Coletiva - Inauguração do Poupatempo, Novo Detran e Etec 20140207

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Coletiva - Inauguração do Poupatempo, Novo Detran e Etec

Local: Caieiras - Data:02/07/2014


GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Olha, uma grande alegria de hoje inaugurar o Poupatempo do novo Detran aqui em Jacareí. O Poupatempo e o Detran já funcionando, vai atender Jacareí e a região, funcionarão também na hora do almoço, então quem estiver na hora do almoço pode vim tirar os seus documentos, funcionará também aos sábados. A maioria dos serviços eletrônicos, fotografia agora é digital, não precisa pagar nada, o maior possível de serviços eletrônicos, prova para tirar a carteira de motorista eletrônica, resultado na hora, enfim, trabalho eficiente e rápido. A outra é a Fatec, nós temos aqui uma ótima Etec, a Cônego José Bento, que está sendo reformada, e fizemos o prédio novo da Fatec, R$ 17 milhões, já está funcionando, inclusive teremos um curso inédito, que é o Tecnólogo em Geoprocessamento, então são conquistas importantes aqui para Jacareí. A duplicação da rodovia para [ininteligível] está quase pronta, e estamos recuperando e ampliando também até a Ambev, atendendo o Parque Industrial. E hoje será assinado o contrato, são R$ 14,6 milhões, e amanhã será dada a ordem de serviço para a implantação de uma pista que atenderá a Cebrace ou Cebrace, que é uma grande indústria de vidro aqui de Jacareí, no Vale do Paraíba, então a obra já deverá está sendo iniciada nas próximas semanas. Então, são parcerias importantes para o benefício de Jacareí.

REPÓRTER: Governador, sobre o hospital de São José dos Campos, como estão às coisas?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: O hospital em São José dos Campos...

REPÓRTER: Eu aproveitaria, se o senhor dissesse se tem a possibilidade de ter uma gestão compartilhada com o Município?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: O hospital de São José dos Campos foi homologado já, o consórcio vencedor é a Construção junto com a SPDM, que é a Escola Paulista de Medicina, não só faz o prédio, como constrói, equipa e administra a chamada bata cinza: limpeza, alimentação, segurança, tudo que não for a parte médica, a chamada bata branca. É um hospital com 178 leitos, 44 leitos de UTI, 8 salas de cirurgia, então um hospital voltado muito a trauma, neuro, hospital cirúrgico e alta complexidade, e fica do lado de cá da Dutra pertinho aqui de Jacareí. E ele é para atender a região, uma referência de alta complexidade cirúrgica, trauma ortopédico para a região.

REPÓRTER: Quanto tempo para começar a obra?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Eu acredito que a gente possa começar a obra, depois de assinado o contrato, o prazo para iniciar a obra é de 60 dias, acho que em 30 dias dá para começar a obra. Fica na Avenida Goiânia, no Bairro parque Industrial.

REPÓRTER: Governador, e pode ter uma gestão compartilhada com o Município?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Olha, pode. O hospital, o que a gente tem procurado fazer? A rede básica, que são as UBS, o atendimento primário, ele é todo municipal. A parte de especialidades ambulatorial é municipal e o estado também tem alguns AMEs, nós vamos ter o AME de Lorena, já vai inaugurar daqui dois meses, e vamos fazer mais um em Taubaté. A parte hospitalar, também as prefeituras maiores tem hospital, e o Estado tem uma grande rede, nós não tínhamos aqui no Vale do Paraíba nenhum hospital estadual, nenhum. Em Campinas tem, em Ribeirão Preto tem, em Rio Preto, o estado inteiro, as grandes cidades, o Vale não tinha. Então, nós compramos o Hospital Santa Isabel em Taubaté, que é o Hospital Regional, e encampamos o Hospital Universitário, o HU, porque entrou em crise, então hoje nós temos dois hospitais em Taubaté, o Complexo Hospitalar, o HU, e o Hospital Regional. E não tínhamos nenhum em São José, que é a maior cidade, São José é a oitava maior cidade do estado de São Paulo, então fizemos mais este hospital. Então, nós passaremos a ter três hospitais na região.

REPÓRTER: E sobre a Tamoios, governador?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Tamoios são cinco consórcios que se apresentaram, agora mais trinta dias a gente sabe quem é o consórcio vencedor, é uma PPP...

REPÓRTER: Governador, vai assinar o convênio com Lucy Montoro, o hospital e o AME Taubaté ainda essa semana, porque depois é campanha, tal?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Não, não tem nenhuma relação com campanha, nós precisamos primeiro definir o melhor local, elaborar projeto, mas Taubaté precisa, pelo tamanho da cidade, precisa sim ter o AME e a Lucy Montoro, isso atenderá também o Médio Vale e o Vale Histórico.

