Discurso - Inauguração da Creche Escola Bárbara Romano de Oliveira 20162306

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Discurso - Inauguração da Creche Escola Bárbara Romano de Oliveira

Local: [[]] - Data:Junho 23/06/2016

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DE SÃO PAULO: Boa tarde! Boa tarde a todos e a todas. Nossa prefeita de Adolfo, professora Rose. O Carlos Roberto [ininteligível]. Vereador Binha, presidente da Câmara. Saudando aí a todos os vereadores. Deputados, o Carlão Pignatari, o Orlando Bolçone. Prefeitos de Irapuã, Padre Oswaldo, Nova Europa o Osvaldo Mosquito. Urupês o Toni Bomba. Mendonça, o Sabia, Planalto o André. Novaes a Dulce. José Bonifácio o Edmilson. Monte Aprazível o Paulinho. [ininteligível]. Mirassolândia a Terezinha . Jaci o Garrafinha. [ininteligível] o Luciano. [ininteligível]. Quero cumprimentar os pais da homenageada, que é a patrona dessa creche, a nossa querida Bárbara de Oliveira, sua mãe Janaína, seu pai Menegildo. Os seus irmãos, o Leonardo. Sua vó [ininteligível], sua bisavó Margarida. [ininteligível] Maria Aparecida Rosário. A Sílvia Laguna, diretora da área social. O Nivaldo Fabem, gerente da nossa Sabesp na região. Mário Violli, da secretaria de desenvolvimento social. [ininteligível] delegado de polícia. Tenente coronel Rogério da Silva, comandante do batalhão. Secretário de educação, a Heidy Renata. Responsável aqui pela creche e toda a equipe. Elizabeth Santiago, assistente social [ininteligível] da melhor idade. A Lucimara Prete, professora de música do projeto Espaço Amigo. Agradecen do a belíssima apresentação. Pastor Elizeu, amigas e amigos. Primeiro pedir desculpas a vocês pelo atraso. O aeroporto de Congonhas, em São Paulo, fechou com o nevoeiro de manhã. Nós ficamos uma hora e quinze lá esperando para poder sair. Fomos a Rio Preto. Nós começamos hoje [ininteligível], a primeira vacina tetravalente contra quatro tipos de vírus da dengue, tipo um, dois, três e quatro, com uma dose só. Você imuniza a pessoa para não ter dengue. Nós vamos ter 14 centros de pesquisa no estado de São Paulo, vacinar 17 mil pessoas nessa fase três, dois do estado de São Paulo. Na capital e São José do Rio Preto. E 12... Doze fora do estado, Amazonas, Roraima, Ceará, Recife, [ininteligível], Aracaju, Cuiabá, Brasília, Mato Grosso do Sul, Porto Alegre, enfim, no país inteiro. Até o fim d o ano, comecinho do ano que vem a gente tem o resultado. Deu certo nós vamos ter a primeira vacina do mundo, tetravalente, uma dose pra evitar a dengue. E feita pelo Instituto Butantan, que é do governo do estado. Nós que desenvolvemos ela. Fizemos um novo hospital para criança e para mamãe em São José do Rio Preto também, importante os AMEs. Aqui a UBS, aqui a reforma da UBS, não é? E hoje estamos entregando essa beleza de creche. Essa é na região, aqui na região de Rio Preto nós já entregamos 15, essa é a 15ª. E temos em execução 51. No estado de São Paulo entregamos 140. Tem em obra 373. E em licitação 89. Vai dar 632 creches. As crianças de zero a cinco anos de idade. Então é creche e EMEI. É o ensino infantil. Então quando a criança entrar no primeiro ano do ensino fundamental, e la está praticamente alfabetizada. Então é esse o tipo de encontro dos maiores líderes em política para as mulheres do Brasil. [ininteligível]. Tem inúmeras políticas públicas importante para mulher. Combater a violência doméstica, saúde da mulher empregabilidade, lazer, mas o mais importante é a creche. O mais importante é a creche. Porque não é todo mundo que tem às vezes uma pessoa da família para ajudar e nem pagar uma pessoa para ajudar a cuidar. Então a creche é uma segurança, é uma tranquilidade. A creche e a EMEI. Então muito feliz com essa beleza de creche que estamos entregando junto com a Rose. E há uma [ininteligível] que perguntaram a uma mãe qual dos filhos que ela mais amava. E a mãe respondeu, ela disse: “O pequenininho até que cresça. O doente até que sare. O ausente até que volte”. Então o pequenininho até que cresça. Quanto menorzinho mais cuidado a gente precisa para fazer. Então esse é o melhor investimento para mãe, para família [ininteligível]. Então é o caminho, o caminho com todo empenho e benefício para as nossas famílias. A Rose, nós tivemos de Rio Preto para cá, como nós estamos há uma semana do prazo de assinatura do convênio, então não adianta também falar muita coisa e não dar tempo de resolver. Então nós vamos liberar um convênio de R$ 300 mil para asfalto. Ajuda a você [ininteligível]. Queria trazer uma palavra muito carinhosa à Janaína e ao [ininteligível] eles estão aqui? Ao casal. Não há dor maior do que perder um filho ou uma filha, isso dói da hora que a gente acorda. .. O único... É a inversão da ordem natural das coisas, que são os filhos enterrarem os pais. [ininteligível] não tem dor maior no mundo. O único consolo que a gente tem é que nossos filhos estão nos braços de Jesus. É ter fé para poder enfrentar essas adversidades. Quero deixar um abraço muito carinhoso para melhor idade aqui presente. E fazer uma pergunta... Fazer Rose, uma pergunta para eles. O Carlão e o Bolçone. Então vocês da melhor idade, quem é idoso é a partir de quantos anos? A partir dos 60 anos. Sessenta e cinco? Idoso é quem tem pelo menos 10 anos a mais do que nós. Então para quem tem 30, quem tem 40 já é tiozinho, não é? Quando chegar nos 40 é a partir dos 50. Quando chegar no 50 é a partir dos 60. Quando chegar nos 60 é a partir dos 70. E o Fernando Henrique di z que a vida começa aos 84. Aliás tenho que dar os parabéns para você. Qual é a região do estado de São Paulo com maior expectativa de vida média? Região de Santos 74, média, algumas pessoas vão passar de 100, mas na média é 74. Sorocaba 74. Registro 74. Tudo 74. Rio Preto, a região 76,1, 76 de média. [ininteligível] inteligente morre muito jovem, a média... A expectativa de vida média. Tanto é que quando a gente fala “Expectativa de vida média no estado de São Paulo é 75”, para quem passa dos 30, saiu da chamada vulnerabilidade juvenil, é bem mais de 80 anos. A média é, no estado de São Paulo, 75. Mas para quem passou dos 30 vai mais de 80, porque sai da chamada vulnerabilidade juvenil. Infelizmente a gente perde muito jovem por acidente, não é? Mas deixar um abraço carin hoso e dar uma outra boa notícia. O foco tem que ser emprego, emprego e emprego, renda, renda, renda, mudar o Brasil é recuperar a economia. O agronegócio vai recuperando. Até o setor sucroalcooleiro está melhorando, não é? O açúcar, o álcool, enfim, está caminhando. E uma outra fonte importante de emprego é turismo, é serviços. Então Adolfo tem quantos quilômetros de praia? Do Rio Tietê.

