Região de Presidente Prudente

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar
Região de Presidente Prudente
RA Presidente Prudente.jpg
Principais cidades Presidente Prudente e Dracena
Nº de municípios 53
População 839.464 habitantes
Divisão dos municípios por Regiões de Governo
Adamantina Adamantina, Flora Rica, Flórida Paulista, Inúbia Paulista, Irapuru, Lucélia, Mariápolis, Osvaldo Cruz, Pacaembu, Pracinha, Sagres, Salmourão
Dracena Dracena, Junqueirópolis, Monte Castelo, Nova Guataporanga, Ouro Verde, Panorama, Paulicéia, Santa Mercedes, São João do Pau d'Alho, Tupi Paulista
Presidente Prudente Alfredo Marcondes, Álvares Machado, Anhumas, Caiabu, Caiuá, Emilianópolis, Estrela do Norte, Euclides da Cunha Paulista, Iepê, Indiana, Marabá Paulista, Martinópolis, Mirante do Paranapanema, Nantes, Narandiba, Piquerobi, Pirapozinho, Presidente Bernardes, Presidente Epitácio, Presidente Prudente, Presidente Venceslau, Rancharia, Regente Feijó, Ribeirão dos Índios, Rosana, Sandovalina, Santo Anastácio, Santo Expedito, Taciba, Tarabaí, Teodoro Sampaio

Segurança

A Região de Presidente Prudente forma o Deinter 8. Além disso, o município de João Ramalho, da Região de Marília, também faz parte do Deinter 8.

Unidades prisionais existentes

Município Tipo Capacidade População
Caiuá
Centro de Detenção Provisória
844
715
Dracena
Penitenciária
844
1.839
Flórida Paulista
Penitenciária
844
2.024
Irapuru
Penitenciária
844
2.144
Junqueirópolis
Penitenciária
873
1.506
Lucélia
Penitenciária + Ala de Progressão Penitenciária
1.440+110
2.159+178
Marabá Paulista
Penitenciária Compacta
844
1.816
Martinópolis
Penitenciária
872
1.665
Osvaldo Cruz
Penitenciária
844
1.582
Pacaembu
Penitenciária
873
2.213
Centro de Progressão Penitenciária
686
1.762
Centro de Detenção Provisória I
823
765
Centro de Detenção Provisória II
823
798
Pracinha
Penitenciária
844
1.975
Presidente Bernardes
Centro de Readaptação Penitenciária**(masc. e fem.)
145+40
75+0
Penitenciária + Ala de Progressão Penitenciária
1.247+204
2.073+215
Presidente Prudente
Penitenciária + ARSA
696+247
1.346+606
Centro de Ressocialização + ARSA
142+72
123+85
Presidente Venceslau
Penitenciária I + APP
781+112
517+121
Penitenciária II
1.280
799
Tupi Paulista
Penitenciária
844
1.815
Penitenciária Feminina + Ala de Progressão Penitenciária
718+72
848+149
**Disciplinar Diferenciado


Novo COPOM

O Governo do Estado de São Paulo inaugurou, no dia 19 de abril de 2013, um novo e moderno sistema no Centro de Operações (Copom). Investimento de R$ um investimento de R$ 6 milhões no novo prédio do COPOM, moderno, equipado, alta tecnologia, sistema de comunicação digital, funcionando 24 horas, atendendo 850 mil pessoas, as viaturas com computação embarcada e tablet.

Saúde

A Região de Presidente Prudente forma o Departamento Regional de Saúde XI - Presidente Prudente. Duas cidades da RA de Marília também compõem o DRS XI: João Ramalho e Quatá.

Além disso, 9 municípios da RA de Prudente (Adamantina, Flórida Paulista, Inúbia Paulista, Lucélia, Mariápolis, Osvaldo Cruz, Pacaembu, Sagres, Salmourão) participam do DRS IX - Marília.

