Discurso - Visita às obras do Projeto de Reurbanização do Bairro Vileta e Assinatura de Decreto de desapropriação de área para instalação do Reator Multipropósito Brasileiro 20121412

De Infogov São Paulo
Ir para navegação Ir para pesquisar

Discurso - Vistoria de obras e assinatura de decreto de desapropriação.

Local: Iperó - Data: 14/12/2012


GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN: Olha, dizer da alegria de voltar aqui à Iperó, de estar aqui no Vileta, Vileta, Campos de Vileta, não é isso? Estar aqui com todos vocês, cumprimentar o nosso prefeito. Vocês têm um bom prefeito, que é o Marcão, nosso prefeito de Iperó. Cumprimentar o vereador Chiquinho, Francisco Antônio Coutinho, presidente da câmara, e agradecer a todos os vereadores a honra do título de cidadão, aqui de Iperó. Me deixaram muito feliz, muito obrigado Chiquinho. Cumprimentar o prefeito eleito, o Vanderlei Polizeli e desejar ao Vanderlei um ótimo trabalho aqui na cidade. Cumprimentar o deputado federal Silvio Torres, secretário de estado da habitação; a deputada Maria Lúcia, que tem nos ajudado muito na Assembleia Legislativa. Cumprimentar o Vice-almirante, Carlos Passos Bezerril, diretor do Centro Tecnológico da Marinha, um grande amigo de São Paulo, muito obrigado Almirante Bezerril. Outro Almirante, Luciano Pagano Júnior, superintendente do Programa Nuclear da Marinha. Cumprimentar o nosso prefeito eleito de Sorocaba, o Antônio Carlos Pannunzio, desejando a ele um ótimo trabalho. Désirée Zouain, Coordenadora de Ciências e Tecnologia da Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado. O José Carlos Bressiani, cadê o Bressiani? Está aqui, do lado de cá. José Carlos Bressiani, superintendente do IPEN. O Reinaldo Iapequino, subsecretário da Casa da Paulista. Cumprimentar o Ramiro de Campos, prefeito de Cesário Lange. O Benedito Valário, ex-prefeito aqui de Iperó. Saudar também, o Alexandre Cordeiro, diretor da Floresta Nacional de Ipanema. Capitão Eunice Machado da Polícia Militar. A Sandra Rosa, diretora aqui da escola Visconde de Porto Seguro, Francisco Adolfo de Varnhagen, Felipe de Castro Campos, amigas e amigos. Olha, hoje é um dia muito alegre, nós vamos deixar o bairro aqui brilhando, viu? Demora um pouquinho, dá um pouquinho de trabalho, mas vai ficar caprichado. O Marcão estava me explicando, esse é um dos grandes programas do estado de São Paulo, de urbanização, de deixar o bairro arrumadinho e legalizado, vocês poderem ter o documento, a escritura. Então, é o programa Cidade Legal para regularizar as casas. E a urbanização, abrir as avenidas, fazer creche, fazer escola, fazer área de lazer, esse é um grande bairro, é uma cidade,[ininteligível] é uma cidade praticamente. Então, primeira fase do programa são quase R$ 9 milhões de investimentos, e esse é um projeto piloto, dando certo, a gente vai implementar em outros locais. Então, água, esgoto, drenagem, asfalto, transporte, educação. Vindo para cá com o Marcão, de Sorocaba, nós já telefonamos para o secretário da Educação. Então, a gente vai fazer um convênio com a prefeitura e passar o recurso para a escola do estado fazer uma nova escola aqui no bairro para os nossos jovens e para as nossas crianças aqui do bairro. Então, essa é a primeira boa notícia. E a legalização, legalizar todo o bairro para todo mundo poder ter o seu documento e a sua segurança. E de outro lado, hoje, como é que a pessoa, quando tem câncer, ela tem três tipos de tratamento: ou é cirurgia, ou é quimioterapia ou é radioterapia. Está crescendo muito é a radioterapia, porque