaldo Cruz
Presidente Prudente
Osvaldo Cruz
04/11/2011
R$ 1,8 milhão
construção de um bloco que abriga 8 salas de aula e 2 sanitários. Adaptações na biblioteca, salas de aula, zeladoria e cantina, além de reforma no refeitório e na quadra poliesportiva.
7
Itanhaém
Baixa Santista
Itanhaém
28/11/2011
R$ 2,2 milhões
Entre os diversos serviços realizados estão a revisão completa da cobertura do prédio, do piso da quadra poliesportiva e das instalações elétricas e hidráulicas; a ampliação da biblioteca e do auditório; adaptações de acessibilidade nos sanitários, instalação de elevador; além da pintura da unidade. Em mobiliário e equipamentos
8
Deputado Salim Sedeh
Campinas
Leme
06/12/2011
R$ 2,5 milhões
Construção de 9 salas de aula, 3 laboratórios (1 de Ciências, 1 de Farmácia e 1 de Idiomas), biblioteca, sala de vídeo, 3 salas administrativas, sanitários adaptados e rampas para acessibilidade. O prédio original conta com 10 salas de aula, 5 laboratórios de Informática, auditório com capacidade para 180 pessoas, 8 salas administrativas, sala de professores, cantina e sanitários.
9
Jacinto Ferreira de Sá
Marília
Ourinhos
21/01/2012
R$ 2,1 milhões
Entre os ambientes do prédio existente estão 13 salas de aula, 17 laboratórios (5 de informática, 2 de química, 2 de eletrotécnica, 1 de acionamento de máquina, 1 de comando numérico computadorizado, 1 de digitais, 1 de enfermagem, 1 de hidráulica e eletrohidráulica, 1 de mecânica, 1 de música e 1 de pneumática e eletropneumática), duas salas de desenho, biblioteca, ginásio e duas quadras poliesportivas.
10
Prof. Massuyuki Kawano
Marília
Tupã
08/02/2012
R$ 2 milhões
O prédio reformado da Etec dispõe de 18 salas de aula, 9 laboratórios, biblioteca, salas administrativas, refeitório, cantina e sanitários com acessibilidade.
11
São José do Rio Pardo
Campinas
São José do Rio Pardo
17/03/2012
R$ 10,7 milhões
A atual sede abriga nove salas de aula,12 laboratórios (seis de Informática, um de Redes, um de Segurança do Trabalho, um de Análises Físico-Químicas, um de Microbiologia, um de Ciências e Síntese, um de Análises Instrumentais), 12 salas administrativas (entre elas: coordenação, secretaria, professores, diretoria), biblioteca, 18 sanitários (oito deles adaptados para dar melhor acessibilidade). A Etec conta também com elevador e ginásio de esportes com quatro vestiários.
12
Professor Carmelino Corrêa Junior
Franca
Franca
23/04/2012
R$ 135 mil
Construção da quadra poliesportiva com arquibancada coberta e vestiários
13
Astor de Mattos Carvalho
Região de Bauru
Cabrália Paulista
13/07/2013
R$ 903 mil
Laboratório de Processamento de Polpa de Frutas na unidade e mais adequações na unidade
14
Etec Prof. Idio Zucchi
Região de Barretos
Bebedouro
28/04/2014
R$ 12,6 milhões
Laboratórios, salas de audiovisual, auditório e biblioteca
15
Etec Prof. Dr. Antônio Eufrásio de Toledo
Região de Presidente Prudente
Presidente Prudente
09/05/2014
R$ 10,5 milhões
Salas de aula, laboratórios de audiovisual e desenho técnico, espaços destinados aos laboratórios de informática, quadra poliesportiva e elevador