Hospitais

Hospital do Câncer de Presidente Prudente

Atualizado em: 28 de fevereiro de 2014

O Hospital Regional do Câncer de Presidente Prudente começou a ser construído como um anexo da Santa Casa em 2002, pela Associação de Apoio ao Portador de Câncer, utilizando doações. O governo do Estado chegou a repassar a quantia de R$ 1 milhão para a obra, durante a gestão anterior de Geraldo Alckmin, em 2003.

Em 2009, uma verba de R$ 20 milhões foi disponibilizada para que a construção deixasse de ser um anexo e se tornasse um hospital independente. O acordo pôs fim à ação de execução movida contra a estatal CESP, por conta de impactos ambientais causados a nove municípios à margem do Rio Paraná, que tiveram áreas inundadas em razão da instalação do reservatório da Usina Hidrelétrica Sérgio Motta.

Para isso, os Ministérios Públicos Estadual e Federal exigiram a criação de uma fundação que administrasse o local, o que foi feito. Foi criada a Fundação do Hospital Regional do Câncer da Santa Casa de Presidente Prudente, cujo presidente é José Hilário Pasquini, e doada parte do terreno da Santa Casa para a Fundação.

Da verba de R$ 20 milhões prometida pela Cesp, R$ 10 milhões foram depositados no ano de 2009. O restante foi pago em 20 parcelas de R$ 500 mil, desde 14/06/2010. Essas parcelas foram pagas corretamente à Caixa Econômica Federal, sendo a última depositada no mês de janeiro de 2012.

P.S.:Não há mais nenhuma previsão de repasse do Estado para a obra do Hospital

A obra:

O valor total do empreendimento é de R$ 40 milhões. Já foram investidos os R$ 20 milhões repassados pela CESP. A quantia de R$ 10 milhões também já foi investida pela Associação de Apoio ao Portador de Câncer. Ainda falta a captação de R$ 3,7 milhões para o término da construção, já que  a empresa ALL (América Latina Logística) doou R$ 5 milhões e o valor de R$ 1,3 milhão foi arrecadado por meio de um leilão beneficente promovido pela Fundação.

A quantia já depositada pela CESP será utilizada para o pagamento dos vencedores das licitações, designados para a continuidade da obra.

- A empresa vencedora da licitação é a Encotel Engenharia Construções e Locações e o valor do contrato foi fechado em R$ 3.540.000,00. A estimativa é de que as obras de estrutura e alvenaria terminem em 2013.

A segunda etapa da obra é referente à área complementar de 5 mil m². Inicialmente, o projeto do hospital contemplava uma área de 9 mil m², no entanto, antes do processo de licitação, foi realizada a regularização da documentação técnica e de licenças, incluindo a nova planta do local, com a inclusão de novas áreas não previstas no projeto original, como UTI, centro cirúrgico, lavanderia e outros.

- Com a obra complementar, o Hospital do Câncer abrangerá uma área de 14 mil m². A estimativa é de que a segunda etapa seja concluída em dois anos.

Fonte: AI SES

Hospital Regional de Porto Primavera em Rosana

Atualizado em: 28 de fevereiro de 2014

Novo prédio do Hospital inaugurado em 09 de novembro de 2013. Total de leitos: 60. Valor: R$ 22,7 milhões.

Orçamento de custeio 2011: R$ 9.600.000,00 Orçamento de custeio 2012: R$ 9.888.000,00

(OSS – Associação Lar São Francisco de Assis na Providência de Deus)

Orçamento 2011: R$9.6000.000,00 Orçamento 2012: R$10.656.000,00 Orçamento 2013: R$12.960.000,00

Produção em 2012

Internações: 13.393 / ano Cirurgias ambulatoriais: 790 / ano Consultas médicas: 23.659 / ano