ela é muito eficiente. Então, esses produtos são feitos em São Paulo, lá no IPEN, 97% dos radio fármacos do Brasil são feitos aqui em São Paulo, mas ele é feito a partir do radioisótopo. Então, a gente vai comprar lá no Canadá, não é isso? Lá no Canadá, porque o Brasil não fabrica. Aí, começou uma grande discussão: onde é que nós fazer o reator multipropósito? Porque ele serve à medicina nuclear, à engenharia nuclear, à energia nuclear... Então, um dia o que vai fazer. Aí, vários estados disputaram, como nós temos o projeto da Marinha aqui [ininteligível], um belíssimo projeto, nós dissemos: não, leva para Iperó. Nós compramos a área para poder fazer lá o reator multipropósito. Para vocês terem uma ideia, qual o orçamento da prefeitura este ano, R$ 60 milhões. Quanto vai ser investido no projeto do laboratório? R$ 1 bilhão. Então, isso aqui é como se nós tivéssemos dizendo para vocês: vai instalar aqui a Toyota, a Hyundai, a Volkswagen, R$ 1 bilhão de investimento. É impressionante o que vai acontecer. Então, nós temos hoje, nós já suplementamos o orçamento do estado para comprar a área e hoje eu assinei o decreto de utilidade pública, o DUP. Então, nós vamos ter do lado lá da área de Aramar, da Marinha, um grande laboratório para ajudar saúde do povo brasileiro, o Brasil ficar independente, poder produzir os radioisótopos para a medicina nuclear e outras atividades, por isso que chama multipropósito. Energia nuclear, Marinha, engenharia nuclear, toda a área nuclear. Então, um grande investimento. E Iperó está de parabéns, parabéns. O Marcão fecha aí com chave de ouro, e o Vanderlei é um pé quente, que já começa... Cadê o Vanderlei? Ah, foi para a diplomação lá, se não perde o diploma e aí não adianta nada, Mas o Vanderlei está de parabéns. E o bairro aqui, nós queremos voltar aqui outras vezes para a gente acompanhar esse trabalho, viu, Sílvio? Sílvio Torres, que é o secretário da Habitação, o Iapequino, é dos carecas que elas gostam mais. Nós vamos voltar aqui mais vezes para a gente acompanhar todo esse investimento. E vocês fiscalizem aí, fiscalizem, acompanhem, mas o bairro vai ficar chique, vai ficar caprichado aqui em [ininteligível]. Então, nós pretendemos, rapidamente, já, além da parte física do viário, já acelerar a nova escola do estado, que vai ser uma das mais bonitas aqui do estado. Queria agradecer a deputada Maria Lúcia, dá um passo aí... Maria Lúcia tem nos ajudado muito lá na Assembleia Legislativa, ela é companheirona, tem ajudado lá para valer todos os projetos de interesse da nossa população. Agradecer ao Sílvio Torres, ao Iapequino, a toda a equipe da Secretaria da Habitação por esse trabalho. Agradecer a nossa Marinha, ao Almirante Bezerril, a Désirée, a equipe da secretaria, ao IPEM, o grande instituto nosso que é o IPEM. Cumprimentar aqui todos vocês, agradecer a Câmara de Vereadores. Fiquei muito feliz aqui com esse título, Marcão, fiquei muito honrado. Há uma historieta árabe, Marcão, que diz o seguinte: que perguntaram a uma mãe, qual dos filhos ela mais amava. E ela respondeu, ela disse: o ausente, até que volte; o doente, até que sare; o pequenino, até que cresça... O pequenino, até que cresça, o doente, até que sare, o ausente, até que volte. Eu nascendo hoje para a cidadania aqui em Iperó, e estando mais ausente do que presente, até pelas questões de trabalho, tenho certeza de vou ter as orações e a torcida aqui de vocês para a gente, como cidadão de Iperó, honrá-los, não decepcioná-los e trabalharmos muito em benefício da nossa população. Muito obrigado.