Fonte: Centro Paula Souza

Etecs no Estado por Região

Atualizado em: 07 de maio de 2018

Capital

Bairro Etec Início de

Funcionamento

Arthur Alvim
Etec Tereza Aparecida Cardoso Nunes de Oliveira
2009
Belém
Etec Parque Belém
2009
Bom Retiro
Etec São Paulo
1988
Brás
Etec Carlos de Campos
1911
Brooklin
Etec Jornalista Roberto Marinho
2011
Butantã
Etec Cepam
2010
Casa Verde
Etec Albert Einstein
1963
Campos Elíseos
Etec Drª Maria Augusta Saraiva
2007
Etec Sebrae
Capela do Socorro
Etec Irmã Agostina
2010
Cidade A. E. Carvalho
Etec Zona Leste
2002
Cidade Tiradentes
Etec Cidade Tiradentes
2009
Freguesia do Ó
Etec Paulistano
2009
Guaianazes
Etec de Guaianazes
2004
Heliópolis
Etec de Heliópolis
2009
Ipiranga
Etec Getúlio Vargas
1911
Itaquera
Etec de Itaquera
2007
Jaraguá
Etec Jaraguá
2010
Jardim Ângela
Etec Jardim Ângela
2010
Jardim São Luís
Etec Zona Sul
2006
Jardim Paulo VI
Etec Uirapuru
2010
Lapa
Etec Prof. Basílides de Godoy
1950
Mandaqui
Etec Mandaqui
2010
Mooca
Etec Prof. Camargo Aranha
1968
Paraisópolis
Etec Paraisópolis
2009
Penha
Etec Prof. Aprígio Gonzaga
década de 1950
Etec de Tiquatira
2009
Perus
Etec Gildo Marçal Bezerra Brandão
2010
Pinheiros
Etec Guaracy Silveira
1950
Pirituba
Etec Prof.ª Dr.ª Doroti Quiomi Kanashiro Toyohara
2011
Raposo Tavares
Etec Raposo Tavares
2010
Santana
Etec de Artes
2008
Etec Parque da Juventude
2007
Santo Amaro
Etec Takashi Morita
2009
São Mateus
Etec São Mateus
2010
Santa Ifigênia
Etec Santa Ifigênia
2013
Sapopemba
Etec de Sapopemba
2007
Tatuapé
Etec Martin Luther King
1965
Uirapuru
Etec Uirapuru
Vila Formosa
Etec Prof. Adhemar Batista Heméritas
2009
Etec de Vila Formosa
2008
Vila Guilherme
Etec Prof. Horácio Augusto da Silveira
1956
Vila Leopoldina
Etec Prof. Basílides de Godoy
Vila Maria
Etec de Esportes – Curt Walter Otto Baumgart
Vila Prudente
Etec José Rocha Mendes
1964


Região Metropolitana de São Paulo

Município Etec Início de

Funcionamento

Arujá
Etec de Arujá
2013
Barueri
Etec de Barueri*
2010
Caieiras
Etec de Caieiras
2013
Cajamar
Etec Gino Rezaghi
2009
Carapicuíba
Etec de Carapicuíba
2006
Cotia
Etec de Cotia
2009
Diadema
Etec de Diadema
2006
Embu das Artes
Etec de Embu
2010
Ferraz de Vasconcelos
Etec de Ferraz de Vasconcelos
2007
Francisco Morato
Etec de Francisco Morato
2010
Franco da Rocha
Etec Dr. Emilio Hernandez Aguilar
2006
Itaquaquecetuba
Etec de Itaquaquecetuba*
2010
Jandira
Etec Prefeito Braz Paschoalin
Mairiporã
Etec de Mairiporã
2013
Mauá
Etec de Mauá
2005
Mogi das Cruzes
Etec Presidente Vargas
1948
Osasco
Etec de Osasco
2010
Etec Osasco II
2010
Poá
Poá
2009
Ribeirão Pires
Etec de Ribeirão Pires
2006
Rio Grande da Serra
Etec Rio Grande da Serra
Santa Isabel
Etec de Santa Isabel
2009
Santana do Parnaíba
Etec Professora Ermelinda Giannini Teixeira
2008
Etec Bartolomeu Bueno da Silva
2012
Santo André
Etec Júlio de Mesquita
1935
São Bernardo do Campo
Etec Lauro Gomes
1957
São Caetano do Sul
Etec Jorge Street
1980
Suzano
Etec de Suzano
2008
Taboão da Serra
Etec de Taboão da Serra



Região de Araçatuba

Município Etec Início de

Funcionamento

Andradina
Etec Sebastiana Augusta de Moraes
1993
Araçatuba
Etec Araçatuba
2008
Birigui
Etec Doutor Renato Cordeiro
2005
Ilha Solteira
Etec de Ilha Solteira
1993
Penápolis
Etec João Jorge Geraissate
1970


Região de Barretos

Município Etec Início de

Funcionamento

Barretos
Etec Cel. Raphael Brandão
1948
Bebedouro
Etec de Bebedouro
2006
Olímpia
Etec de Olímpia
2010


Região de Bauru

Município Etec Início de

Funcionamento

Barra Bonita
Etec Comendador João Rays
1993
Bauru
Etec Rodrigues de Abreu
2006
Cabrália Paulista
Etec Astor de Matos Carvalho
Cafelândia
Etec Profª Helcy Moreira Martins Aguiar
1971
Jaú
Etec Joaquim Ferreira do Amaral
1928
Etec Prof. Urias Ferreira
1970
Lençóis Paulista
Etec de Lençóis Paulista*
2010
Lins
Etec de Lins
2006


