Discurso - Entrega dos Prêmios da Fundação Conrado Wessel 2011 - 20122506

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Transcrição do discurso da Entrega dos Prêmios da Fundação Conrado Wessel 2011

Local: Capital - Data: 25/06/2012

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR: Boa noite a todas e a todos. Ministro Ricardo Lewandowski, [ininteligível]; Ministra Delaíde Alves Miranda Arantes, governador Alberto Goldman, [ininteligível], governador Cláudio Lembo, [ininteligível], professor João Grandino Rodas, reitor da USP; Dr. Antônio Bias Bueno Guillon, presidente do Conselho Curador da Fundação Conrado Wessel, Américo Fialdini Junior, presidente da Fundação Conrado Wessel, José Caricatti, superintendente. Quero saudar, aqui, os presidentes do júri, Celita Procópio de Carvalho, [ininteligível], Renata Caruso Fialdini. Cumprimentar os nossos premiados de arte, o Gustavo Rodrigues Lacerda, Lúcio [ininteligível], Cássio Vasconcelos, Paulo Vanzolini, Jorge Kalil, Miguel [ininteligível]. Autoridades aqui inominadas, amigas, amigos. É uma grande alegria. Esse talvez seja o maior prêmio do nosso país, é esperado, é comemorado, é, para nós, uma grande satisfação participarmos dessa noite. O professor Jorge Kalil, o professor Paulo Vanzolini têm um livro muito bonito chamado répteis na América do Sul. O Jorge Kalil preside o Instituto Butantan. Eu posso dizer que são todos muito cobras, não é? Cada um na sua área de atuação. Eu queria dizer da alegria de participar. Eu acho que essa noite nos remete, primeiro, ao visionário Conrado Wessel, que deixou grande parte do seu patrimônio para essa instituição; e, segundo, a importância da sociedade civil organizada, 18 anos da Fundação Conrado Wessel, 10º ano da premiação, isso... Um país precisa de instituições sólidas, com a credibilidade e o trabalho, como é a instituição Fundação Conrado Wessel. Então, é com grande alegria que eu quero abraçar com toda a equipe que, com o seu trabalho, com a sua dedicação, nos dá, hoje, a oportunidade de termos uma instituição como essa. E abraçar os nossos premiados, que têm uma característica em comum: estudiosos, dedicados, humanistas, pesquisadores dedicados à ciência, à arte, à cultura, mas, principalmente, exercendo as suas vocações em servir às pessoas. Parabéns aos premiados.