ORADORA NÃO IDENTIFICADA: Dezessete.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DE SÃO PAULO: Dezessete quilômetros de margem no rio. Então a Assembleia Legislativa, quero agradecer aqui o Orlando Bolçone e o Carlão Pignatari, em nome de [ininteligível] deputados estaduais, aprovaram nossa lei que vai criar nos municípios de interesse, então eles vão receber o curso [ininteligíve]. E o turismo vai crescer no Brasil, por quê? O dólar ficou muito caro. Então o sujeito que ia para Miami, ia para Cancun no México, ia para Europa, não vai mais, só [ininteligível] praia. Está muito caro. Então o pessoal vai começar a fazer turismo dentro do estado. Você pegar Campos do Jordão, está tudo lotado, está lota do. Então nós precisamos fortalecer o turismo. E ficou barato vir para o Brasil. Quem [ininteligível], o Brasil tem muita coisa bonita, não é? E um povo hospitaleiro. Então quero dizer que... A Rose já se adiantou, já preparou o plano do turismo, já fez o plano, então vamos trabalhar para gente logo logo, se Deus quiser, ter Adolfo uma cidade de interesse turístico, recebendo recursos convênios para fortalecer o turismo e com isso gerar mais emprego no setor de serviços.

ORADOR NÃO IDENTIFICADO: Mais ou menos R$ 500 mil.

GERALDO ALCKMIN, GOVERNADOR DE SÃO PAULO: É, mais ou menos vai dar uns R$ 500 mil por ano. O município para fortalecer a atividade turística. Depois com essa beleza de linho, eu estou vendo aqui um moço inteligente com a camiseta do melhor time do país, e esse é o ano do peixe, não é? [ininteligível], quando o Santos foi... Há uns anos atrás eu brincava e perguntava assim: O Rio Tietê desagua no? Paraná. O Rio Paraná se une ao Paraguai. Forma a Bacia do Paraná. E aí chega no Uruguai, Montevidéu. Onde o Santos venceu o Penarol e foi campeão da libertadores. Um grande abraço a todos. [[]]