Região de Campinas

Município Etec Início de

Funcionamento

Aguaí
Etec de Aguaí
2009
Americana
Etec Polivalente de Americana
1977
Amparo
Etec João Belarmino
1913
Araras
Etec Prefeito Alberto Feres
1966
Atibaia
Etec Profº Carmine Biagio Tundisi
2006
Campinas
Etec Bento Quirino
1917
Etec Conselheiro Antônio Prado
1960
Campo Limpo Paulista
Etec de Campo Limpo Paulista
2009
Casa Branca
Etec Dr. Francisco Nogueira de Lima
1944
Espírito Santo do Pinhal
Etec Dr. Carolino da Motta e Silva
1935
Hortolândia
Etec de Hortolândia
2002
Itapira
Etec João Maria Sevanatto
2008
Itatiba
Etec Rosa Perrone Scavone
1948
Jundiaí
Etec Benedito Storani
1947
Etec Vasco Antônio Venchiarutti
1958
Leme
Etec Dep. Salim Sedeh
1988
Limeira
Etec Trajano Camargo
1934
Mococa
Etec Francisco Garcia
1930
Etec João Baptista de Lima Figueiredo
1962
Mogi Guaçu
Etec de Mogi Guaçu
2010
Mogi Mirim
Etec Pedro Ferreira Alves
1964
Monte Mor
Etec de Monte Mor
2009
Nova Odessa
Etec de Nova Odessa
2009
Piracicaba
Etec Cel. Fernando Febeliano da Costa
1951
Etec Deputado Ary de Camargo Pedroso
2009
Pirassununga
Etec Tenente Aviador Gustavo Klug
2006
Rio Claro
Etec Armando Bayeux da Silva
1920
Rio das Pedras
Etec Dr. José Coury
1971
Santa Cruz das Palmeiras
Etec João Elias Margutti
2016
Santa Bárbara D'Oeste
Etec Prof. Dr. José Dagnoni
2002
São José do Rio Pardo
Etec de São José do Rio Pardo
2006
São Pedro
Etec de Gustavo Teixeira
2010
Vargem Grande do Sul
Etec de Vargem Grande do Sul
2008


ETECs Região de Campinas- 2011/2014

  • ETEC de João Maria Stevanatto (Itapira): Entrega do novo prédio. Inaugurado em 06/05/2011. Investimento de R$ 7,1 milhões.
  • ETEC Deputado Salim Sedeh (Leme): Reforma e ampliação na ETEC Deputado Salim Sedeh. Inaugurado em 06/11/2011. Investimento de R$ 2,5 milhões.
  • ETEC de São José do Rio Pardo: Reforma e ampliação. Inaugurado em 17/03/2012. Investimento de R$ 10,7 milhões.

Região Central

Município Etec Início de

Funcionamento

Araraquara
Etec Profª Anna de Oliveira Ferraz
1948
Ibaté
Etec de Ibaté
Ibitinga
Etec de Ibitinga
2006
Matão
Etec Sylvio de Mattos Carvalho
1987
Porto Ferreira
Etec Profº Jadyr Salles
2009
Santa Rita do Passa Quatro
Etec Manoel dos Reis Araújo
1963
São Carlos
Etec Paulino Botelho
1932
Etec Paulino Botelho II
2010
Taquaritinga
Etec Dr. Adail Nunes da Silva
2006


Região de Franca

Município Etec Início de

Funcionamento

Batatais
Etec Antônio de Pádua Cardoso
1950
Franca
Etec Dr. Júlio Cardoso
1924
Etec Prof. Carmelino Correa Jr.
1969
Igarapava
Etec Antonio Junqueira da Veiga
1963
Ituverava
Etec de Ituverava
2010
Miguelópolis
Etec Laurindo Alves de Queiroz
1964
Orlândia
Etec Prof. Alcídio de Souza Prado
1948
São Joaquim da Barra
Etec Pedro Badran
1959



Região de Itapeva

Município Etec
Apiaí
Etec de Apiaí
Capão Bonito
Etec Dr. Celso Charuri
Itapeva
Etec Dr. Demétrio Azevedo Jr.
Itararé
Etec de Itararé
Piraju
Etec Waldyr Duron Junior
Taquarituba
Etec Profª Terezinha Monteiro dos Santos
Taquarivaí
Etec Dr. Dario Pacheco Pedroso

Região de Marília

Município Etec Início de

Funcionamento

Assis
Etec Pedro D'Arcádia Neto
1951
Cândido Mota
Etec Prof. Luiz Pires Barbosa
1962
Garça
Etec Dep. Paulo Ornellas C. de Barros
1957
Etec Monsenhor Antônio Magliano
1951
Ipaussu
Etec Prof. Pedro Leme Brisolla Sobrinho
1948
Marília
Etec Antônio Devisate
1948
Ourinhos
Etec Jacinto Ferreira de Sá
1997
Palmital
Etec Prof. Mário Antônio Verza
2006
Paraguaçu Paulista
Etec Augusto Tortolero Araújo
1971
Quatá
Etec Dr. Luiz César Couto
1968
Santa Cruz do Rio Pardo
Etec Orlando Quagliato
1971
Tupã
Etec Prof. Massuyuki Kawano
2006
Vera Cruz
Etec Paulo Guerreiro Franco
1963


