Discurso - Encerramento da Campanha do Agasalho - Sabesp - 20120110

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Transcrição do discurso da Lu Alckmin - Encerramento da Campanha do Agasalho - Sabesp

Local: Capital - Data: 01/10/2012


LU ALCKMIN, PRESIDENTE DO FUSSESP: Difícil falar agora. Edson Giriboni, secretário de Estado de Saneamento e Recursos Hídricos. Dilma Pena, desculpa, gente, eu estou emocionada. Dilma Pena, presidente da Sabesp. Joel Stucchi, presidente do ICC, Instituto Criança Cidadã. Parceiros nossos também nas duas casas de solidariedade um e dois, que atende 660 crianças que moram em cortiços. Dando oportunidade, educação, alimento. Minha querida amiga Clarice[ininteligível]. Funcionários da Sabesp. Associações de entidades, voluntários, amigos e amigas.


Me desculpe a minha emoção. Mas a hoje a gente aqui, lógico, em um momento de muita alegria. Eu vim aqui para agradecer a cada um dos funcionários da Sabesp, por essa campanha maravilhosa. Essa campanha aqui resgata, né, a autoestima das pessoas, que não é só agasalhar quem sente frio, mas vestir quem precisa trabalhar, né? Como foi dito nesse poema tão lindo de Fernando Pessoa. Então, parabenizar cada um de vocês que trabalharam tanto e trabalham há tantos anos nessa Campanha do Agasalho, né? E dizer que a nossa madrinha desde o ano passado, que foi a Hebe Camargo, que atendeu prontamente a ser a nossa madrinha. Foi no palácio, estimulou a todos nessa campanha. Essa mulher amiga, companheira, essa mulher que é um exemplo para todos nós. É uma estrela que no sábado nos deixou, mas que vai a continuar a brilhar no Brasil inteiro, com a sua alegria de viver [ininteligível] vocês que assistiam os seus programas viram como ela tratava as pessoas.


Todo mundo era bonito para ela, mas era de coração, porque ela amava a todos, né? Então, é tão gostoso a gente... A gente está triste, sente saudades, que ela partiu, mas ela vai continuar nos guiando nesse trabalho. E parabéns pelos 2,4 milhões agasalhos que vocês arrecadaram e agasalharam entidades que atendem pessoas, não é? Pessoas tão carentes. Em um mundo que a gente vê tanta criminalidade, nós precisamos nos unir através do amor da solidariedade. E a Hebe foi esse exemplo de solidariedade. Então, que nós não deixamos morrer esse amor, amor ao próximo que vocês estão mostrando aqui e que cada ano nós continuemos essa campanha aumentando cada vez mais. Sempre na busca do resgate da autoestima das pessoas.


E mais uma vez então, vocês, todos os funcionários que participaram, eu sei que aqui estão os representantes, milhares de funcionários aí que trabalharam, mas que todos vocês tenham Deus no coração, Deus nas suas famílias. Que Deus os protejam, para que a gente possa transformar o nosso Estado de São Paulo, transformar através do amor, através da solidariedade. Então, eu só tenho a agradecer a todos vocês. E que Deus esteja nos seus lares. Muito obrigada.