Fonte: AI SES

Hospital Estadual De Presidente Prudente – Dr. Odilo Antunes de Siqueira

Orçamento 2011: R$14.628.000,00 Orçamento 2012: R$16.547.000,00 Orçamento 2013: R$19.000.000,00

Produção em 2012

Internações: 40.908 / ano Cirurgias leito/ dia: 29.028 / ano Consultas médicas: 213.000 / ano

Hospital Regional de Presidente Prudente

Repasse extra:

Além do custeio da unidade, a Secretaria da Saúde repassou R$ 1 milhão em 2012, pago em parcela única em maio de 2012. O investimento foi destinado à compra de equipamentos hospitalares. Orçamento 2011: R$95.645.000,00 Orçamento 2012: R$98.514.350,00 Orçamento 2013: R$116.425.211,00

Produção em 2012

Internações: 20.442 / ano Consultas médicas: 98.284 / ano

AME

Presidente Prudente - Inaugurado em de março de 2010

Orçamento 2012: R$12.000.000,00 Orçamento 2013: R$16.624.000,00 Produção em 2012: Consultas médicas: 78.609 Consultas não médicas: 11.619 Cirurgias ambulatoriais: 6.452 Serviço de atendimento externo: 21.147

Dracena - Inaugurado em 29 de agosto de 2009

Orçamento 2012: R$12.096.000,00 Orçamento 2013: R$12.724.992,00 Produção em 2012: Consultas médicas: 109.409 / ano Consultas não médicas: 42.799 / ano Cirurgias ambulatoriais: 2.810 / ano

Santas Casas

Convênios (2011-2013): R$ 14 milhões.

Outros repasses extras para a região: A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo liberou em 2013, um repasse extra de R$ 13 milhões para auxiliar Santas Casas, hospitais filantrópicos e Apaes de todo o Estado. Na região de Presidente Prudente, o repasse foi de R$ 565.926,96 para 24 entidades de 15 municípios, sendo os municípios de Álvares Machado, Dracena, Martinópolis, Panorama, Pirapozinho, Presidente Bernardes, Presidente Epitácio, Presidente Prudente, Presidente Venceslau, Rancharia, Regente Feijó, Rosana, Santo Anastácio, Teodoro Sampaio e Tupi Paulista.

'Programa Pró-Santas Casas 2013 – Valores mensais '

Santa Casa de Junqueirópolis - R$ 35.000,00 Santa Casa de Presidente Prudente - R$ 126.000,00 Santa Casa de Presidente Venceslau - R$ 35.000,00 Hospital e Maternidade de Rancharia - R$ 21.000,00

Não estão recebendo: As santas casas de Tupi Paulista (R$ 35.000,00) e de Presidente Epitácio (R$ 35.000,00), apesar de estarem inscritas no programa Pró-Santas Casas, não podem receber os repasses, pois não possuem Certificado de Regularidade Cadastral de Entidades, emitido pela Corregedoria Geral da Administração do Estado de São Paulo.

O Hospital Regional de Teodoro Sampaio está sob intervenção municipal. Até que a situação do hospital seja regularizada, a unidade não poderá receber os repasses. O DRS está apoiando o município na elaboração de planos para melhorias do hospital

Entrega de Vans a Ambulâncias

  • Ambulâncias (2): Caiuá e Ribeirão dos Índios. Valor unitário: R$ 101 mil. Valor total: R$ 202 mil. OBS: Já foram entregues outras 7 ambulâncias para a região (Estrela do norte, Indiana, Narandiba, Presidente Venceslau, Santo Expedito, Taciba e Tupi Paulista).
  • Vans (13): Alfredo Marcondes, Álvares Machado, Anhumas, Caiabu, Dracena, Flora Rica,

Iepê, Irapuru, João Ramalho, Junqueirópolis, Marabá Paulista, Pirapozinho e Presidente Epitácio. Valor unitário: R$ 83 mil. Valor total: R$ 1,1 milhão. Valor total: R$ 1,3 milhão.