Região de Presidente Prudente

Município Etec Início de

Funcionamento

Adamantina
Etec Eng. Herval Bellusci
1971
Etec Prof. Eudécio Luiz Vicente
1946
Dracena
Etec Profª. Carmelina Barbosa
1972
Osvaldo Cruz
Etec Amin Jundi
1962
Presidente Prudente
Etec Prof. Dr. Antônio E. de Toledo
1942
Etec Professor Adolpho Arruda Mello
2011
Presidente Venceslau
Etec de Presidente Venceslau
1986
Rancharia
Etec Dep. Francisco Franco
1968
Teodoro Sampaio
Etec Professora Nair Luccas Ribeiro
2006


Região de Registro

Município Etec Início de

Funcionamento

Iguape
Etec Eng. Agrônomo Narciso de Medeiros
1971
Registro
Etec de Registro
2010


Região de Ribeirão Preto

Município Etec Início de

Funcionamento

Guariba
Etec Bento Carlos Botelho do Amaral
2011
Monte Alto
Etec Alcides Cestari
2011
Ribeirão Preto
Etec José Martimiano da Silva
1927
Santa Rosa do Viterbo
Etec de Santa Rosa do Viterbo
2010
São Simão
Etec Prof. Francisco dos Santos
1963
Serrana
Etec Ângelo Cavalheiro
2009

Região de Santos

Município Etec Início de

Funcionamento

Cubatão
Etec Cubatão
2008
Guarujá
Etec Alberto Santos Dumont
1975
Itanhaém
Etec de Itanhaém
2006
Mongaguá
Etec Adolpho Berezin
1995
Peruíbe
Etec de Peruíbe
2012
Praia Grande
Etec de Praia Grande
Santos
Etec Aristóteles Ferreira
1908
Etec Dona Escolástica Rosa
2004
São Vicente
Etec Drª Ruth Cardoso
2008

ETECs Região da baixada - 2011/2014

  • ETC Santos: Programado: 3º unidade - nova sede. Valor: R$ 16,1 milhões. (1º sem/2014): Cursos: Logística, Petróleo e Gás e Portos.

Região de São José do Rio Preto

Município Etec Início de

Funcionamento

Santa Fé do Sul
Etec de Santa Fé do Sul
2012
Catanduva
Etec Elias Nechar
2006
Fernandópolis
Etec de Fernandópolis
2006
Jales
Etec Dr. José Luiz Viana Coutinho
1989
Mirassol
Etec Prof. Mateus Leite de Abreu
1963
Monte Aprazível
Etec Padre José Nunes Dias
1957
Novo Horizonte
Etec Profª Marines Teodoro de Freitas Almeida
2009
São José do Rio Preto
Etec Philadelpho Gouvêa Netto
1971
Votuporanga
Etec Frei Arnaldo Maria de Itaporanga
1970


ETECs RA de São José do Rio Preto - 2011/2014

  • ETEC Santa Fé do Sul: Inaugurada em 1º de abril de 2014. Valor: R$ 5 milhões. Vagas: 720. Cursos: Ensino Técnico integrado ao Médio, Processamento de Pescado (Aquicultura) e Vestuário.
  • ETEC Fernandópolis: Ampliação e reforma. Inaugurado em 28/07/2011. Investimento de R$ 8,3 milhões.
  • ETEC Philadelpho Gouvêa Netto: em execução: Construção de 1 bloco e reforma dos 5 existentes. Valor: R$ 8 milhões. Início: out/2012. Término: fev/2014.


Região de São José dos Campos

Município Etec Início de

Funcionamento

Caçapava
Etec Machado de Assis
1951
Cachoeira Paulista
Etec Prof. Marcos Uchôas dos Santos Penchel
1990
Caraguatatuba
Etec de Caraguatatuba
2009
Cruzeiro
Etec Prof. José Sant'ana de Castro
1969
Guaratinguetá
Etec Prof. Alfredo de Barros Santos
1948
Jacareí
Etec Cônego José Bento
1935
Lorena
Etec Padre Carlos Leôncio da Silva
2010
Pindamonhangaba
Etec João Gomes de Araújo
1931
São José dos Campos
Etec de São José dos Campos
2008
São Sebastião
Etec de São Sebastião
2008
Taubaté
Etec Dr. Geraldo José Rodrigues Alckmin
2005


Região de Sorocaba

Município Etec Início de

Funcionamento

Avaré
Etec Avaré
2006
Botucatu
Etec Dr. Domingos Minicucci Filho
1936
Cerqueira César
Etec Prefeito José Esteves
1957
Cerquilho
Etec de Cerquilho*
2010
Itapetininga
Etec Prof. Edson Galvão
1942
Etec Darcy Pereira de Moraes
2011
Itu
Etec Martinho Di Ciero
1948
Mairinque
Etec de Mairinque
2010
Piedade
Etec de Piedade
2009
Porto Feliz
Etec de Porto Feliz
São Manuel
Etec Dona Sebastiana de Barros
1939
São Roque
Etec de São Roque
2002
Sorocaba
Etec Fernando Prestes
1929
Etec Rubens de Faria e Souza
1929
Etec Armando Pannunzio
Tatuí
Etec Sales Gomes
1934
Tietê
Etec Dr. Nelson Alves Vianna*
2011
Votorantim
Etec de Votorantim
2008


