Coletiva - Abertura da World Summit of Federated States and Regions - 20122006

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Transcrição da coletiva na Abertura da World Summit of Federated States and Regions

Local: Rio de Janeiro - Data: 19/06/2012

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Falar uma palavra importante aí da participação dos estados federados na questão de toda a sustentabilidade, dizer que a possibilidade dos estados legislarem, inclusive, de forma complementar na questão ambiental. São Paulo, ao lado da Califórnia, tem uma legislação estadual no sentido de redução de emissão de gases de efeito estufa. Nosso compromisso é ampliar energia renovável, 55 para 79%, ampliação de rede de Metrô e trem. Amanhã nós assinamos dois financiamentos com o presidente do BNDES, totalizando 1,5 bilhão de reais para a Linha 2 do Metrô de São Paulo, obra, mais um bilhão e meio bilhão para a Linha 8 da CPTM, que é trem. Então, o nosso Rio Paraíba, um rio comum, paulista, fluminense e mineiro, o saneamento básico, é importante a erradicação da miséria. Enfim, acho que é tarefa dos estados terem esse compromisso de recuperação da Mata Atlântica, projeto [ininteligível] na Serra do Mar, então é um trabalho importante e é com alegria que venho aqui trazer um abraço ao Sérgio Cabral e participar com os colegas governadores aqui do Brasil e de outros países.


JORNALISTA: Quais são os projetos em comum, governador, do Geraldo Alckmin com o governador Cabral em termos de sustentabilidade?


GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Olha, vários, a começar pela nossa bacia hidrográfica. Nós temos a mesma bacia hidrográfica, o rio Paraíba do Sul, nasce em São Paulo, lá em Areias, Silveira, deságua em Campos dos Goytacazes, no Rio Guandu, a água do Rio de Janeiro é do Paraíba, então o saneamento básico é uma tarefa articulada, comum. Recuperação de Mata Atlântica, também é um objetivo importante, nós temos um trabalho grande de recuperação da Serra do Mar, mudanças climáticas, é importante esse avanço nessa questão de trem, Metrô. É o grande desafio da mobilidade urbana das grandes metrópoles. Enfim, tarefas importantes.


JORNALISTA: Esse apoio do ex-prefeito Paulo Maluf à candidatura do Fernando Haddad em São Paulo facilita um pouco a vida do PSDB em São Paulo?


GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Olha, aí cabe ao PT se pronunciar.