  • Entrega de 1 van entregue em 19/dez/2013. Valor: R$ 83 mil. Santo Anastácio.

Foram entregues em 10 de maio de 2013, as 50 novas unidades de resgate que ampliarão e renovarão a frota do atendimento médico a vítimas de acidentes e violência em todo o Estado. O investimento da Secretaria da Saúde foi de R$ 6,5 milhões. Presidente Prudente foi contemplada com 2 unidades.

SP Amigo do Idoso

Região aderiu ao programa em fev/2013. Repasse total: R$ 4,4 milhões. Programado: Centro Conviver. Valor: R$ 250 mil.

Unidades de Cuidados Prolongados (Programa SP Amigo do Idoso)

Estão sendo estudadas as possibilidades de implantação de UCPs na região de Presidente Prudente entre o DRS e a Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, porém não há definição sobre prazos.

GRAU

  • Presidente Prudente será contemplada com uma base até março de 2014.

Rede Hebe Camargo

Santa Casa de Presidente Prudente (Rede Hebe Camargo) Em execução: Implantação do Centro de Oncologia. Término: janeiro/2015. Valor: R$ 21 milhões. OBS: Recursos do acordo da CESP com o MP (TAC).

Rede Lucy Montoro

Presidente Prudente. Programado: Expansão e modernização da unidade. Término: 2015. Valor: R$ 1 milhão. Situação: Projeto básico pronto. Aguardando liberação de verba. OBS: Funciona parcialmente no Hospital Regional. Com essas obras, atenderá o público em prédio próprio.

Ambulift

Aeroporto de Presidente Prudente. Quantidade:1. Data de entrega: 19/04/2013. Investimento: R$ 214.285,72.

Centro Novo Dia

  • Dracena e Osvaldo Cruz (Quero Vida).

Cartão Recomeço

Lançado em 11/11/13. Associação Prudentina para Prevenção dos Vícios e Recuperação de Vidas: 12 vagas. 11 cidades foram escolhidas para o atendimento nesta etapa do Programa Recomeço e Presidente Prudente foi uma das cidades contempladas.

Repasses extras

Repasses extras da Secretaria da Saúde à região de Presidente Prudente

Atualizado em: 10 de outubro de 2012

Além do Programa Pró Santas Casas, a SES repassou, em 2011, R$ 2.863.075,00 por meio de Termos Aditivos para 28 unidades de saúde da região de Presidente Prudente. Os recursos foram usados para compra de equipamentos, custeio de materiais de consumo e recursos humanos.   - Em 2012, foram repassados R$ 344.415,10 por meio de Termos Aditivos para as seguintes instituições:


Prudente.ses.jpg

Todos os repasses foram pagos em 13/7/12, com exceção do valor de R$ 20 mil para a Apae de Presidente Venceslau, que será feito após publicação no Diário Oficial (outubro/12).

Fonte: AI SES

Programa Qualis UBS

Em julho/12, a Secretaria da Saúde investiu R$ 3,5 milhões na região de Presidente Prudente, por meio do programa Qualis UBS, para a modernização de salas das Unidades Básicas de Saúde (UBS). O repasse será usado para aquisição de equipamentos, instrumental e mobiliários. O Programa contemplou 45 municípios da região.

Fonte: AI SES

Mortalidade infantil

Taxa de Mortalidade Infantil - Óbitos por Mil Nascidos Vivos / DRS XI Presidente Prudente
2000
2001
2002
2003
2004
2005
2006
2007
2008
2009
2010
2011
17,76
16,64
15,93
14,24
15,05
15,00
13,48
10,98
11,56
12,53
12,43
9,97