ETECs descentralizadas

No dia 8 de janeiro de 2014 foram assinados convênios com 31 municípios para expandir o ensino técnico no Estado. As cidades que não possuem as unidades das Etecs serão contempladas com classes descentralizadas, que são espaços disponíveis para a realização dos cursos oferecidos. Com a assinatura dos convênios, o Centro Paula Souza passa a atuar em 306 municípios do Estado, oferecendo cursos técnicos, tecnológicos e de ensino médio.

No total, serão 1.360 novas vagas, sendo 1.240 no processo seletivo para o 1º semestre de 2014 e as outras 120 para o 2º semestre. Os cursos oferecidos são Agronegócio, Administração, Informática para Internet, Marketing, Segurança no Trabalho, Manutenção e Suporte em Informática, Mecânica, Logística, Informática, Comércio e Contabilidade.

Os municípios que receberão as classes descentralizadas ou vão expandir o número de vagas são: Águas da Prata, Anhembi, Bálsamo, Biritiba Mirim, Bofete, Canitar, Castilho, Embu-Guaçu, Estrela do Norte, Gavião Peixoto, Guaraçaí, Itajobi, Itapuí, Itariri, Itirapina, Jaborandi, Jambeiro, Lucélia, Manduri, Pedro de Toledo, Pilar do Sul, Pontal, Pradópolis, Praia Grande, Quintana, Riversul, São José do Barreiro, Sete Barras, Severínia, Silveiras e Tremembé.

2017

31/01/2017 - Etec Praia Grande ganha novas instalações

As novas instalações da Escola Técnica Estadual (Etec) de Praia Grande foram inauguradas nesta terça-feira (31). “Aqui o aluno sai com dois diplomas. De manhã, ele faz o ensino regular e, à tarde, o ensino técnico. É a escola em tempo integral”, explicou o governador.

Implantada no segundo semestre de 2006, nas instalações da Faculdade de Tecnologia (Fatec) Praia Grande, a Etec mantém cinco cursos técnicos: Contabilidade, Farmácia, Informática, Logística e Transações Imobiliárias. A partir de fevereiro serão oferecidos outros dois: Logística e Química, ambos integrados ao Ensino Médio.

O novo prédio, que passa a ser utilizado pela comunidade acadêmica em fevereiro, vai abrigar, inicialmente, 12 salas de aula (há espaços para outras 9), 10 laboratórios (6 de Informática, 1 de Biologia/Microbiologia, 1 de Farmácia, 1 de Gestão e Negócios, 1 de Química) e espaço para mais 2 (1 de Física e 1 de Meio Ambiente), auditório, biblioteca, salas administrativas e quadra poliesportiva, entre outros ambientes.

No Vestibulinho para o primeiro semestre deste ano, 1.445 inscritos disputaram as 280 vagas disponibilizadas, o que representa 5,16 candidatos por vaga. A alta procura comprova o interesse da comunidade pela qualidade do ensino oferecida pela Escola Técnica. O curso técnico mais concorrido nesse processo seletivo foi o de Farmácia, no período noturno, com 7,66 candidatos por vaga.

Pelo convênio firmado entre o Centro Paula Souza e a Prefeitura, o município conta também com a oferta dos ensinos Técnico e Técnico integrado ao Médio em uma classe descentralizada, unidade que funciona com um ou mais cursos sob a administração de uma Etec, no bairro Balneário Maracanã.


18/02/2017 - Em Peruíbe, Alckmin inaugura nova sede da Etec no aniversário da cidade

O governador Geraldo Alckmin esteve neste sábado (18) na cidade de Peruíbe, litoral sul do Estado, para participar da cerimônia de inauguração das novas instalações da Escola Técnica Estadual (Etec). O evento aconteceu no dia do aniversário do município e contou com a presença da diretora-superintendente do Centro Paula Souza, Laura Laganá, além de outras autoridades.

Localizado no bairro de Três Marias, o novo prédio possui 10 salas de aula, 8 laboratórios (Costura, Criação, Desenho e Ilustração, Ensaios de Materiais, Informática, Logística, Multiuso e Topografia), auditório, biblioteca, salas administrativas, quadra poliesportiva e teatro arena, entre outros ambientes.

A obra teve investimento de R$ 17,3 milhões, sendo R$ 10,5 milhões provenientes do Estado e R$ 6,8 milhões que vieram do Programa Brasil Profissionalizado, através de um convênio com o Ministério da Educação. Entre 2012 e 2016, o governo estadual investiu também na unidade mais de R$ 420 mil em mobiliário e equipamentos.