REPÓRTER: Governador, como é que vai ser receber o Eduardo Campos aqui no estado de São Paulo?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Olha, o Eduardo Campos foi meu colega, governador de estado, excelente pessoa, receberemos muito bem.

REPÓRTER: E o vice governador, você já decidiu quem vai ser?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Vice já, é o deputado federal Márcio França, que é do PSB, então fizemos uma aliança e o Márcio é o vice, PSB.

REPÓRTER: Governador, ainda sobre a região aqui, como a região vem crescendo muito, não seria mais interessante centralizar o crescimento da capital aqui para a região ao invés de transpor as águas?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Não, ninguém vai fazer transposição de água do Rio Paraíba, não existe isso. O que existe é o seguinte, você tem uma grande represa em Igaratá, que é a represa do Jaguari, e você tem uma represa menor do lado, em Nazaré Paulista, que é uma Atibainha. O que se pretende é interligar as represas, porque o Cantareira não é um sistema grande. Quando ele abaixa ele abaixa rápido, quando sobe ele sobe rápido e sobra água. Então a gente guardaria água na represa de Jaguari.

REPÓRTER: Não sairia mais barato para o Governo ao invés de fazer essa interligação?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Fazer o que?

REPÓRTER: Trazer os investimentos para cá, continuar incentivando a região?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Não, a região metropolitana de São Paulo tem 20 milhões de pessoas, é a terceira maior região metropolitana do mundo. Nós estamos indo buscar água, já assinamos o contrato, já está em obras, há 80 km de distância, lá a PPP do São Lourenço em Juquitiba, nós estamos buscando água lá em Juquitiba, como a gente traz água de Minas Gerais para São Paulo. É difícil você ter 20 milhões de pessoas a 700 metros de altitude, São Paulo não tem água. Agora, ninguém vai tirar a água do Paraíba, zero, zero, e a vasão do Jaguari para o Paraíba não se altera, 10 m³/s, não diminui nada, nada, nada. Apenas…O sistema Cantareira com cinco represas tem 900 milhões de capacidade de reservação. Só a Represa de Jaguari tem 1,1 bilhão, então você passa a ter dois bilhões para que na época das [ininteligível] guardar água para poder enfrentar a seca. Essas mudanças climáticas, chove demais, veja Santa Catarina debaixo d´água, e seca demais. Então o que quê faz o mundo hoje? Aumenta a capacidade de reservação, fazendo interligação de reservatórios, não tem transposição. Transposição é o que faz no Rio de Janeiro, a água chega em Barra do Piraí com 200 m³/s, você desvia 120 para o mar. E não é para abastecimento humano, é para gerar energia para a light. Dos 120 é só 40 para o abastecimento humano para o Cedae. Então aqui não tem nenhuma transposição.

REPÓRTER: A Ana já deu parecer sobre…

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Não, ainda não, mas eu acho que é tão lógico isso, tão embasado tecnicamente, não prejudica um litro que está à jusante no Rio de Janeiro, nada, nada. Eu acho que será favorável.

REPÓRTER: Governador, essa interligação ela é a sétima opção…

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: A última.

REPÓRTER: Para interligar, abastecer essa represa da Cantareira, você acha que ela ainda pode ser tratada como uma opção?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Não, ela é uma opção…Há um estudo da macrometrópole, um estudo das questões hídricas da macrometrópole, ela estava programada para 2020, o que nós estamos fazendo é estudar antecipado em razão das mudanças climáticas, ela está programada no estudo que foi feito, estudo hídrico da macrometrópole, só que era para 2020. Nós estamos estudando antecipar em razão das mudanças climáticas que são hoje…Se você pegar e entrar no google você vai ver a costa oeste dos Estados Unidos, a Califórnia toda sem água, capital da Califórnia, Sacramento, without water, sem água. Chile, Austrália, então essa é a razão de se estudar a antecipação.

REPÓRTER: Governador, dividir o palanque com Aécio Neves e Eduardo Campos não vai criar uma saia justa?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Não tem divisão de palanque, nós somos do PSDB. Nosso candidato é Aécio Neves, quem é do PSB é o Eduardo Campos, está bom?

REPÓRTER: Governador, Jacareí pode receber o Bom Prato ainda nessa gestão?

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Olha, agora o tempo é curto, mas nós sempre procuramos fazer o que? Ir nas cidades maiores, porque você atende mais pessoas, então fomos para São José dos Campos, certo? Depois, qual é a segunda cidade? Taubaté. Qual é a terceira? Jacareí, então está no pênalti lá. Caieiras