Prestação de Serviço

São Paulo Solidário

Município Nº de Beneficiados Ano
Adamantina
301
2013
Alfredo Marcondes
47
2013
Álvares Machado
420
2013
Anhumas
109
2013
Caiabu
101
2013
Caiuá
227
2012
Dracena
329
2013
Emilianópolis
38
2013
Estrela do Norte
53
2013
Euclides da Cunha Paulista
538
2012
Flora Rica
65
2012
Flórida Paulista
310
2013
Iepê
204
2013
Indiana
56
2013
Inúbia Paulista
28
2013
Irapuru
183
2013
Junqueirópolis
337
2013
Lucélia
271
2013
Marabá Paulista
136
2012
Mariápolis
152
2012
Martinópolis
701
2013
Mirante do Paranapanema
1 101
2012
Monte Castelo
59
2012
Nantes
51
2012
Narandiba
127
2013
Nova Guataporanga
40
2012
Osvaldo Cruz
403
2013
Ouro Verde
341
2012
Pacaembu
310
2013
Panorama
240
2013
Paulicéia
97
2013
Piquerobi
104
2012
Pirapozinho
507
2013
Pracinha
35
2012
Presidente Bernardes
294
2013
Presidente Epitácio
1 172
2013
Presidente Prudente
2 667
2013
Presidente Venceslau
647
2013
Rancharia
620
2013
Regente Feijó
264
2013
Ribeirão dos Índios
70
2013
Rosana
1 119
2013
Sagres
36
2012
Salmourão
187
2012
Sandovalina
168
2013
Santa Mercedes
57
2013
Santo Anastácio
642
2013
Santo Expedito
70
2013
São João do Pau d'Alho
9
2013
Taciba
117
2013
Tarabaí
214
2013
Teodoro Sampaio
964
2013
Tupi Paulista
55
2013


Poupatempo

Unidades existentes

Unidades Fixas do Poupatempo na Região de Presidente Prudente
Ano Unidade
2010
Presidente Prudente


Atendimentos realizados

Consolidado dos atendimentos - Poupatempo 2013 (Região de Presidente Prudente)
Unidade janeiro fevereiro março abril maio junho julho agosto setembro outubro novembro dezembro
Presidente Prudente
50.703
29.922
28.277
34.375
33.149
31.186
36.084
41.797
49.295
54.474
48.628
45.553


DADE

Atualizado em: 28 de fevereiro de 2014

Na região de Presidente Prudente, o Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias (DADE) destinou para:

  • Cunha

R$ 1.903.613,70 (2012)

R$ 1.690.314,02 (2012)

  • Paranapanema

R$ 2.037.725,80 (2012)

R$ 1.877.101,27 (2011)

  • Presidente Epitácio

R$ 2.153.114,10 (2012)

R$ 1.923.782,42 (2011)

Valor total para a cidade (de 2011 a 2013): R$ 6,5 milhões.

Fonte: AI SETUR

Transportes

A Região de Presidente Prudente forma, junto com três munícipios da Região de Marília (João Ramalho, Parapuã e Rinópolis), o DR 12 - Presidente Prudente.

Aeroportos

Aeroporto de Dracena

  • Obra aguardando homologação: Infraestrutura para implantação de VFR-Noturno (voos de regras visuais) e balizamento noturno. Investimento: R$ 1,2 milhão. Início: janeiro de 2012. Término: setembro de 2012. Status: aguardando homologação por parte do DECEA (Departamento de Controle do Espaço Aéreo) e ANAC.
  • Obras concluídas em 2012: Recapeamento dos sistemas de pistas, pátio, acessos, construção de turn around (área de giro na pista); ampliação da pista de rolamento e grooving. Investimento: R$ 2 milhões. Início: outubro de 2011. Término: março de 2012.
  • Implantação de alambrado. Investimento: R$ 678 mil. Início: dezembro de 2011. Término: setembro de 2012.