“A melhor maneira de comemoramos o aniversário de Peruíbe é trabalhando. Então, entregamos para os jovens, para os trabalhadores, para as famílias de Peruíbe, uma belíssima escola. Uma ETEC com 8 laboratórios, mais de 10 salas de aula, então o aluno faz junto o Ensino Médio e o Técnico, e ele sai com dois diplomas”, disse Alckmin durante a entrega da unidade.

“A ideia é ampliar a parceria com a prefeitura da cidade, que deve entrar com a merenda e o transporte escolar, para transformar as disciplinas de Turismo e Construção Civil em cursos de tempo integral”, completou o governador. Hoje, os 381 alunos da Etec estão matriculados nos cursos técnicos de Administração integrado ao Ensino Médio, Desenho da Construção Civil, Logística, Modelagem do Vestuário e Turismo Receptivo.

O município de Peruíbe faz parte da Região Administrativa da Baixada Santista, que possui outras oito Etecs nas cidades de Cubatão, Guarujá, Itanhaém, Mongaguá, Praia Grande, Santos (duas escolas técnicas) e São Vicente e duas Faculdades de Tecnologia (Fatecs), em Santos e Praia Grande.


2018

  • 05/04/2018 - Alckmin inaugura nova sede da Etec de Nova Odessa

O governador Geraldo Alckmin inaugurou nesta quinta-feira, 5, a nova sede da Escola Técnica Estadual (Etec) de Nova Odessa. Durante o evento também foi descerrada a placa do terceiro bloco da Faculdade de Tecnologia do Estado (Fatec) Americana. Ambas unidades estão localizadas na Região Administrativa de Campinas. A cerimônia contou com as presenças do vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação, Márcio França, e da diretora-superintendente do Centro Paula Souza, Laura Laganá.

“Nós estamos ampliando bastante os cursos, tanto no ensino técnico, com as Etecs, como nas Fatecs. No caso dessa Etec, que é junto com o Ensino Médio, o aluno já sai com dois diplomas”, afirmou o governador durante a cerimônia.

Etec de Nova Odessa

A unidade começou as atividades em 2010, em prédio provisório alugado pela prefeitura. O governo estadual investiu mais de R$ 20 milhões na construção da nova sede da Etec. Dividido em dois blocos, o novo espaço conta com salas de aula, laboratórios para diversas disciplinas específicas, biblioteca e auditório, entre outros ambientes. Abriga também um ginásio com quadra poliesportiva e arquibancadas.

Atualmente, a Etec tem 531 matriculados nos seguintes cursos: Administração, Administração integrado ao Ensino Médio, Informática integrado ao Ensino Médio, Marketing integrado ao Ensino Médio, Modelagem do Vestuário integrado ao Ensino Médio e Segurança do Trabalho.

Fatec Americana

Durante a inauguração da Etec de Nova Odessa, Alckmin também descerrou a placa do terceiro bloco da Fatec Americana. O Governo do Estado investiu mais de R$ 4 milhões na construção das novas instalações, que dispõem de nove salas de aula, um auditório e 11 espaços, que podem ser utilizados para atividades práticas ou teóricas, entre outros ambientes.

Implantada em 1986 no prédio da Etec Polivalente de Americana, a Faculdade de Tecnologia passou a funcionar na nova sede, que conta com dois blocos, em 2008. As instalações da Fatec foram projetadas pelo arquiteto americanense Carlos Sayão.

Com 2,5 mil alunos, a Fatec oferece os cursos superiores tecnológicos de Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Gestão Empresarial, Jogos Digitais, Logística, Produção Têxtil, Segurança da Informação e Têxtil e Moda. Ao todo, a Região de Campinas conta com 33 Etecs e 11 Fatecs.


  • 22/05/2018 - Governador Márcio França cria Etec de Guarulhos

O governador Márcio França assinou nesta segunda-feira, 21, o decreto de criação da Escola Técnica Estadual (Etec) de Guarulhos, a 74ª unidade localizada na Região Metropolitana de São Paulo. O texto foi publicado nesta terça-feira, 22, no Diário Oficial do Estado.

O Estado investiu R$ 67,1 milhões na construção do prédio da nova escola. Este valor inclui a nova sede da Faculdade de Tecnologia (Fatec) Guarulhos. As instalações estão localizadas em áreas cedidas pela Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) e Secretaria da Educação do Estado (SEE).

A implantação da Etec recém-criada está prevista para o primeiro semestre de 2019, com os cursos técnicos de Administração e Logística e dois cursos técnicos integrados ao Ensino Médio: Administração e Desenvolvimento de Sistemas.

Com a nova Escola Técnica, o Centro Paula Souza passa a administrar 223 Etecs presentes em 165 municípios.


  • 31/05/2018 - Novas Instalações da Etec de Matão

Nesta quinta-feira, 31 de maio, o governador Márcio França inaugurou as novas instalações da Escola Técnica Estadual (Etec) Sylvio de Mattos Carvalho, em Matão. A cerimônia teve a presença da diretora-superintendente do Centro Paula Souza (CPS), Laura Laganá.

O Estado investiu R$ 7,7 milhões na reforma e ampliação da unidade, integrada ao CPS em 1994. Após as obras, com os dois novos blocos pedagógicos, a área construída da Etec passou de 3,3 mil m² para 5,1 mil m².

Atualmente, as instalações da Etec, incluindo outros quatro prédios ampliados e reformados, abrigam: 15 salas de aula,19 laboratórios (sendo 8 de Informática; 1 de Máquinas Operatrizes, Processos de Fabricação e Soldagem; 1 de Comando Numérico Computadorizado (CNC); 1 de Robótica e Controlador Lógico Programável (CLP); 1 de Hidráulica e Pneumática; 1 de Metrologia, Metalografia e Ensaios Mecânicos; 1 de Eletrônica Analógica; 1 de Comandos e Máquinas Elétricas; 1 de Instalações Elétricas e Telecomunicações; 1 de Eletrônica Digital e de Eletrônica Industrial de Potência; 1 de Enfermagem; e 1 de Ciências), Centro de Memória, anfiteatro, biblioteca, salas administrativas e quadra coberta com arquibancada, entre outros ambientes.

Neste semestre, estão matriculados na unidade 912 alunos, nos cursos técnicos de Eletrotécnica, Enfermagem, Informática, Informática para internet integrado ao Ensino Médio, Mecânica, Mecatrônica, Mecatrônica integrado ao Ensino Médio e Recursos Humanos. O processo seletivo para o segundo semestre oferece 220 vagas, distribuídas entre cinco cursos. A novidade é o curso técnico de Desenvolvimento de Sistemas, no período da tarde. A prova do Vestibulinho será no dia 24 de junho.

Na oportunidade, Márcio França anunciou que a cidade vai ganhar também uma Fatec. O terreno foi vistoriado pelo governador, que vai autorizar a construção em breve. Por ora, a Fatec deve usar o prédio de uma outra escola da cidade, que será adaptado. “Vai permitir que se faça o ciclo completo: o menino entra na Etec, mas também, quem quiser, pode fazer a Faculdade Tecnológica aqui em Matão mesmo”, afirmou França.

Sobre o Centro Paula Souza

Autarquia do Governo do Estado de São Paulo vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação, o Centro Paula Souza administra as Faculdades de Tecnologia (Fatecs) e as Escolas Técnicas (Etecs) estaduais, além das classes descentralizadas – unidades que funcionam com um ou mais cursos técnicos, sob a supervisão de uma Etec –, em aproximadamente 300 municípios paulistas. Nas Etecs, o número de matriculados nos Ensinos Médio, Técnico integrado ao Médio e no Ensino Técnico, para os setores Industrial, Agropecuário e de Serviços, ultrapassa 211 mil estudantes. As Fatecs atendem mais de 81 mil alunos nos cursos de graduação tecnológica.


  • 18/06/2018 - Construção da Etec em Teodoro Sampaio

O governador Márcio França assinou, também, Ordem de Início de Serviços (OIS) para a construção da nova sede da Escola Técnica Estadual (Etec) Profª Nair Luccas Ribeiro, em Teodoro Sampaio. O valor da obra soma mais de R$ 13,2 milhões, sendo R$ 8,8 milhões de investimento do Estado e R$ 4,4 milhões que resultaram do Programa Brasil Profissionalizado, pelo convênio com o Ministério da Educação.

Entre os ambientes previstos nas novas instalações da Etec estão 12 salas de aula, 8 laboratórios (como os de Informática e Microbiologia), biblioteca, auditório, teatro de arena, quadra poliesportiva coberta e com arquibancada e salas administrativas. A área construída da futura sede supera 5,7 mil metros quadrados.

Implantada em 1997, a Escola Técnica conta atualmente com 460 alunos, distribuídos entre o Ensino Médio e seis cursos técnicos: Administração, Agroindústria, Agronegócio, Informática, Logística e Informática para Internet integrado ao Ensino Médio. O processo seletivo para o segundo semestre de 2018 oferece 40 vagas para o curso de Logística, no período da noite. A prova do Vestibulinho será no dia 24 de junho.

Novas ETECs

Em 2010 eram 192 Etecs.

Entre 2011 e 2016 foram implantadas 28 Etecs.

Atualmente as 220 Etecs estão presentes nas 16 regiões administrativas do Estado.

Existem também 301 classes descentralizadas (CDs), unidades que oferecem um ou mais curso técnico, sob a administração de uma Etec. Estas 301 CDs incluem 149 escolas pela parceria com prefeituras, 130 escolas estaduais pela parceria com a SEE e 22 CEUs pela parceria com a Prefeitura da Capital. As aulas são ministradas em mais de 900 turmas. Total de matriculados nas CDs: 29.426 alunos.