Aeroporto de Presidente Prudente

  • Em execução: Readequação da infraestutura, construção de via de acesso aos hangares e infraestrutura de energia elétrica. Valor: R$ 2,4 milhões. Término: maio/2013.
  • Concluído: Aquisição de veículos de combate a incêndio. Valor: R$ 1,5 milhão

Aeroporto de Presidente Epitácio

  • Obra concluída: Construção de alambrado padrão. Investimento: R$ 518 mil. Prazos: início em dezembro de 2011. Término em junho de 2012.

Melhor Caminho

  • Municípios contemplados: 37 (de 48 municípios da RA). Extensão: 241,4 km. Valor: R$ 34 milhões.

Ferrovia Norte-Sul

TV Fronteira deve questionar GA sobre o interesse do Governo do Estado na defesa da alteração do traçado da ferrovia para contemplar a região de Prudente.

Segundo o secretário adjunto de Transportes, Moacir Rossetti e o deputado estadual Mauro Bragato (PSDB), o traçado da ferrovia está definido desde a época da presidência de José Sarney. O que está em discussão é a alteração do traçado do ramal de Mato Grosso do Sul. O Estado vizinho defende um traçado que encurtaria a distância entre Dourados e o Porto de Santos. Já São Paulo defende um traçado que beneficie a região de Presidente Prudente.

Bragato, líder da Frente Parlamentar em Defesa da Malha Ferroviária Paulista, advoga em favor do pleito da prefeitura de Rosana, que pede a mudança do ramal de modo a usar a infraestrutura da hidrelétrica de Porto Primavera, da CESP. A companhia já se disse favorável à alteração.

Segundo a proposta paulista, o traçado traria economia de R$ 4 bilhões aos cofres públicos. A próxima reunião da Frente Parlamentar será no dia 14/11, em Brasília, com a EPL (Empresa de Planejamento e Logística), do governo federal.

Rodovias

SP 270 - Rodovia Raposo Tavares Em execução:

  • Presidente Prudente/Álvares Machado: Duplicação do km 572 ao km 575,5 e do km 569,5 ao km 569,9. Valor: R$ 7,7 milhões. Término: março/2014.
  • Regente Feijó: Duplicação do km 537,9 ao km 542. Valor: R$ 8 milhões. Término: março/2014.
  • Regente Feijó/Pres. Prudente/Rancharia/Pres. Venceslau/Pres. Bernardes: Melhorias em 6 dispositivos e implantação de 5 dispositivos. Valor: R$ 28,2 milhões. Término: março/2014.
  • Rancharia/Martinópolis/Regente Feijó/ Pres. Prudente/Álvares Machado/Pres. Bernardes/ Santo Anastácio/Piquerobi/Pres. Venceslau /Caiuá/Pres. Epitácio: Recapeamento do km 523,8 ao km 654,6. Valor: R$ 75,3 milhões. Sem previsão de término.

SP 294 - Comandante João Ribeiro de Barros

Em execução:

  • Adamantina/Flórida Paulista/Pacaembu/ Irapuru/Junqueirópolis/Dracena/Tupi Paulista (4 lotes): Recapeamento da pista, pavimentação de acostamentos e melhorias do km 592,7 ao km 658,4. Ext.: 65,7 km. Valor: R$ 137,8 milhões. Término: ago/2014.

SP 425 - Rod. Assis Chateaubriand

Em execução:

  • Parapuã/Martinópolis (2 lotes): Recapeamento da pista, pavimentação dos acostamentos e melhorias do km 374,3 ao km 418. Ext.: 43,7 km. Valor: R$ 70 milhões. Término: out/2014.

SP 483 - Rod. José Batista de Souza + SP 421, S/D

Em execução: Regente Feijó/Taciba: Recapeamento da pista, pavimentação dos acostamentos e melhorias do km 0 (SP 270) ao km 41,2 (SP 483) e do km 146,2 ao km 150,2

SP 421 - Rodovia Prefeito Jorge Bassil Dower / José Bassil Dower

Valor: R$ 33,8 milhões. Término: ago/2013.

Educação

Diretorias de Ensino da Região de Presidente Prudente

Atualizado em: 14 de setembro de 2012

Na Região de Presidente Prudente, atuam as seguintes Diretorias de Ensino da Secretaria de Estado da Educação:

  • Adamantina (Adamantina, Dracena, Flora Rica, Flórida Paulista, Inúbia Paulista, Irapuru, Junqueirópolis, Lucélia, Mariápolis, Monte Castelo, Nova Guataporanga, Osvaldo Cruz, Ouro Verde, Pacaembu, Panorama, Paulicéia, Pracinha, Sagres, Salmourão, Santa Mercedes, São João do Pau d'Alho, Tupi Paulista)
  • Mirante do Paranapanema (Estrela do Norte, Euclides da Cunha Paulista, Mirante do Paranapanema, Narandiba, Rosana, Sandovalina, Tarabaí, Teodoro Sampaio)
  • Presidente Prudente (Alfredo Marcondes, Álvares Machado, Anhumas, Caiabu, Indiana, Martinópolis, Pirapozinho, Presidente Prudente, Regente Feijó, Santo Expedito, Taciba)
  • Santo Anastácio (Caiuá, Emilianópolis, Marabá Paulista, Piquerobi, Presidente Bernardes, Presidente Epitácio, Presidente Venceslau, Ribeirão dos Índios, Santo Anastácio)

Fonte: AI SEE


Etecs

Unidades existentes

Município Etec Início de

Funcionamento

Adamantina
Etec Eng. Herval Bellusci
1971
Etec Prof. Eudécio Luiz Vicente
1946
Dracena
Etec Profª. Carmelina Barbosa
1972
Osvaldo Cruz
Etec Amin Jundi
1962
Presidente Prudente
Etec Prof. Dr. Antônio E. de Toledo
1942
Etec Professor Adolpho Arruda Mello
2011
Presidente Venceslau
Etec de Presidente Venceslau
1986
Rancharia
Etec Dep. Francisco Franco
1968
Teodoro Sampaio
Etec Professora Nair Luccas Ribeiro
2006


Obras e investimentos

  • Ampliação da ETEC Presidente Prudente I. Valor: R$ 10 milhões. Término: set/2013. Cursos: Ensino Médio, Açúcar e Álcool, Administração, Administração (Telecurso TEC), Agrimensura, Agroindústria (novidade no 1º sem 2013), Agropecuária, Agropecuária integrado ao Ensino Médio, Florestas, Informática e Meio Ambiente.
  • Implantação em 2011, da ETEC Presidente Prudente II. Cursos: Contabilidade, Informática para Internet, Marketing, Redes de Computadores e Serviços Jurídicos.
  • Reforma e ampliação da unidade Amim Jundi Osvaldo Cruz (Presidente Prudente). Entregue: 04/11/2011. Investimento de R$ 1,8 milhão


Unidades entregues a partir de 2011

Unidades inauguradas em 2011/2014 - Região de Presidente Prudente
Unidade Município Inauguração Investimento OBS
Professor Adolpho Arruda Mello
Presidente Prudente
01/07/2011
R$ 130 mil
Investimentos em mobiliário e equipamento. O prédio cedido pela Secretaria de Educação, adequado pela Prefeitura


Fatecs

Unidades existentes

FATEC Município Início de

Funcionamento

Fatec Presidente Prudente
Presidente Prudente
2007


Obras e investimentos

  • Nova sede da FATEC Presidente Prudente concluída. Valor: R$ 11,2 milhões. Cursos: Agronegócio, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Eventos e Gestão Empresarial.

Expansão de escolas

  • Criação de 4,5 mil novas vagas (4 novas escolas e 3 ampliações). Valor: R$ 9,9 milhões.

Unesp

  • Dracena: Engenharia Agronômica (iniciado em 2013). Vagas: 40.