No 1º semestre de 2016, eram mais de 213 mil alunos matriculados nas Etecs. Esse número inclui os 29.426 alunos das CDs. Os dados do segundo semestre estão em fase de consolidação.

  • Em 2011 foram criadas 11 Etecs nos municípios de: Barueri, Cerquilho, Guariba, Itaquaquecetuba, Lençóis Paulista, Monte Alto, Presidente Prudente, São Paulo - 3 ( Brooklin, Mandaqui e Pirituba), e Tietê.
  • Em 2012 foram criadas 6 Etecs nos municípios de: Ibaté, Itapetininga, Peruíbe, Santana de Parnaíba (a segunda Etec do município), São Paulo (Santa Ifigênia) e Sorocaba (a terceira Etec do município).
  • Em 2013 foram criadas 2 Etecs nos municípios de Jandira e São Paulo (Esportes - Vila Maria).
  • Em 2014, foram criadas 7 Etecs nos municípios de Apiaí, Arujá, Caieiras, Mairiporã, Rio Grande da Serra, Santa Fé do Sul e São Paulo (Sebrae - Campos Elíseos).
  • Em 2015, foi criada 1 Etec na Capital (Itaquera II).
  • Em 2016, foi criada 1 Etec, a de Santa Cruz das Palmeiras


Novas ETECs em obras

Estão em andamento obras em quatro futuras Etecs. E há previsão de licitação de uma quinta unidade: Itapevi.

  • Futura Etec Guarulhos (no mesmo campus onde está sendo construída a nova sede da Fatec Guarulhos). A obra tem término previsto para setembro de 2017.
  • Futura Etec Sumaré. A obra tem término previsto para agosto de 2017.
  • Futura Etec de Itupeva. A construção do prédio que vai abrigar a futura Etec está a cargo da Prefeitura. Obra já iniciada.
  • Futura Etec de Taboão. A Prefeitura de Taboão da Serra disponibilizou o terreno localizado na Praça Miguel Ortega s/nº, para abrigar a sede da futura Etec. A construção do prédio que vai abrigar a futura Etec resulta da parceria com a Secretaria Estadual de Educação. A Fundação para o Desenvolvimento da Educação (FDE) é responsável pela construção do imóvel. As obras de construção do Bloco 1 estão em andamento.
  • Futura Etec de Itapevi. A sede da Etec será construída com recursos do Governo do Estado em terreno cedido pela Prefeitura.


Três ETECs vão ganhar nova sede

  • Etec de Nova Odessa – implantada em 2009 - O Estado investe na construção da nova sede. Valor do investimento em obras: R$ 16.203.415,81 (término previsto em fevereiro de 2017).
  • Etec de Peruíbe – implantada em 2009. A Etec vai ganhar uma nova sede, com investimento do Estado e do Programa Brasil Profissionalizado (Convênio MEC). Valor total da obra: R$17.314.123,48. Esse valor inclui o investimento do Estado: R$ 10.511.384,00 e o investimento do Programa Brasil Profissionalizado (convênio com o MEC): R$ 6.802.739,48. Iniciada em agosto de 2013, a obra está concluída. Situação atual: No momento, a unidade aguarda a instalação da rede de esgoto.
  • Etec de Teodoro Sampaio – implantada em 2007. Informações sobre a nova sede da Etec – A Prefeitura doou ao Centro Paula Souza o terreno que vai abrigar a nova sede da Etec. A obra tem investimento do Estado e do Programa Brasil Profissionalizado (convênio MEC). Valor total da obra: R$ 13.258.045,61, sendo R$ 7,5 milhões de investimentos do Estado e R$ 5,6 milhões do Programa Brasil Profissionalizado. Iniciada em junho de 2015, a obra no momento está parada devido a problemas da empresa.


ETECs programadas

  • A implantação de sete futuras Etecs já foram autorizadas pelo governador.
  • No entanto, as obras para abrigar as novas unidades aguardam recursos financeiros. Em função do Decreto Estadual nº 61.132/2015, que dispõe sobre medidas de economia e contenção de despesas, o Centro Paula Souza ainda não tem previsão de licitação e de início de obra destas escolas.
  • Futuras Etecs com implantação prevista: Agudos, Capital (Itaim Paulista), Cravinhos, Itapecerica da Serra, Martinópolis, Santos (a terceira Etec do município) e São Vicente (a segunda Etec do município).


Alunos do ensino médio em tempo integral do Paula Souza

  • No 1º semestre de 2016 estavam matriculados 51 mil alunos nos cursos técnicos integrados ao Ensino Médio em 257 unidades (esse número inclui 205 Etecs e 52 classes descentralizadas).


Ver também

Links externos