Via Rápida Emprego

  • Em execução: Construção de Posto fixo em Presidente Prudente. Valor: R$ 2,3 milhões. Término: set/2013.

Vagas 2012: 1.836 Vagas 2013: 3.464 vagas.

Acessa Escola

No dia 06/01/14 foi anunciada a ampliação e renovação dos equipamentos do Acessa Escola. Em Presidente Prudente, 623 alunos serão contemplados. Além disso, 2,4 mil equipamentos serão destinados à região. Investimento: falta inserir

Escolas de Ensino Integral

  • Concluído em 2013: Presidente Prudente - Unidade Prof. Joel Antônio de Lima Genésio

Transporte Escolar

Em 31/01/14, a região recebeu 28 ônibus escolares. Ao todo serão beneficiados 13 municípios (Álvares Machado, Caiabu, Emilianópolis, Indiana, Marabá Paulista, Martinópolis, Pirapozinho, Piquerobi, Presidente Bernardes, Presidente Epitácio, Presidente Venceslau, Santo Anastácio e Santo Expedito). Investimento: R$ 4,2 milhões.

Habitação

CDHU

Em execução: 70 uhs no CH Pres. Prudente AB (1a fase). Início: out/2013. Término: março/2015. Valor: R$ 6,8 milhões.

Vila Dignidade

  • 24 unidades em dezembro de 2011.

Saneamento e Recursos Hídricos

Atualizado em: 28 de fevereiro de 2014

Sabesp

Em 17/11/12, o governador Geraldo Alckmin inaugurou em Adamantina a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Oeste. Com investimento de mais de R$ 11 milhões, a obra garante saneamento básico para 20 mil pessoas.

A estação é responsável por receber os esgotos coletados de 60% do município. Somando-se aos 40% restantes já tratados pela Estação de Tratamento de Esgotos Leste, Adamantina, com 34 mil habitantes, tornou-se um município 300% - 100% de abastecimento de água, 100% de coleta de esgotos e 100% de tratamento.

Além da melhoria da qualidade de vida e da saúde pública, por meio da erradicação das doenças causadas pela água e queda do índice de mortalidade infantil, a ETE contribui para a despoluição do Ribeirão dos Ranchos.

A ETE – constituída por um equipamento importado da Alemanha, considerado um dos melhores e mais eficientes dispositivos de retenção de sólidos - tem capacidade para tratar 58 litros por segundo.

As obras, que tiveram início em abril de 2008, consistem em 7,8 km de interceptores e emissários, unidades de bombeamento e a estação de tratamento de esgotos.

Alckmin ressaltou a importância da nova estação de tratamento, que beneficia toda a região. De acordo com o governador, até 2013, mais de 60% dos municípios da região de Presidente Prudente terão esgotos e água tratados.

Água Limpa

Em execução:

  • Caiuá. Valor: R$ 3,7 miilhões. Término previsto: março/2014. Rancharia. Valor: R$ 4,5 miilhões. Término previsto: outubro de 2013.
  • Municípios: Álvares Machado, Presidente Epitácio, Presidente Prudente e Santo Expedito. Valor: R$ 11,3 milhões. Término: 2014.

Programado:

  • Presidente Venceslau. Implantação de ETE, EEE, coletores e emissários na zona sul. Valor: R$ 11,9 milhões. Implantação de ETE compacta e coletores na zona norte. Valor: R$ 6,1 milhões. Situação: OIS emitida em maio/2013, mas as obras não foram iniciadas visto que o projeto está sendo revisado. Água: 99%. Coleta: 98%. Tratamento: 0%.

OBS: Com essas obras, o município se tornará 300%.

Concluído:

  • Municípios: Adamantina, Piquerobi e Regente Feijó. Valor: R$ 11,6 milhões.

Fonte: AI Sabesp

Agenda do governador na Região

Clique aqui e veja quais cidades da Região o governador visitou, desde janeiro de 2011.



Ver informações sobre outras Regiões